sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

FanFic: "You're My Number One" (+18)

Autora: Maricia Jackson



Sinopse: 

O que você seria capaz de fazer por alguém que você mal conhece? Nicole pode te responder. Por um grande amigo ela foi capaz de lutar para realizar seu sonho.
Amizade.O sentimento mais puro e valioso.Eles se conheceram de uma maneira diferente e com o passar dos anos,essa amizade se tornou ainda mais forte.

Michael Jackson:

























A vida para esse jovem de 24 anos nunca foi fácil. Michael praticamente vive nas ruas.Nascido de uma família pobre, ele luta para sustentar sua casa,mas ele tem um grande sonho.Se tornar um grande artista,Michael tem um dom fora do normal pela música.Mesmo com toda a dificuldade que é sua vida, ele tem esperança de que algum dia, possam reconhecer o valor do seu talento..

Nicole Almanza:


























Será responsável por dar um rumo à vida de Michael. Com apenas 17 anos, ela se considera muito responsável e madura. Ela vem de uma família da alta sociedade.Seu destino se cruzará com o de Michael e ela não medirá esforços para realizar o grande sonho dele.

Daí em diante uma linda amizade nascerá, digna de durar a vida toda.Mas para Nicole é apenas amizade ou é um sentimento maior?
O que o futuro reserva para ambos? Embarque nessa emocionante história (de amor ?)!



Oi meninas!! Antes de mais nada, deixe eu explicar algumas coisas. Bem, a fic começa no ano de 1982, mas vai se desenrolar com o passar dos anos até chegar em 1995, onde ai sim a estória começa pra valer.
Michael será o cantor que conhecemos, o que mudei foi a forma como Michael começa a fazer sucesso, para poder dar sentindo à estória. Espero que gostem!! Bjooss



Capítulo 1 


Michael 

1982





   Droga! São cinco da manhã e meu despertador já tocou.Meu dia já começou ruim,passei a noite toda acordado e agora já tenho que pegar no pesado.
   Meu nome é Michael Joseph Jackson.Tenho 24 anos e bem,faço de tudo! Vivo no Brooklyn, na área mais pobre pra ser mais exato.Estou acostumado com o lugar,moro aqui desde que nasci.Moro com meus pais e seis irmãos. Nossa vida não é fácil,eu praticamente vivo nas ruas.Vendo água e refrigerante no sinal,faço meus bicos e ainda assim não é o suficiente.
Digamos que eu seja um invisível.Também pudera,sou um neguinho que vive nas ruas, não tenho onde cair morto e ainda por cima moro em uma "favela".
   Mas cara,mesmo com todo esse perrengue,eu não me envergonho disso.Faço o que posso para sobreviver e posso dizer até que sou feliz!
   Bem,outra coisa em que eu me orgulho muito são das músicas que eu escrevo.Desde pequeno sempre cantava e dançava.Eu e meus irmãos até chegamos a formar uma banda nos 70,mas por falta de grana,acabou não dando certo.Mas eu nunca desisti,eu tenho esperanças de que um dia eu vou conseguir.
   Eu compus uma música chamada She's Out Of My Life. Com uma grana extra que eu tinha guardado,consegui gravar a música.Já levei em dezenas de gravadoras,mas tudo que ganhei foi porta na cara. Eu sei que é difícil,mas a música e a dança são minhas paixões e eu vou lutar por isso sempre!
-Sonhando acordado Mike? - disse meu amigo Noan - Já vendeu todas as garrafinhas?
-Que nada! Movimento tá fraquíssimo hoje.. - me lamentei - O pior é aguentar a fúria do meu pai quando eu chegar em casa!
-O coroa não perdoa ne?
-Não mesmo!
-É meu amigo..Vida de pobre não é fácil...
-Eu que sei! Vou indo truta,amanhã estamos ai!
-Fechou!  - apertei a mão de Noan e segui pra casa.
 Ao me aproximar do portão,ouvi gritos lá de dentro.De novo não,pensei.
-Solta ela agora pai!
-Não se mete,moleque!
-Está tudo bem meu filho.. - mamãe tentou apaziguar
-Como bem mãe? Ele  tá batendo na senhora!
-Me dá a grana que você fez hoje! - disse meu pai sem paciência nenhuma
-Toma! - lhe entreguei o dinheiro
-Cinco dólares! E isso aqui é dinheiro seu imprestável? Você tá me roubando não é?
-Você acha que é fácil vender água no trânsito? Ninguém compra Joseph!
-Você que é um preguiçoso sempre foi!
-E você um explorador! - senti um tapa fortíssimo atingir meu rosto
-Você vai pegar suas coisas e desaparecer daqui!
-Não Joseph! Não expulse nosso filho!
-Não vou falar de novo!
-Não se preocupe mãe,eu sei me virar e eu te prometo que vou te tirar dessa vida!
-Mike.. - fui para o meu quarto e peguei as poucas roupas que eu tinha.E claro,minha fita demo e todas as letras de músicas que eu havia escrito.
 Quando cheguei na sala Joseph não estava mais lá,menos  mal.  Meus irmãos olhavam assustados e minha irmã caçula Janet estava desesperada assim como mamãe.
-Vai embora não maninho.. - me abraçou chorosa
-Cuide da mamãe ok? Eu vou voltar,te prometo! - lhe  beijei a testa.
-Filho..
-Não fica assim mãe,é melhor eu ir embora. Eu amo a senhora tá?
-Eu também te amo,mas pra onde você vai? À essa hora da noite..
-Eu vou me virar mãe!
-Vá com Deus meu querido,e me dê notícias,por favor!
-Deixa comigo! - lhe dei um forte abraço e deixei a pequena casa.
 O que seria de mim de agora em diante só Deus sabe! Não tenho um tostão furado,nenhum lugar para ir. É Michael,sua casa agora é as ruas!


Capítulo 2 


Nicole 





  Férias escolares,finalmente! Já não aguentava mais ficar longe da minha família,que se resume ao meu pai e minha avó paterna.
 Sou Nicole Almanza,tenho 17 anos estudo em Beverly Hills,mas minha família reside em Nova York. Quando o ano letivo acaba, volto para NY ficar perto do papai e da vovó.
   Meu pai fez fortuna se tornando advogado e posteriormente,juíz. É respeitadíssimo pela alta sociedade burguesa,mas assim como eu, papai não se deslumbra por toda essa riqueza.
   O problema é que desde que mamãe morreu,quando eu tinha 10 anos, ele nunca mais foi o mesmo. Papai se isolou da vida social e pessoal, torço pra que ele encontre uma mulher para amar e ser feliz novamente.
-Nick, vamos pra festa da Sue,é despedida ne?
-Eu sei Gabbe, mas papai já deixou tudo pronto para me receber.
-Tudo bem.. E então,já decidiu o que vai fazer agora?
-Você sabe que meu sonho sempre foi fazer serviço social. Quero me tornar professora de canto para crianças autistas. Vi em um livro que a música é uma das  formas de tratamento para o autismo.
-Isso é lindo amiga!  Tenho certeza que você vai se sair bem,ainda mais com essa voz perfeita!
-Obrigada Gabbe! E você?
-Moda! Quero ser uma super estilista!
-E vai ser sim! Você vai fazer faculdade em Nova York mesmo?
-Ainda não sei,recebi propostas de algumas faculdades por aqui e em NY também,ainda estou pensando..
-Vai fazer a escolha certa! Bem,a gente se vê amiga.Boa viagem! - lhe dei um abraço apertado e subi para o meu quarto.
 Arrumei minhas malas,tomei um banho e caí na cama. Amanhã cedinho vou pro aeroporto rumo à NY!
                                                              * * * * *

  A manhã chegou rapidinho. Fiz minha higiene matinal,tomei um banho e segui para o aeroporto internacional de Beverly Hills.
 A viagem foi bem tranquila,peguei um livro para ler e  em meia hora adormeci. Só  acordei quando faltava uma hora para o avião aterrizar.
   Finalmente pisei em solo Nova - iorquino. Respirei fundo e uma sensação de nostalgia invadiu meu peito.Sempre amei Nova York,fora que essa cidade é meu refúgio.Todos que eu amo estão aqui,quer motivo melhor que esse?
 Ao sair da fila de embarcação,avistei Theodor,motorista de papai há mais de vinte anos. Ele é de total confiança,me viu nascer e além de ser um cara super gente boa.
-Theo! Que saudade! - lhe dei um abraço forte
-Oh menina,quanto tempo! Estávamos sentindo sua falta!
-Eu também! Louca pra ver o papai,a vovó,a Nani!
-Estão todos lhe esperando.Vamos?
-Uhum! - entrei dentro do carro e logo estávamos seguindo para minha casa.
 O rádio tocava o  nosso sucesso do momento. I Love Rock and Roll da minha diva Joan Jett.
-Aumenta a o volume Theo!
-Assim está bom? - ele riu
-Isso aê! Singin' I love rock and roll
So put another dime in the jukebox baby I love rock and roll
So come on take time and dance with me.. 
!  - cantarolei
-Sabe, acabamos de entrar no ano 1982. Já tem suas apostas para um novo artista?
-Até agora não vi nenhum artista que me encha os olhos, bem que podia aparecer um cantor ou cantora para revolucionar a história da música?
-Vamos esperar.. Chegamos! - Theo abriu a porta para mim e eu avistei papai e Nani me esperando
-Pai! - gritei me jogando nos seus braços
-Princesa! Que saudade!
-Você está ainda mais linda,boneca! - disse Nani,uma senhora que é minha babá desde que nasci
-Nani,morri de saudade de você!
-Imagina eu! - ela me deu um abraço afável
-Estou orgulhoso de você,querida! Fechou o ensino médio como a melhor da turma! - disse papai
-Fico feliz por lhe dar orgulho pai! Me conte as novidades!
-Sabe o Quincy Jones?
-Sim,o senhor foi advogado dele por muitos anos,e você sabe que eu adoro ele!
-Ele virá jantar aqui hoje,especialmente por você!
-Sério? Papai eu sou fã dele!
-Eu sei disso! Ele está empolgado com o seu retorno! Seus amigos ligaram.
-Brigith também?
-Todos eles. Brigith,Kaio,Lola..
-Ai que saudade estou deles! Vou ligar agora mesmo!
-Calma querida! - disse Nani - Vá tomar seu banho e descansar. O almoço será servido daqui a pouco.
- Ah que saudade da comida da Peppa!
-Ela fez seu prato preferido!
-Torta de frango com palmito?
-Exatamente!
-Oba!! Volto já já! - subi as escadas correndo e entrei no meu quarto.
 Ele estava do jeitinho que eu sempre o deixava. Era tonalizado de rosa bebê,decorado com anjinhos de vários tamanhos. Amo escultuta de anjos,acho a coisa mais linda!
 Minha poltrona bege posta ao lado da enorme janela.Desde pequena gostava de me sentar nela e observar a natureza do lado de fora do meu quarto.
 E claro, não podia faltar meu aparelho de som.Antes de estudar fora,eu vivia fazendo festa do pijama com minhas melhores amigas ao som de Stevie Wonder, Roberta Flack, Diana Ross e muito mais. Não via a hora de reunir minhas amigas novamente.
 O bom filho a casa torna,tenho certeza que essas serão as melhores férias da minha vida!


Capítulo  3 


Michael

    Acordei me sentindo um trapo, o frio da madrugada foi cruciante. Mas tudo nessa vida a gente tem que se adaptar.Encontrei um cantinho em baixo da viga de uma lanchonete aqui no bairro mesmo.

  O negócio é, o que fazer de agora em diante? Vou continuar trabalhando como sempre faço e procurar um emprego fixo. Decidi esperar pelo dono da lanchonete para pedir um trampo.

-Hey,posso falar com o senhor? Meu nome é Michael! - o velho me olhou de cima a baixo

-Max. O que quer?

-Bem,você não tá precisando de ajuda aqui não? Quer dizer, alguém pra trabalhar aqui..

-E por que eu te contrataria? Já viu suas roupas?

-E é por esse motivo que eu preciso de emprego!

-Não tenho grana pra te pagar um salário truta..

-Faz o seguinte. Você me dá comida e deixa eu dormir aqui fora,é só o que te peço.

-Tudo bem então. Você vai limpar o bar todo dia depois que eu fechar,ok?

-Sem problemas!

-E vai fazer o que eu te pedir.Buscar encomendas,pedidos..

-Tudo bem!

-Ótimo! Te espero à noite,certo?

-Certo! Muito obrigado.

-Não por isso! - Max apertou minha mão e entrou pro bar

 Um problema a menos.Agora tenho que começar a vender água no sinal.O dia ta quente,pode ser que eu venda um pouco mais.

-E ai Noan,cadê as garrafinhas?

-Lá dentro,vou pegar. Vem cá, Jermaine disse que seu pai te expulsou.É verdade cara? - ri sem humor

-É verdade sim. Eu sabia que uma hora isso ia acontecer..

-E onde você tá agora?

-Consegui um trampo no bar do Max,em troca  ele vai deixar eu tomar banho lá,comer ..

-Cara,eu até te ajudaria mas meu barraco é um ovo e ainda tem a Gina.

-Relaxa man,eu entendo. Mas não se preocupe,eu vou me virar! Um dia todos vocês me verão na TV !

-Você não desiste ne? Acha mesmo que vai ser um James Brown? - debochou

-James Brown não,esse é único! Mas vai tirando sarro,mané..

-Para de sonhar acordado e vai trabalhar!

-To pensando em ir pra Ponte do Brooklyn,lá tem muto movimento.

-Por mim tudo bem,se tu sair vivo de lá.. - ele riu

-Até mais tarde!

  Peguei o fardo de garrafinhas d'água e segui para o local onde eu farei as vendas hoje. Minha sorte é que peguei carona com Tedd, o jornaleiro do bairro.

E agora estou aqui,sentado no cercadinho da ponte,esperando o trânsito dar trégua e os carros pararem para eu vender meu " peixe".
 Finalmente os carros foram parando,é a hora certa para eu me enfiar no meio deles. No primeiro carro que eu escolhi, a mulher que dirigia me olhou de cima a baixo.
-Bom dia,vai uma água ai madame? - a mulher fechou o vidro na hora - Valeu ae!
 O problema é quando a água começa a esquentar,ai sim que eu não vendo mesmo. Mais um carro parou,desse vez era um senhor que parecia bem educado e do lado dele,no banco do carona, uma garota loirinha,olhos azuis e uma pele tão  branquinha, cantarolava uma música qualquer,mas parou assim que me viu.
 Ótimo! Mais uma nojentinha que vai virar a cara pra mim.
-A..aceitam água? Tá geladinha!
- Não,obrigado! - disse o cara
-Espera Theo! - disse a moça tranquilamente - Tá geladinha mesmo? - se referiu a mim com um sorriso encantador
-Está sim moça! - tratei logo de dizer
-Ótimo! Vou querer duas garrafas. Quanto custa?
-Dois dólares ao todo.
-Hm.. - ela analisou sua carteira - Não tenho trocado.. - ela entortou a boca graciosamente - Faz o seguinte,toma aqui dez dólares.
-Não tenho troco pra te dar, moça!
-Não tem problema,fique com o troco! - ela sorriu
-Não senhorita,é muito dinheiro!
-O sinal  abriu senhorita Nicole - hmm Nicole o nome dela..
-Fique com você.Quem sabe nos esbarramos ai de novo e você me devolve o troco? - ela piscou pra mim
-Tu..tudo bem! - eu sorri - Mas eu prometo que vou lhe devolver!
-Certo..! Até mais moço! - ela acenou e logo seu carro partiu
-Caramba! - eu ri do seu jeito e continuei às vendas.
 Mas eu não vou me esquecer do troco.Assim que eu à ver novamente,ei de lhe devolver os oito dólares!



Capítulo 4 


Nicole



  Hoje o dia amanheceu abafado.  E eu teria que me deslocar para o outro lado da cidade.

-Detesto trânsito! - resmunguei para Theo

-Essa hora do dia é sempre assim. Quer ouvir um som? - ele riu

-Quero! -  me animei. Quando eu estava envolvida com a música percebi um carinha na janela do carro.

 Ele queria vender garrafas d'água. Mesmo com as roupas sujas e o cabelo desgrenhado,ele até que era bem bonito. Era moreninho, esbelto, tinhas olhos negros e um sorriso lindo.Os dentes branquinhos contrastavam com a sua aparência.

Como estava muito abafado,comprei logo duas garrafas. Logo depois disso, estávamos voltando pra casa.

-O que você tem? - perguntou Theo

-Nada,por que?

-Sua cara.. Está calada também.

-Acha que aquele garoto ta pensando que eu me penalizei com ele?

-Não se preocupe Nick, ele deve ser orgulhoso mesmo..

-Nem perguntei o nome dele..

-E pra que teria que perguntar?

-Porque pra mim ele é como um ser humano qualquer,gostaria de saber o nome dele.. - chegamos em casa

-Me dê a garrafinha,eu jogo no lixo.

-Não precisa! - sorri - Até mais!

-Até!

 Subi direto para o meu quarto.Me deitei na cama e fechei meus olhos,me lembrando da cena de de minutos atrás. Abri meus olhos e olhei pra garrafinha.

-Não acredito que vou guardar isso! - ri

E foi o que eu fiz. Peguei a garrafa e a guardei dentro do meu closet. Gostaria de relembrar essa cena mais vezes,então a guardei.

-Nick! - Nani bateu na porta do meu quarto

-Pode entrar Nani!

-O que está fazendo,querida?

-Guardando algumas coisas..

-Sua amiga Lola está lá em baixo!

-Como eu me esqueci! Eu convidei ela para um banho de piscina! Nani me ajuda com o biquíni?

-Claro que sim! Mas nesse corpinho,qualquer biquíni ficará lindo!

-Ah não exagera,Nani! - ri

-Coloque esse aqui. Rosa fica perfeito em você!

-Obrigada! - vesti o biquíni e coloquei uma sainha.

 Desci até o jardim e lá estava minha melhor amiga me esperando.Nossa parece que tinha séculos que eu não a via.
-Lola!! - corri para lhe dar um abraço
-Sua louca! Por que sumiu por tanto tempo?
-É a escola,tava muito apertado. Mas agora eu me formei e estou de volta!
-E vai fazer faculdade aqui mesmo?
-Estou querendo. Amo Nova York, você sabe. E aqui tem o curso que eu quero fazer!
-Oba! Agora você não vai mais se afastar da gente!
-Não mesmo! - eu ri - Agora vamos dar um mergulho,tá muito quente!
-Concordo!
-Pedi a Nani que preparasse um lanche pra nós duas. Estou morrendo de fome!
 Entramos na piscina e ficamos brincando feito duas crianças,fazendo a farra. Logo, Nani apareceu com a bandeja. Saímos da piscina e fomos comer.
-Sabe que o Alfred tá morrendo de saudades de você!
-Sério? - disse com desdém
-Uhum! Pensei que ficaria animada,afinal vocês só terminaram o namoro porque você foi embora.
-Eu sei,mas tem tanto tempo que eu não vejo ele..
- Mas hoje vocês vão se ver.
-Como assim?
-Comprei ingressos para assistirmos o show do Scorpions!
-Sério? Oh meu Deus! -gritei eufórica
-Uhum. Você vem né?
-Claro! Mas ó, não quero ficar com o Alfred ein!
-Relaxa amiga! Essa noite vai ser especial..



Capítulo 5 


Michael




  Depois das vendas não muito boas,voltei pro meu bairro.Já eram 18:00 horas e eu tinha que correr pra lanchonete.Poxa,primeiro dia de trabalho e eu não posso pisar na bola assim.

 Quando cheguei na lanchonete, começou a chover.Obrigada,senhor!

- Acho que essa loirinha me deu sorte! - ri

-Que loirinha? - disse Noan, logo atrás de mim

-Ah, uma cliente do trânsito hoje. A garota comprou duas garrafas de água e ainda me deu dez dólares!

-Tá brincando!

-É sério. Mas eu prometi que vou devolver seu troco.Não preciso de esmolas. Ela tem cara de ser essas patricinhas de Nova York, pelo menos foi gentil comigo..

-Vai ver ela não é fútil..

-Quem sabe.. Agora deixe eu trabalhar! Até mais!

-Até!

 Durante toda a noite,fiquei servindo mesas,lavando banheiro e quando finalmente o bar fechou, fui limpar tudo.Max em hipótese nenhuma permitiu que eu dormisse lá dentro. Dou razão à ele, afinal ele me conheceu hoje ne?

O foda que tá caindo o mundo lá fora,a chuva não dá trégua um minuto! E por mais que a viga seja tampada,ainda sim chove bastante. Como não tive escolha, me deitei lá fora mesmo.

 Com a chuva,o frio veio com tudo, eu me encolhi o máximo que pude.Joguei minha mochila em cima  da cabeça,pelo menos ali não choveria em mim. Puta que pariu! Hoje estou pagando todos os meus pecados!



                 

 Nicole



Depois do show dessa noite,eu fiquei eufórica! Alfred tentava o tempo todo me seduzir,mas tratei logo de o afastá-lo.

Na hora de ir embora, fomos eu,Lola,Brigith e Kaio dirigindo. Como eu estava muito tempo longe de NY, quis fazer um programa diferente.

-Gente,por que não vamos dar uma volta no Brooklyn?

-Ta maluca Nick? Aquilo lá é barra pesada!

-Não exagera,Kaio! - disse Lola

-Lola tem razão,aposto que lá tem lugares incríveis!

-Uhum à essa hora da noite?

-Ah qual é? Tá com medo Kaio? - provoquei

-Quer saber? Vamos lá então! E eu vou te levar no lugar mais perigoso do Brooklyn,preparadas?

-Sim! - me prontifiquei. Eu queria um pouco de emoção na minha vida.

 Mesmo com uma chuva demasiada lá fora,fomos para o Brooklyn. No início tava tudo tranquilo,mas quando Kaio foi adentrando cada vez mais no lugar,passei a sentir um pouco de medo.

Forcei meus olhos para um determinado lugar e percebi alguma coisa ou alguém encolhido naquela chuva dilacerante.

-Vamos voltar girls?

-Para o carro!

-Tá louca Nick? - Lola perguntou confusa

- Eu tenho que descer,para!

-É um mendigo garota!

-Não importa! - Kaio freiou o carro e eu desci rapidamente.

Meus instintos me guiaram até aquela " coisa" e aos poucos pude perceber que era sim uma pessoa.

Me abaixei,retirei uma mochila que tampava seu rosto,percebi que era um homem,não um simples homem,era o rapaz que me vendeu água hoje cedo!

-Você!  - exclamei surpresa

-Hmm - ele apenas murmurava

-Deus! Eu preciso de tirar daqui! Espere.. - voltei até o carro para pedir ajuda

-Nicole entra nesse carro agora! - ordenou Kaio

-Me ajudem! Ele tá mal gente!

-Já chega! Você fumou hoje,só pode!

-Esse cara é o mesmo que me vendeu água hoje!

-E daí? Vamos embora,pode ser um truque pra ele te assaltar,sua sonsa! - disse Kaio
-Quer saber? Me dê minha bolsa,vou ligar pro Theo e ele vai nos buscar.
-Como é? - Lola disse incrédula
-Vou levar ele comigo! Tá na cara que ele é morador de rua,se ficar nessa chuva,vai acabar morrendo!
-Não vou deixar você aqui sozinha! - disse Kaio
-Eu to pedindo,vá embora! Eu sei me cuidar!
-Quer saber? Eu vou mesmo! Se cuida! - Kaio arrancou com o carro e eu liguei imediatamente para Theo.Lhe dei o endereço de onde eu estava,desliguei e corri de volta para ver o garoto.
-Vamos sair daqui ok?
-Garota você é louca? Aqui é perigoso! Vai embora,não preciso da sua pena,Nicole!
-Como sabe meu nome?
-Escutei seu motorista falando hoje,ah esquece.. você nem se lembra!
-Claro que lembro! Você me vendeu água e está me devendo oito dólares! - ele riu
-Eu não esqueci! - arrastei Michael mais pra perto da porta,onde chovia menos
-É melhor ficarmos aqui!
-Garota,vá embora! Não me responsabilizo se você for assaltada!
-Não me importo.Não vou deixá-lo sozinho,ouviu bem? Não vou!



Capítulo 6 


Michael




    Só pode ser ironia do destino.Toda vez que tô passando por perrengues essa loirinha aparece e me tira do sufoco.Tenho que lembrar de agradecer a Deus mais uma vez! - ri com meu pensamento.Nicole permaneceu grudada comigo, tentando de todas as formas me proteger da chuva,até seu casaco ela tirou para me acolher. Ela disse que estava esperando seu motorista chegar.Agora o que ela queria com isso eu não sei.

-Chegou, espere aqui que eu vou chamar o Theo! - Nicole se afastou e logo o seu motorista veio na minha direção

-Está tudo bem,filho! - disse simpático, me ajudando a levantar

-Onde você mora? - ela perguntou

-Eu também me perguntou isso! - ela riu

-Não se preocupe com isso! Pode levar ele Theo.

-Pera ai, levar pra onde?

-Pra minha casa! - ela disse tão despreocupadamente que me espantei

-Mas o que? - perguntei

-Dona Nicole, seu pai precisa saber. - disse Theo

-É só por hoje, ele nem vai saber.Anda logo, ele vai ficar doente!

-Tudo bem, vamos .. qual seu nome? - ele perguntou

-Michael.

-Nome de anjo.. - ela disse em voz baixo, mas o suficiente para eu ouvir  - Então leve o Michael, ponha ele no banco de trás.

-Sim senhora! - Theo me apoiou em seu ombro e me colocou no banco de trás. Nicole se sentou no banco de carona e Theo deu partida

-É melhor tirar a blusa Michael. - ela disse

-O que? - perguntei assustado

-Tire a blusa Michael, está ensopada, vai pirar a situação! - mesmo acanhado eu fiz o que ela pediu.É incrível como eu consigo confiar plenamente em uma pessoa que eu conheci hoje!

 O percurso foi tranquilo. Theo e Nicole conversavam amenidades, acho que queriam que eu me sentisse mais confortável.Aos poucos fui fechando meus olhos e só acordei quando Theo me tirava do carro.

-Já chegamos Michael. - ela disse - Theo tome cuidado para não fazer barulho.

-Onde levo ele?

-Pro meu quarto, ora!

-Tem certeza? - ele perguntou preocupado

-Sim! Relaxa Theo. Lá é seguro!

-Tudo bem!

-Em silêncio,por favor! - subimos as escadas tentado fazer o mínimo de ruído possível.

 Quando Nicole abriu a porta de seu quarto, percebi como era encantador o lugar,a cara dela né? Era todo em tons de rosa clarinho,móveis muito bem combinados e alguns quadros na parede. Típico de patricinha .. Poxa, a menina me ajudando aqui e eu falando mal dela.Porra,Michael!

-Leve ele para o banheiro. - ela disse - Consegue tomar banho sozinho? - ein?
-Quer que eu tome banho? No seu banheiro?
-Qual o problema? Theo, traga algumas roupas de papai para Michael vestir. Eu vou na cozinha fazer uma sopa pra ele. Qualquer coisa me chame!Fique a vontade e pode usar todos os produtos que estão lá!  - eu estava tão chocado que não conseguia abrir a boca para dizer um "muito obrigado"! Eles desceram e então eu pude respirar aliviado. Isso só pode ser um sonho, em que lugar desse mundo uma loirinha rica, que mora em uma mansão enorme, me levaria para sua casa e cuidaria de mim? Em lugar nenhum!
 Depois de muito debater comigo mesmo, eu entrei no chuveiro.Morri de medo de alguém entrar, mas tudo bem. A água quentinha foi um alívio pro meu corpo que estava gelado e trêmulo.Me permiti usar o shampoo, que cheirava a lavanda fresca. É por isso que seus cabelos cheiram tão bem..
 Terminei o banho e peguei uma toalha pendurada no cabideiro.O problema é, como vou sair daqui de dentro apenas enrolado na toalha? Abri a porta cuidadosamente temendo vê-la ali,mas por sorte o quarto estava vazio e tinha uma muda de roupa em cima da cama.Peguei ela rapidamente e voltei pro banheiro.A roupa era bem confortável,uma calça de moletom cinza, uma blusa de frio branca e uma camiseta de algodão. Vesti rapidamente, penteei meus cabelos,peguei minhas roupas molhadas e quando voltei para o quarto,Nicole já estava lá com uma sacola em mãos.
-Me dê sua roupa.Ponha aqui na sacola que o Theo vai colocar na secadora. - ela me olhou com ternura
-Olha Nicole eu não tenho palavras pra te agradecer, sério mesmo não sei qual o seu problema,mas obrigado.
-Por que eu teria problema? - parecia ofendida - Só porque me preocupei com você eu tenho retardo mental?
-Pelo amor de Deus, não me leve a mal, mas eu não estou acostumando com isso sabe..
-Me desculpa,eu que pareço uma louca ne? Te tirei daquela chuva, levei pra minha casa sem nem perguntar se você queria vir.. - ela riu timidamente
-Não esquenta, você foi um anjo pra mim. Ah.. eu ainda não me esqueci dos seus oito dólares! - ela riu
-Acho bom mesmo! - ela brincou - Agora tome sua sopa e esse remédio pra gripe. Vai ficar bem!
-Obrigada, mas já passou das duas da manhã, eu tenho que voltar pro Brooklyn agora!
-Mas você mesmo disse que não tem casa!
-Mas é a minha área,loirinha!
-Por que não tem casa?
-Na verdade eu tinha,mas meu pai me expulsou..É uma história complicada..
-Ah tudo bem, eu entendo. Mas você não vai sair daqui hoje. - afirmou
-Como?
-Vai dormir aqui, oras! Não vou deixar sair daqui á essa hora da noite para o outro lado da cidade! Durma aqui no meu quarto, que eu vou para o de hóspedes,se não alguém pode te ver lá e vai ser difícil explicar alguma coisa agora.. - ela riu
-Moça, isso já é demais! Dormir aqui..?
-Não discuta Michael. Vou preparar o quarto para eu dormir e daqui a pouco venho recolher a bandeja. Tome tudo! - ela sorriu e se retirou. Caramba! Essa menina tem problema, só pode..
 Tomei a sopa como ela ordenou e o remédio também.Em meia hora ela voltou, já vestida com uma calça de pijama e blusa de algodão.Estava adorável.
-Se sente melhor? - ela perguntou
-Mais ou menos..Desculpa,mas não to me sentindo muito a vontade..
-Eu entendo,no seu lugar também não estaria.. - ela riu - Mas Michael, eu quero apenas lhe ajudar. Não pense que faço isso por dó,mas.. eu gostaria muito de ser sua amiga, sei lá..
-Quer ser amiga de um cara como eu?
-Vejo problema nenhum nisso..
-Você é doida menina.. - ri
-Não ria. Eu to falando sério. Eu posso parecer uma pobre menina rica que só quer saber de compras no shopping e salões de beleza,mas eu sou mais que isso Michael! - certo, agora ela se ofendeu mesmo
-Nicole,não quis dizer isso, entenda..
-Tudo bem Michael..Agora descanse ok? E não se preocupe,ninguém entra aqui sem minha permissão,além do mais você pode trancar a porta, é melhor. Amanhã nós conversamos.Boa noite! - Nicole me deu um beijo no rosto e se levantou
-Espera!
-Sim?
-Muito,muito obrigada mesmo. Por tudo!
-Não precisa agradecer! - ela riu - Durma bem!
-Você também! - Nicole fechou a porta e eu fechei meus olhos. Caramba, que dia mais fora do normal e tudo isso por causa dessa loirinha!




Capítulo 7 


Nicole


 
Realmente meu dia foi recheado de coincidências. O cara que me vendeu água no sinal é o mesmo que está neste momento,dormindo no meu quarto! E eu me sinto imensamente feliz em poder ajudá-lo.
                  
* * * * *



  Acordei por volta das oito horas da manhã.Claro que,pela hora em que fui dormir eu deveria  acordar tarde,mas precisava saber como Michael estava.

Desci para a cozinha pedir para Nani preparar o café para Michael,mas tive uma surpresa.

-Nani,faz uma bandeja de café para mim?

-É para o rapaz ne? - ela riu

-Como sabe?

-Eu vi quando chegaram tarde e Theo me contou.Mas não se preocupe,George não vai saber!

-Obrigada Nani! Papai não entenderia nada!

-Mas querida.. Michael já foi embora.

-O que?

-Uhum! Eu vi ele saindo cedinho,não eram nem 07:00 horas.. Eu ainda não subi lá.

-Ah não! - subi correndo até o quarto e me surpreendi.

 Minha cama estava impecavelmente arrumada e as roupas que o emprestei,dobradas da mesma forma. Na mesinha de cabeceira tinha um bilhete. 



"Bom dia loirinha! Me desculpe não me despedir de você,mas não queria abusar da sua ajuda e também não queria te causar problemas.

Peguei minhas roupas com Theo e deixei as que me emprestou ai no quarto. Ah, embaixo desse papel tem os seus oito dólares de troco.As notas estão enrugadas por causa da chuva de ontem,mas o importante é que lhe devolvi!

Enfim,obrigada por tudo loirinha. Você é um anjo,me tirou do sufoco duas vezes! Não me esquecerei disso mocinha!

Vejo você um dia,quem sabe? Beijos! "


  Me senti extremamente encantada com suas palavras. Realmente Michael parece ser  muito reservado e envergonhado e eu acho isso tão bonito.. Em pouco tempo que lhe conheço,consigo enxergar sua alma,seu coração. E de jeito nenhum o deixarei escapar.

 Tomei meu banho,desci para a cozinha e encontrei  papai sentado na mesa tomando seu café.

-Bom dia papai!

-Bom dia princesa! Dormiu bem?

-Sim e o senhor?

-Ótimo. Tirando uns barulhos estranhos que ouvi no meio da noite.. Chegou tarde não é? - ele riu

-Me desculpe.. Mas eu fui em um show com meus amigos e..

-Tudo bem querida,eu só fico preocupado com você.. É uma garotinha.

-Mas eu sou madura o suficiente! - me irritei

-Eu sei meu amor!

-Bem,eu vou sair. Vai precisar do Theo?

-Não querida. Theodor está a sua disposição! Mas aonde a senhorita vai tão cedo?

-No shopping. - menti

-Então vai querida! Boas compras!

-Obrigada! - lhe dei um beijo e fui atrás de Theo

-Bom dia senhorita! - ele disse

-Bom dia.. Theo,vamos sair ok?

-Tudo bem. Para onde quer ir?

-No Brooklyn. Preciso achar Michael.

-Por que está tão interessada nesse rapaz,Nicole?

-Eu gostei dele Theo,além do mais ele precisa de ajuda,de um amigo...

-Você não o conhece menina..

-Mas quero conhecer! Só quero saber onde posso encontrá-lo.

-Você venceu! Vamos..

 Seguimos rumo ao Brooklyn novamente. Eu só queria saber como ele estava. Se ficou doente, gripado,sei lá.. Eu queria muito vê-lo, me aproximar dele,ser sua amiga..

A primeira coisa que fizemos foi procurá-lo no sinal e ele não estava lá. Pedi então para irmos para o mesmo lugar que encontrei Michael na noite anterior.

 Firmei meus olhos em uma rodinha de rapazes. Eles riam em volta de uma caixa de som que tocava James Brown. Quase caí para trás ao ver Michael dançando no centro. Saí do carro para ver melhor.

 Não,ele não estava simplesmente dançando,ele estava arrasando! Dançava exatamente como o próprio Brown. Poderia dizer que era até melhor!

O jeito como seus quadris se deslocavam,seus movimentos milimetricamente calculados,para ele parecia ser a coisa mais normal e fácil desse mundo. O melhor era ver seu sorriso despontando no rosto.
 Eu fiquei hipnotizada com sua dança,com seus movimentos. Era tudo tão encantador que até tive medo de interrompê-lo. Não precisei fazer nada,pois seus olhos encontraram os meus. Michael parou e veio até mim surpreso.
-Você aqui Nicole? Garota qual seu problema? - disse rindo
-Só queria saber como estava,pois você fugiu de mim..
-Não,eu não fugi. Só facilitei as coisas pra você!
-Hmm não sei porquê. Michael..! - disse extasiada
-O que?
-Você dança incrivelmente bem! Parece o próprio Fred Astaire! - ele riu
- Que isso.. Eu só arrisco uns passos. Eu amo dançar,desde pequeno eu assitia Sammy Davis e James Brown. Eu ficava  na frente da televisão  imitando eles. Eu morria de raiva quando a câmera não focalizava os pés do James! - ele riu
-Você tem um talento fora do comum! O que mais você sabe fazer ein?
-Nada.. - disse acanhado
-Sabe sim! Tá na sua cara!
-Hmm eu canto e escrevo músicas.
-Sério? Me mostra por favor!
-Agora?
-Se não te atrapalhar..
-Bem,minhas coisas estão na casa do meu amigo Noan. Se tiver possibilidade de ir comigo. Ah melhor não..
-Eu quero sim!
-Aé? Vai ter que ficar aqui então! - disse provocando
-Espera,eu vou falar com o Theo para me buscar depois.
-Vai mesmo querer ficar aqui e sem seu motorista? - disse sem acreditar
-Sim,por que não? Confio em você! Na casa dele tem telefone?
-Tem sim!
-Então vamos!
- Sorte sua que Gina e Noan estão trabalhando,mas quando eu tiver minha casa,você vai ser a primeira a conhecer!
-Eu vou adorar! - fui até o carro e avisei Theo que ficaria com Michael e mais tarde ligaria para ele me buscar
-E então, pode ficar?
-Posso sim.Vamos?
-Let's Go!



Capítulo 8



Michael



  Não acreditei quando Nicole disse que ficaria aqui no bairro.Será que essa mocinha não percebeu que esse lugar não é pra ela? Mas tudo bem,acho que vai ser divertido.

-Fica um pouquinho longe,se importa? - Nicole e eu já estávamos caminhando lado a lado

-Claro que não. Eu adoro fazer caminhadas,ainda mais em lugares que eu não conheço! - ela riu

-Então tá. Hm me fala de você. Quantos anos você tem?

- Dezessete e você?

-Vinte e quatro. Jura que tem só dezessete? É uma pirralha! - zombei

-Falou o ancião! - ela riu

-Fala mais..

-Eu nasci aqui em Nova York mesmo,mas desde os quinze estudo em Beverly Hills.

-Então está aqui a passeio? - me entristeci

-Não,agora não. Me formei esse ano. E pretendo fazer faculdade aqui.

-O que vai fazer?

- Serviço Social e Pedagogia. Quero ajudar no tratamento do autismo como professora de canto.

-Que incrível isso. Boa sorte pra você!

-Obrigada! Me fala de você agora..

-Hm entre.. - abri o portão para ela entrar - Não repara não tá? É casa humilde..

-Imagina Michael..

-Sente ai no sofá. Quer beber alguma coisa?

-Não,obrigada! Quero que fale de você!! - insistiu

-Tudo bem.. Hm, eu nasci em Gary,Indiana. Com oito anos eu e meus irmãos montamos uma banda,mas por muitas dificuldades não deu certo.

-Poxa..

-Ai viemos pra cá,mas nunca desisti desse sonho..

-Por que saiu de casa?

-Eu e meu pai nunca tivemos uma relação harmoniosa,e com o passar dos anos foi piorando.. Bem,até que tivemos uma discussão feia e ele me expulsou de vez. Acho que foi melhor,mas sinto falta de todos eles..

-Imagino como deve ser difícil pra você.

-E sua família? São gente boa que nem você? - ri

-Obrigada.. São sim. Meu pai por ser juíz sempre foi turrão,mas é um homem incrível!

-E sua mãe?
-Ah.. eu não tenho mãe. Ela morreu em um acidente de carro quando eu tinha dez anos..
-Sinto muito Nick.. Posso te chamar assim?
-Pode sim,claro!
-Então tá!
-Você disse que ia me mostrar suas letras.. - me lembrou
-Você não desiste,cabeça de maçã!
-Do que me chamou? - ela riu
-Cabeça de maçã! E vai se acostumando..
-Está bem! Eu gostei.. - rimos
-Vou pegar pra você ver! - apanhei minha mochila e peguei meus cadernos e a fita para ela ouvir - Nick,nunca mostrei isso pra ninguém! Você é a única!
-Que honra!
-Por favor,não ria!
-Claro que não ne?
-Ok! Essa aqui se chama Billie Jean.
-Deixe eu ver - Nick analisou atentamente a letra - Michael essa letra é real?
-Mais ou menos, bem isso acontece frequentemente ne?
-Ô! Poderia cantar um trecho pra mim?
-Ta falando sério?
-Claro que estou!
-Ai meu pai! Ok,vamos lá..

" Billie Jean is not my lover

She's just a girl

Who claims that

I am the one

But the kid is not my son

She says I am the one

But the kid is not my son.."


-Caramba! Michael você canta muito bem,tem uma voz tão doce,aveludada..
-Assim eu fico com vergonha..
-Não precisa! - ela tocou na minha mão - Você tem um talento fora do comum! Me mostre as outras!
-Ok. Hmm,essa aqui é Thriller. Meu sonho é fazer um clipe com ela. - ela pegou para ler
-Pela letra seria um clipe bem assustador! O que pretende fazer com ela?
-Hmm seria um clipe com zumbis. Já pensou?
-Uau! Você dançando com zumbis!
-Mas são apenas sonhos..
-Que podem se realizar..
-Do que está falando?
-Conhece Quincy Jones?
-Claro que sim! Acho ele demais! Por que?
-Porque eu o conheço,muitíssimo bem e eu posso mostrar para ele suas letras..
-Não,não! - me levantei rapidamente - Nicole não lhe mostrei essas porcarias para tirar proveito seu!
-Mas Michael..
-Mas nada! Eu não quero! Só lhe mostrei por mostrar,nada mais que isso! - gritei
-Desculpa Michael,sério eu só quis te ajudar.. - disse amedrontada
-Eu que te peço desculpas Nick,mas não vamos mais falar disso ok? Esquece..
-Tá certo..
-Vem,vamos fazer alguma coisa..



Capítulo 9 


Nicole

 Não imaginei que Michael teria essa reação. Poxa,esse é o sonho dele,sem falar do seu talento. Mas eu não vou ficar sem fazer nada,eu vou dar o meu jeito!
 Depois do que aconteceu,Michael e eu não tocamos mais no assunto. Até que foi bom,pois tivemos um dia incrível.Michael colocou seus LP's preferidos pra tocar e na empolgação,começou a dançar e mostrar seus passos de dança.
-Michael você ainda consegue ser um dançarino nato!
-Obrigado,agora vem aqui.
-Pra que?
-Pra dançar comigo,ora!
-Mike,eu não sei dançar!
-Sabe sim!
-Não..
-Vem logo,cabeça de maçã! - ele fez uma carinha tão fofa que eu não aguentei
-Tá,você venceu! - eu estava morta de vergonha,mas tava tão divertido que deixei a timidez de lado e me soltei.
 Me soltei até demais,pois quando dei um giro,torci meu pé e antes que eu caísse no chão,Michael me segurou firme.
-Ai! - gritei pela dor
-Senta aqui. - Michael me sentou no sofá - Está doendo muito?
-Um pouquinho só.. - Michael foi até a cozinha e trouxe uma bolsa de gelo
-Coloque ai.. - Michael tirou minha bota cuidadosamente e passou a massagear com suas mãos enormes o local,enormes mesmo!
-Hmm.. - gemi
-Dói aqui?
-Oh..sim!
-Vai passar! Imagina você chegando quebrada em casa? Seu pai ia me matar!
-Relaxa.. Ele sabe que eu vivo aprontando!
-Hmm você apronta é? - arqueou a sobrancelha
-Ás vezes..
-Sei.. Caramba já são duas tarde!
-Desculpa Mike,eu to te atrapalhando ne? - me senti culpada
-Claro que não loirinha! De qualquer jeito eu não estaria vendendo nada mesmo! - ele riu
-Ah mesmo assim..
-Relaxa Nick.. Está com fome?
-Estou sim! Morrendo!
-Hmm eu vou comprar alguma coisa que te agrade,porque aqui capaz de não ter..
-Ah para! Eu não sou fresca com comida! - fiquei tentada em dizer sou sou alérgica a lactose,mas com toda certeza ele me chamaria de fresca
-Você parece que veio de outro planeta anormal!
-Então somos dois! - ele riu
-Ok! Vou ver o que posso fazer pra gente. Noan liberou a cozinha!
-Então acelera porque estou com fome!
-Sim senhora,madame!
-Eu posso continuar vendo suas letras?
-Pode sim! Confio em você!
-Obrigada! - voltei para o quarto e continuei lendo.Caramba! Cada letra melhor que a outra! Eu nunca que deixaria essa preciosidade no fundo da gaveta!
-Nick! Ta pronto! - Michael  gritou da cozinha
-Hmm o cheiro da ótimo! O que é?
-Omelete. Conhece? - ele riu
-Claro que sim! E eu adoro tá seu implicante!!
-Hm vamos ver.. Não ta lá essas coisas não..
-Deixe eu provar! - dei a primeira garfada e realmente estava uma delícia!
-E então?
-Isso tá bom demais!!
-Oh Nick.. você tá vermelha!
-O que? - comecei a sentir falta de ar
-O que você tem? - perguntou assustado
-Michael o que você colocou na omelete?
-Queijo..
-Ah não!
-Você tá roxa! Meu Deus.. - Michael correu para me ajudar
-Na minha bolsa.. tem uma bombinha.. pega lá..
-Ok! - rapidamente Michael voltou com ela. Inalei por umas quatro vezes e então minha respiração normalizou.
-Pronto.. - consegui dizer
-Me desculpa,eu não sabia que era alérgica..
-A  culpa é minha,devia ter lhe avisado.
-Você tem o que?
-Asma  provocada por reação alérgica à  lactose. Por isso sempre levo na bolsa..
-Bebe essa água.
-Obrigada! O que vou comer agora?
-Ainda pensa em comida? - ele riu
-Claro! Não matei minha fome!
-Vou fazer outra,mas sem queijo tá?
-Ótimo!
Felizmente dessa vez ocorreu tudo certo. Ajudei Michael a lavar as louças e depois fomos dar uma volta. Paramos em um parque e ficamos ali conversando,brincando e se conhecendo mais ainda. Pena que Theo já estava vindo.
-Adorei passar o dia com você Michael!
-Eu também Nick..
-Não me divertia assim há anos!
-Mesmo quase morrendo e torcendo o pé? - ele riu
-Mesmo assim! Pois você me salvou duas vezes!
-Era minha obrigação pelo que fez por mim!
-Estamos quites? - estendi a mão
-Quites! - Michael a apertou
-Theo chegou.. A gente se vê de novo?
-Claro!
-Tá aqui o número do  telefone lá de casa,me liga ok?
-Pode deixar! Posso te dar um abraço?
-Claro Michael! - ele sorriu e me deu um abraço apertado. E o que eu mais queria naquele momento era permanecer abraçada à ele,sentindo seu cheiro tão perto de mim..




Capítulo 10 


Nicole 



  Passar um dia inteirinho ao lado do Michael foi simplesmente perfeito! O único problema é que quando me afasto,meu cérebro e coração ordenam que eu vá até ele novamente.
O pior é que eu to achando que meu sentimento é além da amizade. Cara,eu sempre tive amigos homens e nunca senti o que sinto com Michael. Essa sensação de liberdade,paz.. Esse nervosismo,coração acelerado.. Será que estou apaixonada por ele?
   Bem,é melhor eu não pensar nisso..Michael me tem como amiga,dá pra ver nos olhos dele,então é melhor eu não confundir as coisas.
Agora tenho que focar no meu plano. Preciso fazer com que Quincy veja Michael cantando.Eu tenho certeza absoluta que ele vai adorar.
-Oi papai!
-Oi boneca! Demorou ein!
-Eu estava na casa da .. Lola. - sorri para desfarçar
-Ah sim,podia ter avisado!
-Foi mal.. Hm,pai você sabe se o Quincy tá na cidade?
-Acho que sim,por que?
-Nada.. To com saudade dele,e eu quero ver as novidades da música,ele sempre me mostra! - papai riu
-Eu posso ligar pra ele.Se não tiver ocupado..
-Eu ligo! Deixa que eu ligo,pai..
-Tá certo.. Diga à ele que estou o convidando para um jogo de pôquer!
-Pode deixar! - subi correndo para o meu quarto,tranquei e porta e disquei no telefone,o número de Quincy
-Alô? - ouvi sua voz do outro lado da linha
-Quincy? Sou eu,a Nick!
-Oh princesa! Que bom falar com você.. E ai o que tem feito nas suas férias?
-Não muitas coisas,só fazendo novas amizades..
-Hmm novas amizades.. te conheço mocinha!
-É sério! E eu quero apresentá-lo à você.
-Eu? Mas é seu pai que tem que conhecer seu namorado.. - ele riu
-Para Quincy! É amigo mesmo! E eu te garanto que não vai se arrepender do que vou lhe mostrar..
-Já vi que tá aprontando alguma!
-Não estou! É Sério,vai me ajudar ou não?
-Hmm vou! Agora fiquei curioso,quem é o rapaz?
-Chama Michael. O resto é surpresa ok?
-Certo..
-Amanhã mesmo marco esse encontro.Mas tem um porém..
-Mais? - disse brincando
-Ele não sabe disso..Está só entre nós dois,entende?
-Nicole,Nicole.. - ele riu - Deixa comigo!
-Amanhã eu te ligo pra confirmar tudo ok?
-Sim senhorita!
-Muito,muitíssimo obrigada!
-Por nada meu anjo! Você é como uma filha pra mim! Até amanhã!
-Até!
 Certo,uma parte do plano já está feita. Agora é convencer Michael com uma desculpa qualquer.Deus,me dá uma ajudinha ai,por favor! Se tudo der certo,Michael vai estar feito na vida e eu vou morrer de alegria!
Mas agora é melhor eu dormir,amanhã o dia vai ser cheio e eu preciso arrumar um  jeito de enrolar Michael.

Michael

* * * *



Meu dia ao lado da Nick foi incrível. Notei como ela é divertida,simples,humilde e vamos combinar,linda também! Nunca pensei que faria amizade com uma patricinha,mas tudo bem. A vida nos surpreende e confesso que conhecê-la está sendo maravilhoso.
Mas como alegria de pobre dura pouco,logo já está na hora de levantar e vender água no sinal. O foda é que o inverno chegou com tudo e com certeza,não  venderei nenhuma gotinha se quer.
 Já estava me levantando da minha "cama",do lado de fora do bar do Max,quando Noan me chamou.
-Mike,telefone pra você!
-Quem é?
-Sua loirinha!
-Que loirinha o que! - ri dele
-Sei.. Vai lá!
-Alô?
-Mike? É a Nicole!
-Bom dia Cabeça de Maçã. Já está com saudades de mim é?
-Seu bobo! Só queria saber como estava..
-Bem,na medida do possível ne? - ri - E a madame?
-Estou ótima! Hmm Mike,a gente pode se ver hoje a tarde?
-Podemos sim! A tarde eu não trabalho mesmo.. Onde quer me encontrar?
-Pode ser na minha casa.
-Bebeu é?
-E se o seu pai me ver lá?
-Ele vai te ver!  -  afirmou
-E você fala assim?
-Mike,eu só não te falei do meu pai ainda,porque isso implicaria a dizer que você dormiu aqui, ai você já viu né? Mas agora não vejo porquê esconder isso.Nós somos amigos e papai é super da paz!
-Hm se você tá dizendo.Mas não sei não..
-Ah qual é,cabeça de maçã? Vem,por favor! - choramingou
-Tá! Garota você é um porre! - ela riu
-Eu sei e você adora! - adoro mesmo!
-Abusada! Que horas então?
-As 17:00 pode ser?
-Pode! Até mais!
-Até! E bom trabalho!
-Obrigado! Beijos..
-Beijos..
 Caramba essa menina não desiste mesmo! Saí da casa de Noan com um sorriso despontando nos lábios. Nicole tem mudado totalmente minha vida!


Capítulo 11 


Nicole



  
Já são 16:00 horas e nesse pouco tempo,eu teria que ligar para Quincy e preparar todo o plano.
Decidi usar o salão de festas da minha casa.O lugar seria perfeito para Michael cantar e dançar,fora que Quincy poderia assistir tudo escondido. Liguei para Quincy,a fim de acertar os últimos detalhes.
-Quincy,é a Nicole. Daqui a pouco o Michael chega.Eu vou levar ele para o salão de festa.
-Ok. Nick o que tanto quer me mostrar?
-Já disse que é surpresa! Pode vir pra cá,e se esconda ok? Mike não pode te ver.
-Sim senhora! Daqui a pouco eu chego ai!
Desliguei o telefone e Nani me informou que Michael estava me esperando no jardim.Desci correndo para encontrá-lo.
-Michael! - corri para lhe abraçar
-Nossa,que saudade você estava ein?
-E você também,aposto! - Michael sorriu
-Claro que eu estava..
-O que você tem? É por causa do meu pai?
-Não faço ideia de como ele vai reagir Nicole!
-Mike eu já disse para não se preocupar! Vem,vamos entrar! - levei Michael até a sala de estar.Sentamos no sofá e pedi para Peppa preparar um lanche para nós.
-Você disse que morava com sua avó também,ela está ai?
-Ah não,vovó está em um cruzeiro no Caribe! Se você a conhecer,vai pensar que ela é da minha idade!
-Nossa! Ela deve ser bem divertida então!
-Ela é.. Logo,logo ela volta e você vai conhecer ela!
-Ai ai..
-Papai chegou! - escutei a porta do carro batendo
-E agora? - Michael ficou  nervoso
-Relaxa Michael.. - papai já ia passar direto,mas me notou em pé
-Oi princesa! - papai finalmente percebeu Michael e o olhou confuso
-Oi papai! Esse aqui é meu amigo Michael.. - Michael se levantou temeroso.Papai o analisou por um tempo
-Tudo bem Michael? - disse estendendo a mão
-Tu..tudo.. - Michael apertou sua mão
-Meu nome é George, conhece minha filha há muito tempo? Pois ela acabou de chegar.. - papai sorriu educadamente
-Ah..nós nos conhecemos há pouco tempo..
-Ah sim.. Querida,preciso lhe mostrar umas coisas,vem comigo.Só um minutinho!
-Ok. Licença Michael.. - fui com papai para o seu escritório.
-Onde conhece esse garoto Nick?
-É uma história longa.. Conheci Michael no sinal de trânsito! - ri ao me lembrar da cena
-Como é?
-Foi isso mesmo e depois tivemos uma série de coincidências e acabamos ficando amigos..
-E onde ele mora?
-No Brooklyn.
-Brooklyn?
-Sim,papai você ficou bravo?
-Não meu anjo,não é isso. É que eu nunca vi você falando dele,e de repente o vejo aqui em casa.
-Michael é uma boa pessoa,pai..
-Não tenho dúvidas,ele me pareceu muito educado,mas só te peço para tomar cuidado ok?
-Não se preocupe papai,eu confio no Michael..
-Se você diz.. não me importo dele vir aqui,mas Nicole.. é só amizade mesmo ne? Você é muito novinha pra namorar!
-Que isso pai! É claro que é só meu amigo!
-Acredito em você. Vou deixá-los a vontade,mas vou querer conversar com esse rapaz,ouviu? Quero saber o que ele faz,se tem família..
-Papai,Michael é trabalhador ok? Mas tudo bem,depois vocês conversam. Obrigada por ter me compreendido pai! - lhe dei um abraço
-Por nada querida,agora vá fazer companhia pro seu amigo,mas ó estou de olho tá? - ri
-Para pai! - voltei pra sala com um sorriso enorme no rosto
-Ele brigou com você não é? Eu sabia que ia dar merda!
-Michael me escuta ok? Papai não brigou comigo! Só fez perguntas,nada mais.. Eu conheço meu pai,ele ficou desconfiado porque é pai,não tem nada a ver com você..
-Tem certeza?
-Tenho sim seu bobo! Doeu? - ele riu
-Eu fiquei nervoso,isso sim!
-Relaxa cabeça de maçã. Agora vamos lanchar,tava te esperando para comer!
-Você é uma senhorita muito gentil! - disse em tom de brincadeira
-Obrigada pela parte que me toca,agora vamos sentar!
Terminamos de comer aos risos e brincadeiras,Michael parecia mais a vontade e relaxado,então agora seria o momento certo.
-Vem,vou te levar pra conhecer um lugar aqui que eu adoro!
 Seguimos pelo enorme  jardim do lado de fora da casa.O tempo todo Michael observava a paisagem natural com brilho nos olhos.Não era um olhar de inveja e sim,um olhar de quem estava  profundamente encantado com a natureza.
-Sabe.. Um dia eu vou ter que uma casa bem grande,vai ser meu refúgio entende? Tudo que não tive na infância eu vou reconstruir e deixar que outras crianças aproveitem sabe?
-Incrível Michael.. E como seria esse lugar?
-Tem que ser grande.Grande mesmo! Hmm teria animais de todos os tipos,parque de diversão,brinquedos.. E se chamaria Neverland!
-Terra do Nunca,Peter Pan é isso?
-Exato! Sou apaixonado com o filme,eu me sinto um Peter Pan!
-Por que?
-Porque não quero deixar a criança dentro de mim morrer nunca,entende?
-Isso é tão lindo.. Tenho certeza de que vai realizar mais esse sonho..
-E você vai ser a primeira a conhecer!
-Oba!! E eu vou poder te ajudar a escolher?
-Vai sim,cabeça de maçã! Olha só eu fazendo planos pra uma coisa que está longe de acontecer!
-Por que diz isso?
-Porque é óbvio! Imagina quanto custaria tudo isso!
-Você vai conseguir Michael! Vem,vamos conhecer o salão de festa! - ficamos por um bom tempo conversando.
 Como o piso do salão era muito escorregadio,brincamos de deslizar pelo chão.Foi um tombo atrás do outro,mas não posso negar que foi engraçado.Mas então,avistei Quincy se aproximando  tratei logo de me focar no meu plano.
 Nos deitamos no chão exaustos,então decidi pedir para Michael cantar para mim.
-Mike?
-Hmm
-Canta pra mim?
-Agora?
-Sim! Por favor! Aqui é perfeito pra isso,finge que você está no palco!
-Então tá.. - Michael se levantou - O que quer ouvir?
-Hmm Billie Jean! E tem que fazer a dancinha ein! - Michael riu
-Ok. Vou fazer um beatbox pra acompanhar..
 She Was More Like A Beauty    

Queen From A Movie Scene 

I Said  Don't Mind, But What Do You Mean I Am The One 

Who Will Dance On The Floor In The Round

She Said I Am The One 

Who Will Dance On The Floor In The Round



She Told Me Her Name Was Billie Jean, 

As She Caused A Scene Then Every Head Turned With Eyes That Dreamed Of Being The One Who Will Dance On The Floor In The Round



People Always Told Me Be Careful Of What You Do 

And Don't Go Around Breaking Young Girls' Hearts 

And Mother Always Told Me 

Be Careful Of Who You Love 

And Be Careful Of What You Do 'Cause The Lie Becomes The Truth



Billie Jean Is Not My Lover 

She's Just A Girl 

Who Claims That I Am The One But The Kid Is Not My Son 

She Says I Am The One, 

But The Kid Is Not My Son

 Mais uma vez Michael conseguiu me deixar completamente hipnotizada.Michael é um gênio tanto na voz quanto na dança. E agora tenho mais certeza ainda de que estou irremediavelmente apaixonada por Michael..



Capítulo 12 


Michael



  Confesso que adorei passar um tempo com Nicole.Pensei que seu pai fosse ficar bravo,mas se ficou eu não sei,pois pelo menos ele me tratou muito bem.
 Assim que saímos do salão de festas da sua casa,tive que ir embora,pois logo teria que ir pro bar do Max. Nicole insistiu para eu aceitar que Theo o levasse para o Brooklyn e como eu já estava atrasado,acabei aceitando.

 
               
  * * * * *


 A noite no bar foi tranquila. Depois que todos os clientes foram embora,tratei logo de limpar tudo. Quando finalmente terminei,estava exausto. Forrei o chão com alguns panos e acabei dormindo.

              
Nicole


  Depois que Michael foi embora,voltei pra dentro de casa. Quincy estava jogando pôquer com papai e assim que me avistou me lançou um olhar divertido.
 Subi para o meu quarto e meia hora depois,Quincy veio se despedir de mim.
-Boa noite Nick!
-Boa noite Quincy,já está indo?
-Sim,mas antes precisamos conversar sobre o que eu vi no salão. - meu coração oscilou
-Então você viu tudo?
-Sim..
-O que achou de Michael?
-Você ainda pergunta? Nicole esse garoto me arrepiou na mesma intensidade que James Brown,Samy Davis e Fred Astaire se arrepiam! - abri um largo sorriso - A canção,ele mesmo escreveu?
-Sim! Ele me mostrou,e não tem só essa não,são várias!
-Nicole,eu preciso achar esse rapaz! Urgente!
-Eu vou lhe dar o endereço de onde achá-lo.. - anotei no papel - Aqui está.
-Vou atrás dele amanhã mesmo!
-Vai dizer que foi um plano meu?
-Claro! Você não quer?
-É que Michael é do tipo orgulhoso,jamais aceitaria!
-Mas não acha que ele vai estranhar eu aparecer lá do nada? Além do mais ele sabe que você me conhece.. Querida,é melhor contar a verdade logo,deixa comigo,eu vou convencê-lo! - Quincy sorriu confiante e eu me senti mais segura
-Confio em você! Quincy não sei como te agradecer! - apertei sua mão
-Nick,eu que tenho que te agradecer por ter me mostrado esse gênio. Michael vai ser um astro,escute o que eu digo!
-Se Deus quiser!
-Agora deixe eu ir,amanhã será vida nova para Michael! - lhe dei um abraço e pulei na minha cama. Meu coração palpitava de felicidade.Eu sei que Michael vai ser arredio,mas eu tenho certeza que ele vai acabar cedendo.

              Michael


  
 Acordei com um fraco raio de Sol irritando meus olhos.Me levantei,arrumei minhas coisas e fui para a casa de Noan fazer minha higiene matinal,como faço todas as manhãs.
 Gina e Tomy já estavam de saída,acenei para eles e entrei na casa. Tomei meu banho,bebi um café preto e já estava pronto para pegar o fardo de garrafinhas quando um grandalhão me parou.
-Você é o Michael? - perguntou o homem
-Sim,sou eu. O que quer comigo?
-Eu nada. Mas meu patrão sim. - apontou para um enorme e luxuoso carro preto estacionado à alguns metros de onde estávamos.
 Só pode ser o pai de Nicole,pensei. É a única resposta para ter um carrão desse parado esperando por mim.
-Me acompanhe?
-E pra que eu tenho que entrar nesse carro?
-Já disse. Meu patrão ordenou. Ele não pode conversar em público com você.
-Que papo mais estranho..
-Não se preocupe,ele quer apenas conversar.
-Tudo bem! - o homem,que parecia ser um segurança,me guiou até o carro. Abriu a porta e fez menção para eu entrar.
 Me sentei no banco ainda acanhado, e quando viro meu rosto para encarar a pessoa à minha frente,quase desmaio.
-Você?! - perguntei atordoado e completamente surpreso.



Capítulo 13 



Michael

 
 Não,eu não posso estar enxergando certo. Estou no mesmo carro em Quincy Jones, empresário,produtor musical,compositor..enfim,esse cara é foda e eu não acredito que estou bem na frente dele.
-Você é o Michael,certo? - perguntou com  um sorriso nos lábios
-Si..sim,sou eu mesmo. Caramba, Quincy Jones na minha frente! - falei perplexo
-É isso mesmo Michael. Você não tá vendo errado!
-Me desculpe,é que eu to surpreso..
-Entendo. Eu que lhe peço desculpa por aparecer assim de repente. Mas eu precisa muito falar com você..
-Comigo?
-Sim.. Eu vou ser direto. Michael,eu sei que você possui um talento fora do comum,que canta maravilhosamente bem e é capaz de superar até James Brown quando dança. - meu queixo caiu
-Você tem certeza que tá falando isso pra mim?
-Mas é claro que estou!
-É que nunca nos vimos e..
-Eu já te vi sim Michael,e posso dizer que foi a coisa mais impressionante que já vi em toda minha vida. Você é um gênio,garoto!
-Mas isso é.. Pera ai.. - claro,isso é coisa da Nicole! - Não acredito nisso! - passei a mão nos cabelos,nervoso
-O que foi Michael?
-É coisa da Nicole não é? Ela que te contou!
-Sim,foi ela.. Eu sou muito amigo de sua família e principalmente  dela.
-Eu devia ter desconfiado!
-Michael,pensei que ficaria feliz. Nicole adora você,só quis lhe ajudar..
-Acontece,Sr. Jones que eu não quero a ajuda e a piedade de ninguém!
-Pera ai rapaz.. Vai abrir mão do seu sonho por um orgulho besta?
-Orgulho besta? Nem você e nem Nicole sabem o que é passar a vida toda sendo humilhados e dignos de pena! Se um dia eu me tornar cantor será pelo meu próprio esforço!
-Michael,deixe eu esclarescer uma coisa pra você. Eu sou um produtor musical renomadíssimo e eu só trabalho com os melhores e se eu estou te procurando, não foi para agradar a Nicole,e sim porque você tem potencial. É o artista a qual eu passei minha vida procurando.Então pense bem se vai deixar essa oportunidade passar! Aqui está meu cartão,pense bem e me ligue.
-Boa viagem Sr. Jones! - peguei o cartão bufando e saí do carro. Nicole me paga!


                
Nicole



 À essa hora,Quincy deve estar procurando Michael. Estou morta de curiosidade para saber o que vai acontecer.
Enquanto isso,eu tenho que pensar na faculdade.Logo minhas férias vão acabar e eu tenho tenho que dar um jeito.Estou ansiosa para começar a estudar o que eu quero e realizar meu sonho.
-Vou sair Theo!
-Já vou tirar o carro.
-Não precisa! Eu vou a pé hoje,cansei de andar de carro. - ri
-E onde a senhorita vai?
-Vou na faculdade fazer minha matrícula e aproveitar para dar uma volta por ai.. Até logo Theo!
-Até!
 Estava saindo de casa,passando pelo belíssimo jardim. A manhã estava lindíssima,o Sol fraquinho amenizava o terrível frio do inverno.Cruzei o enorme portão de aço quando avistei Michael parado com a cara mais carrancuda possível.
-Oi Mike,que surpresa boa!
-Oi. - foi seco
-O que você tem?
-O que eu tenho? Sabia que Quincy Jones me procurou? Como pode ter feito isso comigo? Eu pedi pra não se meter na minha vida!
-Michael,eu só quis te ajudar..
-Ajudar? Eu já disse milhares de vezes que não quero sua ajuda,nem sua pena,mas que droga!
-Michael não fala assim comigo! Eu fiz isso porque sou sua amiga,quero o seu bem. Eu nunca permitiria  que você escondesse toda sua genialidade!
-Acontece que eu não pedi sua opinião! Não se meta nunca mais na minha vida! - Michael saiu pisando duro,me deixando sozinha
-Michael volta aqui! - infelizmente já era tarde demais.Voltei para dentro de casa na hora.
 Subi as escadas correndo,aos prantos.Nani percebeu e foi atrás de mim. Me joguei na minha cama,chorando copiosamente.
-O que aconteceu meu amor?
-O Michael.. - solucei
-O que ele fez? Te bateu? Foi grosso com você?
-Não Nani! - funguei - Ele se sentiu ofendido por eu ter falado pro Quincy que ele sabia cantar..
-E ..?
-E ai que o Quincy foi atrás dele. Agora ele pensa que fiz isso por pena! Mas que droga,por que ele tem que ser tão orgulhoso? - voltei a chorar
-O minha querida.. Ele está de cabeça quente..
-Ele não quer mais saber de mim! Disse para eu nunca mais me meter na vida dele!
-Você gosta muito dele não é?
-Tanto que chega a doer! Se ele fosse menos orgulhoso,nada disso estaria acontecendo! O pior é que ele vai deixar essa chance escapar por puro orgulho!
-Eu tenho certeza que ele vai pensar melhor e vai dar tudo certo. Mas princesa,você não devia ter feito isso sem consultar o Michael..
-Eu sei..Mas era o único jeito do Quincy ver o talento dele! Se eu tivesse pedido,ele nunca aceitaria!
-Eu sei que você teve boa intenção..
-Será que Michael não vai me perdoar?
-É claro que vai! Amizade é assim mesmo.Tem brigas,desentendimentos,mas por fim tudo dá certo!
-Obrigada Nani..
-Dê um tempo para o Michael esfriar a cabeça,pensar melhor.. Ele vai te perdoar!
-Deus te ouça!
-Agora melhora essa carinha, não gosto de te ver assim..
-Vou tentar

 
                  
* * * *

   
Uma semana depois


            
Michael


   
  Já tem dias que eu não falo com Nicole.Caralho,eu to morrendo de saudade dela,mas ainda estou aborrecido. Eu pedi tanto para ela guardar segredo e na primeira oportunidade sai falando pra Deus e o mundo.
-Michael.. Michael? - disse Noan me trazendo a realidade
-Que é?
-Ainda tá na fossa por causa da loirinha?
-Não enche!
-Você não acha que tá sendo injusto com ela não? Cara,a menina só quis te ajudar!
-É uma pirralha que não sabe nada da vida! - digo ainda aborrecido
-Ah Mike,para com isso! A garota desde que te conheceu,vive em função de você! E se ela fez isso foi pra te ajudar! Em  vez de ficar ai com esse orgulho idiota,sua chance tá passando. Daqui a pouco o tal do Quincy desiste de você! Ai tu vai perder não só essa oportunidade como também a sua loirinha! - Noan saiu me deixando sozinho com meus pensamentos.
  Será que eu to sendo muito injusto com a Nicole? Droga,eu sou assim,orgulhoso e um idiota!


Capítulo 14 


Michael

  Depois de muito pensar,decidi mandar meu orgulho às favas.Eu tava morrendo de saudade da Nicole e a raiva já tinha passado.Eu fui um idiota por não perceber que ela foi a única pessoa que acreditou em mim, nos meus sonhos, no meu talento, acreditava mais do que eu mesmo. Tudo que ela quis foi mostrar meu trabalho para me ajudar.Mas depois de tudo que eu disse pra, imagino a mágoa que causei à ela.
   Eu não tava nem ai se Quincy me aceitaria ou não.Tudo que me importava era pedir perdão para Nicole e dizer como eu sou um orgulhoso idiota. E espero que ela possa me entender.Assim que terminei as vendas no sinal,decidi procurá-la. Eu estava morto de vergonha de procurá-la depois do que aconteceu,mas não podia mais adiar essa conversa.Decidi ir até a porta da sua casa esperar o momento em que ela saísse de casa,ou aparecesse no jardim.
    Gastei todo o dinheiro que eu tinha pagando ônibus para chegar ao seu bairro.Nem que eu tivesse que ir a pé eu não desistiria. Eram duas horas da tarde,me sentei na calçada de frente para sua enorme mansão,só esperando o momento de ver minha loirinha.Minha amiga loirinha, corrigi meu pensamento. Esperei por quase uma hora até que eu a avistei passar pelo jardim.Assim que o portão abriu, me levantei e abri um largo sorriso,que se dissipou assim que um carro de luxo estacionou a sua frente e de dentro dele desceu um rapaz muito bem vestido.
   Ela o recebeu com um abraço caloroso.Me arrependi totalmente de ter ido até lá.Poxa eu realmente pensei que ela tivesse sentido minha falta,mas não posso culpá-la.Na verdade é até bom para ela.Nicole merece companhias melhores,não um pé rapado como eu.Já estava me virando para ir embora,completamente desapontado quando ouvi sua voz me gritar.
-Michael? - me virei assim que a escutei. O rapaz também olhou para a minha direção com cara de nojo.Nicole falou algo para ele e veio correndo em minha direção - Hey,olha pra mim!
-Desculpe te atrapalhar,eu não devia ter vindo..
-Para Michael, por que diz isso?
-Não queria interromper você e seu.. namorado,seja lá o que ele é seu!
-Ele é só meu amigo! - ela riu.Foi ai que percebi a cena ridícula de ciúme que eu fiz
-Depois a gente se fala..
-Não! - ela segurou meu braço - Não acho que tenha vindo aqui atoa.. Kaio veio apenas me chamar para sair mais tarde.Vê,ele já foi embora!
-Eu só pago mico.. - digo envergonhado
-Para com isso..Vem vamos entrar. - Nicole me levou até o jardim de sua casa.Ficamos por um bom tempo em silêncio,até que decidi quebrar o silêncio
-Nicole?
-Uhm? - murmurou
-Não sei nem como dizer isso..
-Dizer o que?
-Perdão. Eu definitivamente fui um ogro com você,te tratei mal por causa do meu orgulho besta..
-Shii.. - Nicole levou dois dedos aos meus lábios - Não precisa me pedir perdão.Eu que errei..
-Como pode continuar me compreendendo mesmo depois do que eu disse pra você?
-Porque eu enxergo sua alma,Michael.Sei que está realmente arrependido e envergonhado. Eu não devia ter feito isso contra o seu consentimento. Eu invadi sua privacidade mesmo você me pedindo para guardar segredo.
-Não Nick, você quis apenas me apoiar, você acreditou em mim,me levou a sério quando todos só sabem debochar de mim. - peguei em sua mão - Você só tem feito me ajudar desde o dia que me conheceu e sei que não faz por pena. Me perdoa,por favor! - Nicole estava emocionada
-Oh Michael.. - ela se jogou nos meus braços e eu a envolvi em um abraço apertado - É claro que te perdoo!
-Você é tão importante pra mim Nick..
-Senti sua falta.. das nossas conversas,das nossas brincadeiras..
-Eu também senti muito sua falta, esses dias longe de você foram terríveis!
-Depois diz que eu sou um porre né?
-É .. só um pouquinho! - ri
-Mentiroso! - Nick me deu um leve tapa no meu ombro - Michael,eu juro que não vou insistir sobre o Quincy,mas você não quer mesmo saber da sua proposta?
-Pra falar a verdade eu bem que queria falar com ele,mas eu fui um mal educado, ignorei seu pedido.. enfim estraguei tudo.Mas não me importo,só de saber que me perdoou eu já me sinto bem!
-Tá louco Michael? Olha pra mim, Quincy conhece seu gênio, nós conversamos muito nesses dias. Ele só não voltou a te procurar,porque queria lhe dar um tempo para pensar. Eu tenho certeza que se você ligar para ele, vai deixá-lo feliz da vida!
-Você acha?
-Mas é claro que sim! Liga pra ele, pode ter certeza que será a melhor decisão que você poderia tomar!
-Eu vou fazer isso.Por mim e principalmente por você!
-Vai fazer por nós dois! Não imagina como estou feliz por você Mike!
-E isso tudo eu devo a você, pro resto da minha vida!
-Já disse que tudo isso é graças a você,ao seu talento! Você merece isso e muito mais! - Nick voltou a me abraçar. A peguei no colo e rodopiei junto com ela,que gritava de susto,mas por fim começou a rir
-O que seria de mim sem você,cabeça de maçã?
-Estaria morrendo de tédio por não ter uma amiga tão divertida como eu por perto!
-Sua metida!
-Entra! Vamos fazer alguma coisa juntos,ein?
-Mas e se o seu pai..
-Meu pai não vai reclamar,relaxa! Ah por favor.. você me deve essa por ter ficado tantos dias longe de mim!
-Ok,agora você venceu! Vamos! - Nicole riu e pegou na minha mão novamente, me arrastando para dentro de casa


Capítulo 15 



Nicole



   Nem acredito que finalmente Michael deixou o orgulho de lado e decidiu procurar Quincy. Bem, eu tive que insistir muito,pois Michael estava morrendo de vergonha e medo de que ele já tivesse desistido dele. Prometi para Michael que não ia falar nada com Quincy, só marcar um horário com ele. E foi o que eu fiz.
  Agora estamos aqui sentados no sofá da sala de espera do seu escritório.Pedi para que Michael levasse suas letras e sua fita demo,mesmo sabendo que, levando ou não,Quincy irá trabalhar com ele.
-Michael,fica calmo!
-Como calmo Nick? E se ele disser que já encontrou quem ele queria?
-Impossível. Quem ele quer está bem na minha frente! Mike,vai dar tudo certo.Confia em mim!
-Eu confio em você,mas não no meu nervosismo! - ele riu
-Senhorita Nicole Almanza, o Sr. Jones já está à sua espera. - a simpática recepcionista veio nos avisar
-Obrigada Carla. - sorri para ela - Vamos Michael?
-Vamos! - nos dirigimos até o longo corredor até à sala de Quincy. Michael estava prestes a mudar sua vida por completo e disso eu tenho ampla convicção.
Finalmente a enorme porta foi aberta.Adentramos a luxuosíssima sala na qual Quincy nos esperava tranquilamente sentado na sua enorme e confortável poltrona.Ele sorriu assim que me viu acompanhada de Michael.
-Olha só! Finalmente vocês apareceram! - disse animado - Aceitam alguma coisa,uma bebida,café?
-Não obrigada Quincy! - lhe agradeci
-Fiquem à vontade,sentem-se por favor! - Quincy nos encaminhou até as duas cadeiras postas de frente à sua mesa
-E então Michael,pensou melhor na nossa conversa?
-Bem, primeiramente agradeço por ter me procurado e confiado em mim.Em segundo lugar,peço desculpas por ter sido indiferente à sua proposta,mas é que meu orgulho besta atrapalhou tudo..
-Que atrapalhou o que! Na verdade eu gostei,me mostrou que é um homem íntegro,de personalidade!
-Obrigado Sr Jones.. - Michael sorriu
-Me chame apenas de Quincy. Somos todos amigos agora,certo Nick?
-Certíssimo!
-Bem, eu pensei muito na verdade! - Michael riu - E se ainda tiver interesse no meu trabalho,eu gostaria muito de aceitar sua proposta.. - Quincy abriu um largo sorriso
-Eu sabia que pensaria melhor!
-A música é a minha vida e eu ficarei imensamente feliz de poder compartilhar com as outras pessoas.
-E pode ter certeza que vai! E então para finalizar, sua resposta é sim?
-Exato! - Michael disse confiante ,deixando eu e Quincy empolgados
-Então aperte minha mão Michael. A partir de hoje deixará de ser mais um mero sonhador e se tornará a lenda Michael Jackson! - previu Quincy
-Vou fazer o possível Sr..
-É vida nova meu amigo! Hoje mesmo vou levá-lo à Epic Records, sua mais nova gravadora!
-Meu Deus! - Michael sorriu estasiado - Bem, eu trouxe algumas letras, o resto tá na casa do meu amigo..
-Hm sobre isso mesmo que eu queria falar com você. Não pode continuar vivendo nas ruas.Assim que seu contrato for assinado,pedirei para comprarem um apartamento pra você,pelo menos por agora.
-Mas nem sabe se isso vai dar certo!
-Já deu Michael! Vamos começar a trabalhar no seu primeiro álbum! Bem, já são quase 19:00, amanhã bem cedo te espero aqui para começarmos os trabalhos ok?
-Tudo bem..- Michael disse ainda sem acreditar que seu sonho realmente estava se concretizando!
-Obrigada pela confiança Michael!
-Eu que agradeço à você e à Nick! - Michael olhou para mim
-Imagina Michael, só fiz o que era certo!
-Não senhora! - interferiu Quincy - Você é um anjo por ter me apresentado o Michael!
-Vão me fazer chorar vocês dois! É melhor irmos.amanhã peço para Theo te trazer aqui.
-Você não virá comigo? - perguntou Michael
-Bem, acho que vou atrapalhar vocês..
-Claro que não! Eu quero muito sua presença em tudo que eu fizer,ouviu cabeça de maçã? -ri
-Já que insiste.. - dei de ombros - Amanhã as oito estaremos aqui Quincy!
-Fechado! Até amanhã meninos! - Quincy nos abraçou e logo estávamos nos dirigindo para a saída do prédio
-Viu isso Nick? Eu vou lançar um álbum! - disse encantado
-Vai sim Mike e será o álbum mais vendido da história da música!
-Não exagera!
-Eu to falando sério! Daqui a quinze anos seu álbum continuará na lista do mais vendido, espera pra ver!
-Se você diz.. Mas eu juro que vou fazer o impossível para me empenhar nesse projeto. Vou deixar meus pais e meus irmãos orgulhosos de mim e principalmente você e Quincy.
-Já estamos orgulhosos de você Mike.. Vai dar tudo certo!
-Deus te ouça!
-Mike por que não dorme lá em casa hoje?
-Eu?
-Sim! Amanhã cedo vamos ter que sair mesmo,fora que meu pai tá viajando e eu to sozinha..
-E seus amigos ein mocinha?
-Prefiro sua companhia! Por favor cabeça de maçã! - implorei
-Tá bem sua chata! Eu vou,mas e se alguém não gostar?
-Mike eu confio em você então dane-se os outros! Além do mais a Nani,o Theo e a Peppa adoram você!
-Ok você venceu! - sorri vitoriosa e partimos para minha casa.
   Passamos a noite toda comendo,vendo filmes, ouvindo música e o melhor, conversando.Com Michael os assuntos sempre vinham com total naturalidade. Fizemos planos para o presente, para o futuro.. Como estaríamos daqui há dez anos.. Michael me deu muitos conselhos, que aceitei de bom grado.Mesmo jovem, Michael é muito maduro, conhece a vida, e acima de tudo é um homem sensível com tudo á sua volta e a cada dia me vejo mais apaixonada por ele.
   Já se passava da uma da manhã,Michael estava tão ansioso que me pediu ajuda para ensaiar as músicas com ele.Puta que pariu eu sou a primeira pessoa a escutar tudo em primeira mão! Isso mostra como ele confia e em apreço por mim, me senti mais feliz ainda. Ouvi-lo cantar em acapela é simplesmente inacreditável,Michael possui uma suavidade exorbitante em sua voz, posso compará-la até mesmo com o som que os anjos emitem. Eu poderia passar horas e horas admirando suas feições e a forma como seus músculos faciais se contorcem quando canta, pois eu nunca me cansaria, pelo contrário, me faria querer ouvi-lo cada vez mais. Já estava até me vendo grudada o dia todo no Walkman ouvindo suas músicas. Com toda certeza eu sairia surda,pois pretendo escutá-lo no último volume!
    Eu sei que a partir de agora a vida de Michael vai mudar e pra ser sincera eu tenho medo,não que ele mude e se torne uma celebridade fútil,isso jamais acontecerá.Mas nessa vida que Michael vai entrar, existe muita inveja, ganancia, maldade.. E eu sinto uma necessidade quase que desesperadora de protegê-lo desse mundo no qual ele viverá.E eu farei de tudo para cuidar de Michael,não medirei esforços para garantir sua felicidade.


Capítulo 16 


Michael


  Ainda é difícil assimilar que tudo isso está acontecendo comigo e não posso me esquecer de que devo tudo isso à Nicole,à sua insistência e perseverança em se aproximar de mim. Sua amizade é algo que,com toda certeza levarei comigo para sempre!
  Acordei com insistentes batidas na porta.Olhei para o relógio e ainda eram 6:45 da manhã. Gritei um 'pode entrar' e rapidamente a porta foi aberta. A figura de Nicole se materializou na minha frente.
  Ela entrou no quarto em polvorosa,pulando na cama feito louca.Realmente parecia que ela é quem vai lançar um álbum. Morri de rir da sua animação descontrolada,mas eu tava morto de sono,pois dormimos exatamente as 3:00 horas da manhã.
-Booom diaaa!! - cantarolou - Hora de levantar,tomar um bom e refrescante banho e sair rumo ao seu primeiro dia de trabalho!
-Calma Nick,olha pra mim! - encarei seus lindos olhos azuis e por um momento ela sossegou - Bebê não são nem sete horas da manhã,se acalme um pouquinho..
-Mike.. - Nicole colocou suas mãos em cima das minhas que estavam grudadas em torno do seu rosto - Hoje é seu grande dia! Tem que estar preparado! Trouxe até um presente pra você! - disse divertida
-O que é dessa vez? - ri vendo Nicole se levantar da cama toda desajeitada e trazer uma enorme caixa nas mãos
-Tcharã!! - Nicole a abriu revelando um par de roupas de linho e dezenas de acessórios
-O que seria isso Nicole?
-Roupas, Maicão! - ri do seu apelido - Roupas para você brilhar ainda mais! Hoje você vai ter uma reunião com pessoas importantes da gravadora.
-Você vai comigo ne?
-É claro que sim! Não vou deixá-lo sozinho nessa! Agora anda,o tempo ta passando.. Te espero lá em baixo para tomarmos nosso café da manhã!
-Ok,daqui a pouco desço! - Nicole me deu um beijo na bochecha e saiu do quarto
Tomei meu banho e fui ver as roupas que Nicole trouxe para mim.Realmente gostei de todas,eram diferentes,bem estilosas,sem falar do óculos escuro,objeto que sempre gostei de usar.  
  Me olhei no espelho devidamente vestido.Eu parecia ser outra pessoa,um novo Michael. Eu explodia de felicidade,finalmente dividiria com o mundo as dádivas que Deus me concedeu. Eu faria de tudo para ter a oportunidade de tocar o coração de cada um que escutar minha música.





 Desci as escadas e Nicole estava à minha espera,que por sua vez ficou me encarando por um longo tempo.
-Nick.. Nick..? Você tá ai?
-Ah,eu.. claro! - sorriu desconcertado - Você está lindo! Estou diante do astro pop Michael Jackson!
-Só de ouvir falando assim já me deixa arrepiado!
-O mundo nunca esquecerá desse nome,nem que passe trinta,cinquenta,cem anos!
-Você acha?
-Eu sinto! - Nicole apertou minhas mãos com força me olhando profundamente nos olhos - Agora vamos tomar o café!
  Saímos da sua mansão exatamente às 7:30 rumo à Epic Records. Nani,Theo e Peppa me desejaram boa sorte e eu fiquei muito feliz de saber que eles também torcem por mim.
Já estávamos na porta do imenso prédio da gravadora,mas antes de entrarmos,Nicole me parou.
-Michael..
-O que houve Nick?
-Nada.. Eu só queria te dar isto aqui. - Nicole tirou do pescoço um belíssimo cordão de ouro com uma medalhinha de Jesus Cristo no centro do pingente
-O que é isso Nick?
-Ganhei da minha mãe quando nasci.Desde então nunca tirei do pescoço,ela disse que era para me dar sorte e agora ele é seu!
-Não Nick,é presente da sua mãe,não posso aceitar!
-Pode e deve! Ele me deu a sorte de te encontrar,não preciso de mais nada.. - me emocionei ao ouvir suas palavras - Agora é você que merece ele,é uma forma de saber que não importa os rumos que o destino for tomar,eu sempre estarei ao seu lado.Aceite por favor!
-Oh Nick.. Vai me fazer chorar.. É claro que aceito e pode ter certeza que nunca mais tirarei do meu pescoço! - ela sorriu em aprovação
-Posso colocar em você?
-Claro! - me virei de costas e Nick colocou o cordão em mim
-A partir de hoje Michael você tomará suas próprias decisões,me prometa que nunca deixará de ser o homem que é? Que tomará cuidado com o mundo o qual você está entrando?
-Claro que prometo! A criança dentro de mim nunca morrerá e não se preocupe,tenho pele de rinoceronte,nada vai me derrubar!
-Eu sei. Você é um homem forte e mesmo que quiserem lhe fazer mal,eu não deixarei!
-Você é meu anjo,Nicole. Minha vida não teria sentindo sem você nela! - lhe dei um abraço fraterno transparecendo todo o carinho que sinto por ela
-Agora vamos! Estão todos te esperando! - seguimos juntos ao elevador e em dois minutos estávamos no andar em que ocorreria a reunião
Os empresários ali presente me receberam cordialmente.Confesso que me senti um estranho no ninho,mas com Nicole e Quincy ali comigo,fiquei mais seguro.
Quincy explicou aos empresários como conhecera meu trabalho.Contou-lhes sobre alguns projetos que tinha em mente e por último,mostrou-lhes algumas de minhas músicas e garantiu que eu seria o estouro de sucesso na indústria fonográfica.
Ao final do seu discurso,os acionistas da gravadora me olhavam com certo entusiasmo,parecia que haviam gostado das palavras de Quincy à meu respeito.
-Pois bem. - falou um dos produtores da gravadora - Estamos depositando toda nossa confiança em você,rapaz!
-Prometo que não vou decepcionar vocês!
-Nós sabemos Michael! - disse Quincy sorridente
-Então,vamos assinar o contrato? - olhei imediatamente para Nick,como se esperasse por sua aprovação. Ela assentiu confiante,então peguei a caneta e assinei as inúmeras folhas do documento
-Agora o senhor é oficialmente um artista contratado da Epic Records.Seja bem vindo! - o homem apertou minha mão
-Muito obrigado!
-A partir de hoje esteja livre para trabalhar no seu primeiro álbum de estúdio. Quincy,ele é todo seu!
-Faremos um ótimo trabalho,certo Michael?
-Certo!
-Bem,agora deixaremos vocês trabalhando. Quincy,nos deixe a par de todas as novidades!
-Deixe comigo! - os empresários saíram da sala,deixando apenas eu,Nicole e Quincy
-Parabéns cabeça de maçã! - Nicole me abraçou,vibrando de alegria
-Conseguimos Nick,conseguimos! - peguei Nick o colo e rodopiei com ela pela sala
-U-hmm - Quincy pigarreou,rindo timidamente,nos fazendo dar conta de que não estávamos sozinhos
-E então,vamos começar? - disse Nicole
-Agora mesmo! - disse Quincy -Primeira coisa,vamos selecionar as faixas que vão entrar para o disco. Preparado?
-Agora mais do que nunca! - levei aos lábios a medalhinha que Nick me deu e a beijei,agradecendo a Deus por finalmente meu sonho estar se concretizando.


Capítulo 17

Michael

  Já estamos à mais de um mês trabalhando na produção do álbum.Já escolhemos as canções que farão parte e,principalmente, o nome do álbum,que se chamará Thriller.E adivinha quem deu a brilhante ideia?Ela mesma,Nicole! A ideia surgiu quando ainda escolhíamos as faixas que iriam para o disco. Depois disso,escolhemos os singles e quais clipes faríamos.O álbum está previsto para lançar no dia 30 de novembro deste ano.Todo o álbum está sendo produzido por mim e Quincy e a cada dia que passo estou mais empolgado,já que dois dos três clipes já estão prontos.

 O primeiro clipe a ser lançado será Billie Jean, inclusive já o gravamos na semana passada.Nick me ajudou em tudo praticamente, dando dicas e sugestões.O clipe mostrará eu sendo perseguido por um paparazzi enquanto enceno  passos de dança sobre o chão de luzes.   Para o segundo clipe, Beat It,me espelhei no que eu costumo ver sempre no Brooklyn,gangues de todos os tipos.O clipe vai retratar  as gangues violentas se preparando  para uma ''guerra'', sob o mais sutil e silencioso dos gestos, brancos, latinos e negros, todos mal encarados e por fim acabamos dançando  juntos, com direito a uma polêmica coreografia com facas.

 E por fim, lançaremos Thriller.

   Quincy disse que seria uma boa jogada de marketing deixar o single principal para o final.Enquanto isso estamos trabalhando a todo vapor para a gravação do clipe.Até mesmo contaremos com a direção de John Landis,diretor de clássicos filmes de terror.O clipe começa com um flerte entre eu  e uma moça,até que me transformo  em lobisomem e atinge o ápice com a histórica com coreografias de zumbis encabeçada por mim, devidamente caracterizado como morto-vivo.Agora é torcer para que tudo saia exatamente como está na minha cabeça.

-Michael! - Nick me chamou - Daqui a dez minutos você tem que ir pra o camarim fazer a maquiagem.

-Acha que vai dar certo?

-Mas é claro Michael e a cada dia que passa tenho mais certeza de que esse álbum será esplêndido! As músicas são perfeitas, os clipes mais ainda.Agora só falta terminar Thriller e finalmente lançá-lo para daqui a uma semana e meia.Já parou pra pensar?

-Já e tenho ficado mais nervoso ainda!

-A partir de agora sua vida vai mudar completamente! Imagina se o seu álbum for cotado para o Grammy Awards ?

-Ah seria muita pretensão minha!

-Eu não acho! Do jeito que você e toda a equipe tem trabalho duro, é mais que merecido que vocês ganhem milhares de prêmios!

-Bem, enquanto você sonha, eu vou me transformar em um zumbi! - fiz uma voz assustadora para Nick

-Eu não te imagino como um zumbi,sério é muito difícil! - ela riu

-Você vai se surpreender loirinha!

-Não vai deixar eu ver?

-Claro que não,é surpresa!

-Urgh então tá! Mas não demora,porque hoje não vou poder ficar aqui..

-Por que?

-Minha faculdade começa hoje,esqueceu?

-Nossa,desculpa eu nem me lembrava..

-Tudo bem.. - disse sem graça

-Tudo bem nada! Eu tenho só falado do álbum e nem pergunto como anda a sua vida!

-Já disse pra deixar isso pra lá. Seu álbum é mais importante para todos nós! - ela sorriu

-Você não existe! - lhe dei um beijo na testa - Já volto ein!

-Ok! - ela riu

  A primeira parte do clipe já havia sido gravada, agora teríamos que gravar a segunde parte,na qual meu personagem vira um zumbi.Demorei exatamente uma hora e meia para fazer a caracterização até que finalmente ficou pronta.Me olhei no espelho e quase caí pra trás quando vi no que me tornei.Realmente estou irreconhecível e imagino a cara da Nicole quando me ver assim.

  Entrei cuidadosamente na sala em que eu estava, estava decidido a dar um susto nela,que nem o que eu dei na última quinta-feira, quando me caracterizei de lobisomem.Ela gritou mais que a própria atriz da gravação,me vendo assim então,ela vai infartar!
 Nicole estava sentada frente a mesinha guardando algumas coisas.Morri de pena da cena que se desenrolaria a seguir,mas meu lado ''criança atentada'' falou mais alto.Entrei sorrateiro para não fazer barulho nenhum e por sorte ela nem percebeu.Encostei minha mão gelada em seu ombro e ela se virou rapidamente e me encarou.Em vez de gritar ou fazer escândalo,sua reação foi a mais impressionante. Nicole ficou mais branca do que já, seus olhos arregalaram-se e a menina caiu dura no chão.Puta que pariu,matei Nicole!

-Nick,Nick acorda! - dei leves batidas na sua bochecha - Ai caramba,o que eu fui fazer? Nicole!! - peguei uma garrafinha de água e molhei seu rosto,aos poucos ela foi recobrando os sentidos,para o meu alívio.Finalmente ela abriu os olhos e me encarou,antes que ela desmaiasse novamente,tratei de lhe acalmar - Nick,sou eu o Michael!
-Mike..? - perguntou confusa - Não acredito.. Você me assustou! - Nick ficou brava e começou a socar meu peito e eu morria de rir
-Hey para,cabeça de maçã! - finalmente ela parou e também começou a rir - Vem,deixa eu te ajudar a levantar.Com essa sua reação já tenho certeza que vou conseguir assustar o público! - ri
-Caramba Michael,quase morri do coração!
-Morre não,loirinha.Como vou viver sem você? Bebe essa água. - lhe entreguei um copo
-Meu coração tá acelerado até agora! - toquei em seu peito e realmente batia aceleradamente,se não for impressão minha,Nicole se arrepiou,mas deve ser devido ao susto
-Desculpa,não imaginei que teria essa reação..
-Relaxa Michael,é sinal de que ficou perfeito! Parabéns,esse será o melhor clipe da história!
-Deus te ouça,porque eu não fiz você desmaiar atoa! - ela riu
-Posso te dar um abraço?
-Que pergunta né Nick? Claro que pode! - Nicole me deu um abraço apertado,tomando cuidado para não encostar no meu rosto
-Não vou poder ficar aqui para ver o clipe,mas te desejo muita sorte,eu sei que vai arrasar como sempre!
-Obrigado! Se eu conseguir sair daqui cedo,vou te esperar na faculdade.Boa sorte ao seu primeiro dia de aula!
-Muita obrigada.. Vou torcer por você! Até mais Mike!
-Até e não vai desmaiar de novo ein!
-Seu bobo! - Nicole riu e deixou a sala.Me sentei na cadeira pedindo a Deus para que desse tudo certo para Nicole também,ela é muito mais que minha amiga, é uma irmã a qual eu quero muito bem, não é isso?


Capítulo 18  

Nicole



  Finalmente a semana passou voando,pois hoje é a estreia de Thriller.Nem pude ver Michael nessa semana,pois ele está muito.atarefado e eu comecei a faculdade,mas eu sei que é por causa do trabalho e mal posso esperar para comprar o disco.
-Nick,Nicole!! - eu estava no jardim da minha casa quando vi Michael correndo em minha direção
-Ei Mike! Que correria é essa?
-Estreou! Meu álbum ja está a venda! - Michael praticamente gritou
-Oh meu Deus! - pulei em seu colo,que me recebeu com um abraço apertado - Vamos!
-Vamos pra onde,sua louca?
-Na loja de discos,eu quero comprar meu álbum e ver a capa,você não quis me mostrar!
-É pra fazer surpresa ué?
-Então  vamos logo,porque você vai ficar tão famoso que nem poderá sair de casa sozinho!
-Não exagera! - ele riu
-Depois me diz se é exagero meu!
 Pedi para Theo nos deixar no shopping.Fomos na primeira loja de discos e lá estava um pôster enorme da capa de Thrillher
.




 Puta que pariu,eu  paralisei.Michael está definitivamente perfeito! As lágrimas encheram meus olhos.
-Nick eu não tô acreditando! Sou eu mesmo!
-É sim Mike,cara não imagina como eu to orgulhosa! Deixe eu pegar o meu antes que acabe! - me enfiei no meio do aglomerado de pessoas que bisbilhotavam a prateleira - Se eu fosse vocês compravam esse álbum agora mesmo! Esse cara aqui será um fenômeno! - gritei aos quatro ventos

       
                  
* * * * *
       

Michael


  
 Algumas semanas se passaram e Thriller está praticamente esgotado! Ontem estreou o clipe de Billie Jean.Deus,só se fala nisso!  Inclusive a MTV  vai exibi-lo,além de Beat It e Thriller.
 Bem,em relação a fama,tá uma loucura.Tenho diversas coletivas pra fazer ao lado de Quincy,mas entrevistas eu tenho evitado ao máximo.Eu sou bem reservado e tímido,acho que não conseguirei.

 
                
* * * * *

Nicole


   Três meses da estreia de Thriller e o sucesso triplicou,Michael tem quebrado todos os recordes de venda e a imprensa já o especula como "O maior ícone negro de todos os tempos". Eu estou transbordando de felicidade.
 O problema é que mau tenho falado com Michael.Com o sucesso e a fama,ele tem trabalhado o dobro e raramente conseguimos nos ver,mas ele sempre me liga dizendo que vai fazer de tudo para me ver e eu como uma boa apaixonada fico lhe esperando.
-Menina,ainda grudada nesse telefone? - disse Nani
-Mike prometeu que me ligaria!
-Ele deve ter ficado ocupado,querida. Ele tem feito muito sucesso! Nem acredito que aquele rapazinho todo acanhado está se tornando esse astro!
-Michael é muito talentoso e tem um coração maravilhoso.Ele merece tudo que tem acontecido com ele!
-Mas você está triste..
-Eu?
-Sim. Desde que ele sumiu daqui você só fica grudada nesse telefone esperando ele ligar. Não adianta mentir,está apaixonada por ele!
-Sim,eu estou!  E tenho tanto medo..
-Medo de que?
-De me afastar dele. Sinto que as coisas estão mudando entende? Não quero perder essa conexão que tenho com ele..
-Não chore,meu amor.. - Nani me abraçou - Você mesma disse que Michael tem um bom coração,ele não vai mudar. Ele só tem andado ocupado,espere essa fase passar..
-Eu quero muito,muito mesmo que ele faça ainda mais sucesso e eu sei que vai! - sorri - Mas.. acho que ele me vê apenas como uma amiga..
-Isso só o tempo pode lhe dizer..


Capítulo 19 


Michael


  Estamos quase entrando no ano de 1984. E por que eu digo isso? Pois bem,Thriller está concorrendo ao Grammy em diversas categorias.Nem nos meus melhores sonhos eu poderia imaginar que isso me aconteceria.
Bem que Nicole disse que ficaria impossível transitar de um lado para o outro. Falando nela..Cara,eu to morrendo de saudades dela,acontece que eu tenho viajado bastante e meus empresários lotam a minha agenda. Nesse ano,só consegui tirar uma folga de duas semanas!   Aproveitei para passar esse tempo com ela e com minha família.. Criei coragem de de procurar minha mãe,ela não tem culpa por meu pai ter me expulsado.Esse agora tá um ouro comigo..
Mas hoje vou ver Nicole,depois de um mês nos comunicando apenas por telefone e cartas.Vou convidá-la para me acompanhar na cerimônia do Grammy. Vou torcer para que ela aceite,pois se hoje estou colhendo bons frutos é graças à ela,disso nunca me esquecerei.
   Decidi fazer uma surpresa para Nicole,vou buscá-la na faculdade,quer dizer,de motorista,porque mesmo tirando carteira,sou um péssimo motorista. E lá vem ela..Caramba,cada mês que se passa,Nicole tem ficado cada vez mais bonita,está crescendo,se tornando uma bela mulher.
Nicole



  Hoje é meu aniversário.Ótimo,vou fazer dezoito anos.Sempre esperei por esse dia,mas agora que chegou me sinto tão desanimada.. Mas ficarei muito feliz quando receber os parabéns de Michael.
Esse afastamento dele está acabando comigo,eu sei que ele não tem culpa.Têm vários empresários e assessores cuidando da carreira dele..
  Mas poxa,eu sinto tanta falta dele,das nossas conversas.. Imagino se isso vai se normalizar e assim,voltarmos a ser como antes.
 Na saída da faculdade,me deparei com um luxuosíssimo carro preto,estacionado próximo à um prédio.Não dei muita importância,continuei andando tranquilamente e quando passei pelo carro,escutei um "psiu" e então o carro começou a se mover.
  Quando olhei para a janela se abaixando e o rosto de Michael se materializando na minha frente,senti como se acendessem todas as veias do meu corpo.
-Michael! - gritei surpresa
-Entra aqui,se me verem to fodido! -  ele riu baixinho.Michael continuava sendo tímido e adorável.Me entrei rapidamente e fui recebida com um caloroso abraço dele
-Não acredito que você está aqui! É o meu melhor presente!
-Que saudade loirinha! Como você está?
-Tirando essa saudade de você,estou ótima! Eu sabia que viria me parabenizar,obrigada! - Michael riu
-Mas parabenizar? Você passou nas provas? - disse inocentemente
-Michael,hoje é meu aniversário! - ri,pois certamente era mais uma piada dele
-Tá brincando né? - disse sério
-Não.. Michael eu disse que meu aniversário era no dia quinze de dezembro!
-Meu Deus,Nicole me perdoa..Eu me esqueci completamente! Eu lembro que você me falou nas últimas ligações.. - eu não sabia onde enfiar minha cara
-Tá tudo bem Michael! - forcei um sorriso,mas minha vontade mesmo era de chorar,não por causa da data,mas poxa.. falávamos tanto desta data e ele simplesmente esquece?
-Não está não! Caramba,eu só tenho pisado na bola com você!
-Mike,acabei de lembrar que esqueci um trabalho importantíssimo na biblioteca.. - já estava abrindo a porta quando ele segurou minhas mãos
-Está fugindo de mim? Ficou magoada né?
-Não,eu não fiquei.Mas eu preciso ir realmente,a gente se fala depois.Me deixe ir,é sério! - forcei mais um sorriso
-Jura que não se magoou?
-Juro! Até mais!
-Espera! - Michael me deu um beijo na bochecha - Mais tarde você não me escapa! - lhe devolvi um sorriso e voltei para dentro da Faculdade
 Eu juro que não sou mimada,tentei ao máximo não transparecer,mas foi impossível.Eu o amo tanto que chega a doer! Eu me contento em ser apenas uma amiga,pois amar é pensar na felicidade do outro,independentemente se a for ao seu lado ou não e pra mim,a felicidade de Michael virá sempre em primeiro lugar..


Capítulo 20 


Michael

  Já me xinguei de tudo quanto é nome.Caramba, como eu pude ser capaz de esquecer essa data tão importante pra Nicole? Falávamos tanto sobre isso no telefone para eu chegar agora e simplesmente esquecer do seu aniversário.

E por mais que ela tentasse disfarçar,eu sei que ela ficou chateada,e com razão.

-Senhor Jackson,é melhor irmos. - disse meu motorista particular

-Não sairei daqui enquanto não ver Nicole indo embora!

-Mas o senhor tem compromissos,não podemos ficar aqui..

-Já disse que daqui não saio! Deixe que depois eu converso com o Quincy! Faça o favor,compre um bolo de aniversário e velas..- ele assentiu

 Fiquei umas duas horas parado,já estava anoitecendo e a Faculdade estava ficando vazia.Decidi entrar lá dentro com o bolo nas mãos e procurar Nicole.

-Com licença,pode me dizer onde fica a biblioteca? - perguntei a uma senhora que estava na recepção

-Oh meu Deus,Michael Jackson na minha frente! - ela praticamente gritou - Me deixe te dar um abraço,por favor!

-Claro! - ri do seu jeito desesperado e claro,lhe deu um abraço apertado.Receber o carinho das pessoas é gratificante

-Eu comprei seu disco assim que lançou,minha família inteira já se tornaram seus fãs! Escutamos o disco o dia todo!

-Eu agradeço muito,de verdade. Mande um beijo para eles!

-Poderia autografar meu vinil? Eu sempre trago ele pra cá!

-Autografo sim! - sorri educadamente e deixei minha assinatura em seu álbum

-Muito obrigada!! Oh me desculpe,você pediu uma informação,certo?

-Isso! Você conhece uma estudante chamada Nicole Almanza?

-Claro que sim! Ela faz ciências sociais,está sempre na biblioteca!

-Pois então,saberia me dizer se ela ainda está aqui no prédio?

-Provavelmente sim.Tem dias que ela só vai embora quando a Faculdade fecha.

-Será que pode me levar até a biblioteca?

-Mas é claro que sim!

-Qual o seu nome?
-Magnólia! - ela sorriu
-Muito obrigado Senhorita Magnólia! - lhe correspondi o sorriso e a acompanhei para o extenso corredor até chegarmos no enorme espaço da biblioteca
-Pronto,ela costuma sentar sempre nas cadeiras daquela última fileira.
-Obrigado novamente,até mais!
-Até! - Magnólia voltou para a recepção e eu segui até o lugar em que Nicole poderia estar
   Fiquei encantado com a cena que vi.Nicole estava dormindo com a cabeça apoiada em uma montanha de livros.Parecia estar extremamente cansada e abatida.
Me aproximei dela e me sentei na cadeira ao lado.Tirei algumas mechas loiras do cabelo de seu rosto e pude,pela pela primeira vez observá-la dormir. Acariciei seus cabelos e Nicole,ainda sonolenta,abriu os olhos e se assustou ao me ver.
-Michael?
-Feliz aniversário,loirinha!
-Mike, o que é isso?
-Um bolo de aniversário e velas para você assoprar! - Nick me olhou confusa - Nicole,do fundo do meu coração me desculpa por essa mancada.Eu sei que ficou chateada!
-Não é só por isso Michael..
-Por que então?
-Poxa,desde que começou a trabalhar no disco,estamos nos distanciando cada vez mais! Não conseguimos nem nos ver,conversar e ficarmos juntos sem se preocupar com o tempo.Me desculpe se estou sendo egoísta,mas eu sinto sua falta! - Nicole chorava,o que me deixou de coração partido.Eu também estava odiando essa situação
-Oh Nicole.. - lhe puxei para os meus braços - Me perdoa,de verdade. Eu estou deixando as pessoas decidirem minha vida e acabo prejudicando nossa amizade. Me desculpe por estar agindo dessa forma,você é a última pessoa do mundo em que eu queira magoar.. - minha voz saiu embargada
-Eu sei que está passando pela melhor fase da sua vida e você merece! Só quero pedir para que tudo possa voltar a ser como era,por favor!
-É o que eu mais quero.. Vou lhe fazer duas propostas,está bem?
-Pode falar!
-Aceita me acompanhar na cerimônia do Grammy?
-Tá falando sério?
-Mas é claro que sim,desde que soube que Thriller foi cotado,venho pensando nisso. E então,o que me diz?
-Mas Mike eu sou tímida!
-Então somos dois! Mas é sério,ao seu lado eu me sinto forte,seguro..
-Eu vou sim Michael! Torci tanto para que Thriller fosse um sucesso e olha só,está melhor do que imaginávamos! Vou estar com você! - ela sorriu contente
-Muito obrigado! Então no próximo domingo estaremos presentes no Grammy Awards!
-Claro! Vou estar lá para te ajudar a carregar suas estatuetas! - ela riu feito uma criança
-Vou cobrar ein! Agora tem a segunda proposta.
-Qual?
-Estou pensando em tirar uma folga depois da premiação.
-Mas por que?
-Lembra que eu disse que quando eu era pequeno,eu e meus irmãos formamos uma banda?
-Lembro sim! Chegou a fazer sucesso,mas teve um fim precoce..
-Exatamente.Bem,Quincy deu a ideia de que eu inicie uma turnê.
-Oh meu Deus isso é sério?
-Uhum e ele quer se seja uma turnê com os The Jacksons.
-E você não está feliz?
-Claro que estou! Cantar de novo com meus irmãos vai ser incrível,mas uma turnê é algo tão..
-Grandioso.. Mas você precisará se acostumar com isso,Mike. Tenho certeza que vai se sair bem!
-Deus te ouça! Mas voltando ao assunto da folga..Quero passar um bom tempo descansando e quero saber se você aceita viajar comigo.
-Eu?
-Sim! Você vai entrar de férias na faculdade mesmo.. Quero viajar pra um lugar bem distante,o que acha?
-Adorei a ideia! - Nick comemorou
-Iremos só nos dois,vai ser um momento só nosso!
-Esse é o melhor presente que poderia me dar!
-E quem disse que esse é seu presente de aniversário?
-Do que você tá falando?
-Amanhã bem cedo vou te pegar na sua casa.
-Mas para que?
-Surpresa,querida! Amanhã lhe darei o melhor presente da sua vida!
-Não precisa Michael..
-Não adianta reclamar loirinha! Agora apague suas velas! - cantarolei um " Happy Birthday to you" e Nicole apagou as velas.
-Como vamos cortar o bolo se não tem faca aqui?
-Tenho uma ideia.. - antes que Nicole piscasse,taquei o bolo em seu rosto. Ela ficou chocada e eu morrendo de rir,dando minhas gargalhadas escandalosas
-Michael Jackson você enlouqueceu? Olha o que você fez!- gritou me fazendo rir ainda mais
-Tá muito engraçada,cabeça de maçã!
-Aé? Então toma! - Nicole jogou o resto do bolo na minha cara e foi a vez dela rir de mim. Nick puxou com o dedo um filete de chantilly do meu rosto e levou até a boca.Caralho,isso foi muito sexy!
-Está uma delícia esse bolo! - disse rindo de mim
-Então deixe eu provar também! - passei minha língua em seu queixo e tirei o excesso de cobertura de bolo. Senti que Nicole se arrepiou com minha atitude
-Acho melhor lavarmos nosso rosto! - ela disse rindo - Aqui tem um banheiro,vem.. - segui com Nicole até o banheiro e ela me ajudou a limpar meu rosto,em seguida,fiz o mesmo com ela
Com uma toalha,tirei a sujeira que grudou nos seus olhos.Depois de limpos,fiquei por um tempo perdido,encarando seus olhos incrivelmente azuis.
-O que foi Michael?
-Na..nada! Tô conferindo se ainda tem resto de glacê! - ela riu
-Em mim não sei,mas em você..
-O que?
-Sua boca ainda está suja,deixe eu tirar. - Nicole levou seu dedo até meus lábios e limpou o glacê.
  Eu pretendia sujá-la novamente,puxei seu braço,mas acabou que Nicole se desequilibrou e sua boca ficou à centímetros da minha e foi inevitável a cena a seguir. Fechei meus olhos e encostei levemente meu lábio nos seus.Meu coração passou a bater desenfreadamente quando senti que Nicole correspondia ao meu beijo.
   Minhas mãos migraram para o seus cabelos e penetrei minha língua em sua boca,que rapidamente foi sugada por Nicole.Era difícil raciocinar qualquer coisa que não fosse aprofundar ainda mais esse beijo e foi o que eu fiz.
  Minha língua acariciava a sua lentamente,mas o beijo passou a ser mais intenso.Trouxe Nicole para mais perto de mim,grudando sua boca na minha. Antes que eu prosseguisse com mais ênfase,Nicole se desgrudou de mim e então minha ficha caiu.
-Nick me desculpa,sério.. Eu não sei o que deu em mim! - Nicole estava com os lábios inchados e mais vermelha que um pimentão
-Eu que peço desculpas,foi um acidente.. - ela procurava explicações assim como eu
-Tá ficando tarde ne? É melhor eu te levar pra casa..
-Por favor! - pra minha sorte o motorista estava entre nós.Inventei uma desculpa qualquer para ir na frente com ele
  Meus lábios ainda formigavam pelo intenso beijo trocado com Nicole.Levei minhas mãos até eles e pude me lembrar da maciez e o doce dos seus lábios.
O carro parou próximo a sua casa.Nicole agradeceu ao motorista e saiu do veículo,seguido por mim.
-Obrigada pela surpresa Michael,fiquei muito feliz pela sua companhia.. - ela mal olhava nos meus olhos
-Eu que agradeço.. Nick,quanto ao..
-Esquece Mike,foi um acidente.. - ela sorriu - Vamos deixar pra lá..
-Isso..! Você.. está certa. É..boa noite!
-Boa noite! - lhe dei um tímido abraço e entrei dentro do carro,observando Nicole fechar o portão. Mesmo dizendo para esquecer esse beijo,ele ainda ficará um bom tempo na minha cabeça,mesmo sabendo o quão foi errado o que eu fiz..



Capítulo 21 


Nicole


  Puta Que Pariu! Michael tá afim de me matar né? Como ele me dá um beijo desse sem nem me preparar antes? Caralho,agora eu to morta de vergonha,devo ter ficado vermelha,rosa,roxa..
 Entrei em casa e fui direto para a cozinha beber uma água gelada.Ainda me sentia bamba,meu coração batia acelerado.Minha boca ardia por ter sido sugada por aqueles lábios cheios e carnudos,suas mãos incrivelmente grandes puxando meus cabelos.. Jesus! Michael conseguiu multiplicar mil vezes esse amor que sinto por ele..
-Nicole?
-Ah?? - tomei um susto com Nani
-Hey,calma.. Desculpe te assustar!
-Imagina! Não é culpa sua..
-O que aconteceu? Vi que Michael te deixou aqui..
-Nani.. Nos beijamos!
-O que? - Nani levou as mãos à boca para abafar o grito - Oh meu Deus,como foi isso?
-Foi um acidente,me desequilibrei e caí em cima dele,ai..
-O beijo aconteceu!
-Isso! Ai Nani,não sei onde enfiar minha cara!
-Por que diz isso?
-Ele me pediu desculpas,vi que ficou visivelmente transtornado. Mike me vê só como amiga!
-Aham,mas amigos não se beijam na boca!
-Nani!! - acabei rindo dela - É melhor eu dormir,prometemos que esse beijo será esquecido e assim vai ser..
-Se você diz..
-E o pior que ele me chamou para acompanhá-lo na cerimônia do Grammy e é daqui a dois dias!
-Uau! E você vai né?
-Vou ter que ir.Se eu desmarcar ele vai achar que é por causa desse beijo.
-Então vá meu bem,antes de tudo Michael é seu amigo!
-Tem razão.. Boa noite Nani! - lhe dei um beijo na bochecha
-Boa noite,mas antes,parabéns meu amor! Você não quis festa..
-Claro que não.Papai não está aqui,nem vovó..
-Mas são dezoito anos!
-É só uma data qualquer..Ai meu Deus!
-O que,menina?
-Michael disse que amanhã bem cedo vai me buscar para me fazer uma surpresa! E agora?
-Agora você vai agir como se nada tivesse acontecido.Se ele disse para esquecer o beijo,não dê bandeira.Mostre a mulher que você está se tornando. Olhe pra você,cada dia mais linda! Está deixando de ser uma garotinha e se tornando uma mulher!
-E é graças a você! Obrigada por cuidar de mim,se não fosse seu amor de mãe por mim,eu estaria perdida!
-Vou estar sempre aqui com você,minha rainha..
-Eu te amo muito! - lhe abracei
-Durma bem,viu?
-Você também! - segui para o meu quarto pensando em tudo que aconteceu neste dia.Céus..nem nos meus sonhos,eu poderia imaginar! Depois de muito rolar na cama,acabei dormindo.


                  
* * * *



-Acorda mocinha de dezoito anos! - abri meus olhos e vi Michael encostado na janela do meu quarto
-Michael..o que faz aqui?
-Ué,eu disse que ia te buscar bem cedo,no entanto você dormiu mais que a cama!
-Quanto tempo está parado ai?
-Hmm - Michael olhou para o relógio - Exatamente duas horas!
-Que? Isso é jogo sujo! - resmunguei  e ele riu
-Relaxa,você é linda dormindo! - puta que pariu,será que ele não sabe o efeito que essas palavras causam em mim?
-Mentiroso! Vou tomar um banho para podermos ir.
-Te espero lá em baixo,não demora! - é,parece que Michael esqueceu mesmo o episódio de ontem a noite.Mas é melhor assim..
 Tomei meu banho,coloquei um vestido leve e desci as escadas de encontro à Michael.
-Onde vamos?
-Já disse que é surpresa! Você..está bem?
-Sim,e você?
-Estou bem.. Podemos ir?
-Claro! - seguimos até seu carro e Michael abriu a porta pra mim - Cadê seu motorista?
-Hoje eu serei o motorista! - ele sorriu
-Tá brincando né?
-Claro que não! Relaxa,vai chegar viva,loirinha!
-Confio em você! - Michael arrancou com o carro e seguiu seu percurso. Confesso que estava cagando de medo,pois ele é um péssimo motorista!
-Está com medo?
-Imagina.. Mike pra onde estamos indo?
-Quero que seja a primeira a conhecer esse lugar para onde vamos,em seguida vou te levar a um lugar que você disse que nunca conheceu. Preparada?
-Acho que sim! - a viagem parecia nunca ter fim,estávamos a horas na estrada até que Michael parou em um heliporto
-Vem!
-Pra que helicóptero?
-Porque onde vamos é bem longe daqui. Vamos para a Califórnia!
-Tá brincando!
-É sério! - ele riu - Se prepare!
-Só você mesmo! - o helicóptero tomou voo e em minutos estávamos sobrevoando Nova York,rumo à Califórnia. Daria tudo pra saber onde estávamos indo.


             
* * * *


 O helicóptero pousou em uma enorme propriedade no Condado de Santa Bárbara. O lugar era exageradamente enorme, e eu já me perguntava o que significava isto.


-Michael,me explica agora!
-Gostou do lugar?
-É lindo,tão perto da natureza,não tenho palavras.. - disse maravilhada
-Que bom que gostou. Bem vinda à futura Neverland!
-Como é que é?
-Lembra que eu disse que tinha um sonho de ter um lugar que fosse do jeito que eu quisesse?
-Claro que sim!
-Pois então,aqui está nosso sonho realizado!
-Nosso?
-Sim,você me incentivou a realizar esse sonho! E é a primeira pessoa a vir aqui. Claro que falta muita coisa né?
-E o que você pretende fazer?
-Tanta coisa Nick.. Quero construir uma mansão enorme,um parque de diversões,cinema e até um zoológico!
-Mike! Isso aqui vai ser um sonho!  A verdadeira Terra do Nunca!
-E você vai fazer parte não é Sininho?
-Mas é claro que sim! O lugar da Sininho é ao lado do Peter Pan! - Michael riu e me puxou para um abraço apertado. Neverland já está em meu coração,assim como o dono dela..


Capítulo 22 

Michael



  Sabia que Nicole iria amar o terreno do futuro Rancho Neverland. Claro que ainda vai demorar muitos anos para ficar do jeito que eu quero,mas o importante é que esse dia vai chegar.Vou fazer meu sonho se tornar realidade,Neverland será meu refúgio,o lugar onde poderei realizar todas as minhas fantasias de crianças,na qual nunca pude viver.
  Não vou mentir que essa situação com Nicole me deixou bastante envergonhado.Poxa,Nicole é minha melhor amiga,não sei o que deu em mim para beijá-la daquela maneira.Mas parece que ela virou a página assim como eu.A última coisa que quero nesse mundo é perder sua amizade,que é a tudo para mim.
  Passamos o dia todo passeando pela propriedade, mostrei à ela cada lugar do Rancho e o que seria construído ali. Por fim, subimos uma pequena montanha e ficamos sentados contemplando a vista da minha futura residência.
-Estou muito orgulhosa de você.. - Nicole me encarou - Está realizando todos os seus sonhos!
-Graças a você!
-Não gosto quando fala assim..
-Por que? Disse algo errado?
-É que parece que você só se tornou um cantor famoso graças a mim, quando na verdade é pelo seu talento e criatividade! Parece que fica perto de mim por gratidão..
-Nunca mais repita isso! Poxa Nick,acha mesmo que eu seria seu amigo apenas por isso? Se lembro de te agradecer é pra saber como é importante pra mim, para mostrar como você mudou minha vida..
-Me desculpe.. Não quis te ofender.
-Relaxa Nick, eu te entendo.. - encostei minha mão na sua
-Imagina só quando Neverland estiver pronta!
-Você vai me ajudar a construí-la né?
-Mas é claro que sim!
-Vamos? - me levantei
-Pra onde?
-Pra segunda parte da surpresa!
-Ah meu Deus.. - Nicole riu.Ajudei ela a se levantar e um carro já estava a nossa espera.Entramos nele e saímos da propriedade, rumo ao lugar onde tenho certeza que Nicole vai se emocionar
-Que lugar é esse? - estacionei o carro e abri a porta para Nicole
-Lembra quando me disse que nunca foi à um parque de diversões? Pois bem, seja bem vinda!
-Oh meu Deus! - Nick levou as mãos à boca completamente maravilhada - Michael,meu sonho era vir em um lugar desse,eu nunca tive a oportunidade de conhecer!
-Imaginei que seria o presente ideal pra você!
-É o melhor presente da minha vida!
-Desculpa ter que reservar para nós dois,mas você sabe que seria impossível..
-Eu sei Mike! Mas estou feliz do mesmo jeito!
-Que bom Nick! Vem,vamos em todos os brinquedos!
  Passamos o resto do dia nos divertindo como nunca. Nick e eu parecíamos duas crianças e ver o brilho nos olhos dela me deixou tão estasiado.Tenho certeza que consegui tocar seu coração profundamente.Já estava anoitecendo e nem vimos a hora passar.
-Mike,nunca me diverti tanto como hoje! Realmente você me surpreendeu!
-Fico feliz em saber! Mas ainda tem mais um presente.
-Michael pra que isso? - ela riu
-Porque quando vi isso,sabia que iria combinar perfeitamente com seus olhos. - abri a pequena caixinha aveludada
-Michael! - Nick se surpreendeu com o colar de pérolas que estava dentro da caixinha - Meu Deus, não precisava..
-Eu sei,mas quando vi esse colar,imaginei você usando ele..E agora quero ver se suprirá minhas expectativas! Posso colocar em você?
-Claro! - passei o colar em seu pescoço e realmente, a joia deixou Nicole ainda mais linda..
-Perfeita.. - disse baixinho
-Que?
-Ficou linda! - encarei seus olhos azuis novamente,mas Jones,meu segurança, me chamou
-Sr. Jackson, recado para o senhor.
-Com licença,Nick! - segui com Jones para um lugar afastado - Pode falar.
-A senhorita Brooke Shields acaba de deixar uma mensagem para o senhor,dizendo que estará presente amanhã na cerimônia do Grammy para lhe parabenizar.
-Oh meu Deus! Sério? - abri um largo sorriso
-É sim, ela agradeceu o buquê de flores que o senhor mandou para ela e inclusive aceitou o convite do jantar.
-Caramba,é a melhor notícia do meu dia! Obrigado Jones, mais tarde vou ligar pra ela!
-Com licença! - fiquei com receio de contar para Nicole,não queria mudar o rumo da nossa conversa
-Aconteceu alguma coisa? - disse preocupada
-Não,imagina! - não consegui esconder minha felicidade - O helicóptero está a nossa espera,vamos?
-Uhum!
 
* * * * *


  Deixei Nicole em casa e já estava me despedindo dela.O dia realmente foi incrível e poder proporcionar isso à ela me deixou extremamente feliz.Amanhã será o grande dia e eu não caibo em mim de tanta ansiedade.

-Michael,muito obrigada por esse dia.Nunca fui tão feliz como hoje..

-Oh loirinha, saber disso me deixa mais feliz ainda!

-Guarde para amanhã quando receber seus Grammys!

-Poxa,nem me fale, acho que vou nem dormir essa noite!

-Nem pense nisso! Você tem que estar bem disposto para amanhã! - me repreendeu

-Tudo bem,você que manda! Sou muito grato por você ter aceito vir comigo..

-Eu que te agradeço por me convidar!

-Amanhã passarei aqui para te buscar ok?

-Certo.. Boa noite Michael!

-Boa noite Nick! - lhe dei um abraço e segui para o carro. Caramba, amanhã será um dia super importante,além do mais a Brooke estará lá para me ver..Parece um sonho!





Capítulo 23


Michael

 
 
  Cheguei em casa e fui direto pegar o telefone e ligar para Brooke. Fiquei com receio de acordá-la,mas a vontade de falar com ela era tanta,que liguei mesmo assim.
-Alô? - ouvi sua voz do outro lado da linha
-Brooke? É o Michael! - escutei sua risada
-Como é bom ouvir sua voz.. Liguei pra você,mas seu assessor disse que não estava..
-Pois é,tive um compromisso..
-Queria lhe agradecer pelas flores e o convite para jantarmos juntos..
-Então você aceita?
-Mais é claro que sim! Vou adorar passar um tempo com você..
-Eu digo o mesmo.. - sorri feito um bobo - Amanhã estará na  premiação,certo?
-Mas é claro que sim! Não perderei isso por nada..
-Que bom que estará lá.. Bem,só liguei mesmo para ouvir sua voz.. Até amanhã,Brooke!
-Até amanhã,querido.. Boa noite!
-Boa noite! - desliguei o telefone e um sorriso dançava nos meus lábios.É Michael Jackson,a sorte está mesmo sorrindo pra você!
Nicole


 Achei Michael tão aéreo depois que falou com seu segurança.Se fosse algo ruim ele não estaria rindo de orelha a orelha.Bem,deve ter sido algo relativo à sua carreira.E se ele está feliz,eu estou o dobro.
 Acordei com a luz do Sol invadindo meu quarto.Mesmo sendo domingo,levantei bem cedo,pois hoje é o grande dia e quero me preparar desde cedo.
-Bom dia Nani!
-Bom dia meu amor! Está animada..
-Sim!  Meu dia ontem foi perfeito! Michael me levou pra conhecer sua futura casa e depois fomos a um parque de diversões!
-Imagino como se divertiu! E vocês falaram do beijo?
-Não.. Pra ele parece que isso nem aconteceu.. -  me entristeci
-Por que não diz a ele a verdade? Que é apaixonada por ele..
-Tá maluca? Agora mais do que nunca tenho certeza que ele me vê apenas como amiga!
-E você vai ficar guardando isso até quando?
-Nani,não quero perder a amizade dele!
-Oh meu bem..
-Vamos esquecer isso,hoje é a grande noite do Grammy e Michael tem que brilhar! - Nani assentiu,mesmo sem concordar com minha decisão
-Sam virá aqui daqui a pouco para maquiá-la,penteá-la e escolher seu figurino..
-Ai eu tô tão nervosa..Nunca pensei que passaria por isso!
-Eu sei.. Mas não fique nervosa se não vai atrapalhar tudo!
-Você tem razão! Hoje será um dia especial..


                 
* * * * *


   Já eram sete horas da noite e eu estava devidamente pronta.Nani me informou que Michael já estava a minha espera. Dei os últimos retoques e desci.
 Fiquei de boca aberta ao me deparar com Michael.Caramba,ele estava incrivelmente lindo! Muito mais do que sempre imaginei,estava elegante dentro do seu próprio estilo peculiar. Foi difícil disfarçar minha cara de apaixonada.






-Nick,você está linda!
-Imagina! Você que está perfeito,pronto para arrasar!
-Então,vamos?
-Agora mesmo! - Nani lhe desejou boa sorte e se despediu de nós
 O lugar estava lotado e assim que o carro em que estávamos estacionou,uma multidão de repórteres vieram em nossa direção. Cheguei a me assustar,mas Michael apertou firme a minha mão,me tranquilizando.
 Ao saírmos do carro,flashes de todos os lados me cegavam.Agora entendo porque Michael gosta tanto dos óculos escuros!
 Finalmente conseguimos entrar no local da premiação. E lá dentro todos queriam ver Michael,falar com ele,estar perto dele.. Fiquei emocionada com a forma em que Michael estava sendo aceito pelo público.
 Não tardou muito para a premiação começar,percebi que Michael toda hora olhava para trás,devia ser de nervosismo.
   E logo as categorias foram anunciadas. Thriller foi indicado em nove categorias. Produtor do Ano, Álbum do Ano, Disco do Ano Melhor Performance Vocal Masculina do Ano,por Beat It Melhor Performance Vocal Masculina,por Billie Jean, Melhor Canção de R&B por Billie Jean, Melhor Performance Pop Masculina, Melhor Gravação para Álbum Infantil. E pasmem,Michael venceu oito!
   Puta que pariu! Oito Grammys em duas horas é de matar do coração! Nunca me emocionei tanto na minha vida!




-Esta é uma grande honra, estou muito feliz. Eu gostaria de agradecer a Epic Records. Eu também gostaria de dizer algo muito importante.Algumas pessoas são artistas, algumas pessoas são grandes artistas, algumas pessoas são seguidores e algumas pessoas fazem o caminho e são pioneiros. Eu gostaria de dizer Jackie Wilson era um artista maravilhoso. Ele não está mais entre nós - sua voz sumiu -  mas Jackie, onde você está, eu gostaria de dizer eu te amo e muito obrigado. - Michael olhou para Quincy - Este é um dos meus melhores amigos no mundo, eu amo Quincy Jones e ele é um produtor maravilhoso e ele é uma pessoa maravilhosa
 Michael continuou seu discurso e por fim foi apladido de pé por todos,principalmente quando tirou seus óculos escuros.
Michael desceu do palco carregando com dificuldade suas oito estatuetas e foi direto para o camarim e eu o acompanhei. Assim que Michael me viu,correu para me dar um abraço.
-Ganhamos Nick,ganhamos!
-Eu sabia Mike! Parabéns! Deus,estou tão feliz por você!
-Ai Nick! - Michael voltou a me abraçar
-Parabéns Michael! - disse Quincy - Você fez um ótimo trabalho!
-Nós fizemos! Devo tudo isso a vocês dois! Eu os amo!
-Nós também Michael! - eu disse - Você merece isso e muito mais!
-Michael! - escutei uma voz feminina e automaticamente virei para de quem se tratava



Era Brooke Shields. A cara que Michael fez ao vê-la me espantou. Parecia que não tinha ninguém ali,só ele e ela e isso me incomodou bastante.
-Brooke! - Michael correu para abraçá-la - Estou tão feliz por ter vindo!
-Não deixaria de prestigiá-lo! Parabéns,querido.. - Michael esticou um assunto com ela e nem ao menos tirava os olhos dela. Qualquer um ali perceberia o clima que estava rolando e eu ali igual uma idiota.
-Mike? - tentei chamá-lo para dizer que esperaria lá fora,mas ele nem ao menos me escutou
 Aquilo foi o fim para mim.Saí do camarim com uma dor dilacerante no peito.Eu me sentia um lixo,um nada! Minha vontade era de sumir dali e chorar até enjoar.
E foi o que eu fiz.Michael nem percebeu quando eu fui embora. Saí de fininho para Quincy não me ver e peguei a rua menos movimentada.
 As lágrimas desciam sem parar,eu chorava de soluçar. Estava claro que Michael é apaixonado por Brooke e parece ser correspondido.Por mais que eu saiba que ele é apenas um amigo,caramba o que ele fez comigo foi desumano! Me ignorou como se eu fizesse parte da mobília do camarim.
 Caminhei o mais longe que consegui.Queria sumir,estava me odiando,morta de vergonha,me sentindo a pior das idiotas. Me senti em um banco numa praça mal iluminada e me permiti chorar na mesma intensidade de quando perdi minha mãe.
 Meu coração está partido e eu,farta de ser a garotinha que bate continência para todo mundo e só recebi ferpas em troca. Eu me sinto além de tudo isso,uma egoísta e uma intrusa no meio disso tudo.Mas eu realmente cansei,darei adeus à essa Nicole santinha e vou aprender a viver de verdade!


Capítulo 24

Nicole


   Cheguei em casa me sentindo um trapo.Paguei a corrida de táxi e entrei em casa tentando fazer o mínimo ruído.Não queria ouvir e falar com ninguém.
 Tomei um banho na tentativa de lavar minha alma.Banho é sempre revigorante e partindo por essa teoria,me concentrei na água que caía no meu corpo,fechei meus olhos a fim de esquecer essa noite.
 Me deitei na minha cama quente e confortável e graças a Deus o sono veio com tudo e logo eu estava dormindo profundamente
.

              
* * * * *

  Finalmente o dia amanheceu. Tomei meu banho,me arrumei e fui pra Faculdade. Se eu ficasse em casa,passaria pelo interrogatório de Nani e a última coisa que eu queria era me lembrar desse noite.
 Passei perto de uma banca de jornais e lá estavam revistas com milhares de fotos de Michael com seus prêmios e em praticamente todas as fotos,Brooke estava ao seu lado.




" Michael Jackson brilha em noite de Grammy acompanhado da belíssima atriz Brooke Shields,e a imprensa especula: os dois estão vivendo um romance particular?"
 
  E em praticamente todas as manchetes,esse comentário era sempre citado. Meti meu óculos escuro na cara,para disfarçar as olheiras e as lágrimas.
Mas isso é bom para eu aprender a deixar de ser idiota. Estou feliz por seu sucesso,apesar de tudo,eu não sou egoísta a ponto de lhe desejar mal,pelo contrário. A felicidade dele é o que importa.
 Voltei pra casa só para almoçar e pegar alguns livros. Nani percebeu que eu não estava bem e me conhecendo profundamente,ela sabia que não era momento para me perguntar nada.
 Já estava terminando de almoçar quando Nani me chamou.
-Telefone pra você Nick. É o Michael..
-Diz que não estou. - fui firme - Na verdade diz que eu viagem e não volto tão cedo!
-Mas o que aconteceu?
-Nada!
-Tudo bem,vou dizer à ele. - Nani pegou o telefone novamente - Ela não está Michael.. Não sei que horas volta.. Se está na faculdade? Bem,eu não sei.. Até mais! - Nani desligou o telefone
-Se está dando um gelo nele é porque ai tem..
-Tudo bem,vou te contar! - contei à Nani tudo que aconteceu na noite anterior. Ela ficou horrorizada com a atitude de Michael,e me consolou,pois comecei a chorar
-Oh  meu anjo,sinto muito.. Agora entendo porque não quer falar com ele.
-Não quero vê-lo na minha frente! Cansei de chorar por ele! Vou seguir minha vida..
-Só espero que não se machuque mais..
-Eu sou forte. Não vou deixar de ser quem sou por causa dele! Bem,deixe eu ir.Até mais tarde!
 Decidi sair sem motorista hoje,queria me sentir livre,sem ninguém por perto.


            
* * * *

 Quando finalmente as aulas acabaram,saí do prédio e percebi o carro de Michael virando a rua. Puta merda,como vou sair dessa?
-Nick? - escutei uma voz me chamando
- Alfred?! - era meu ex namorado dentro do seu carro
-Quer uma carona? - não pensei duas vezes
-Claro! - entrei no carro quase correndo,para Michael não me ver
-Está fugindo de alguém? - riu
-Não.. Só estou louca para sair daqui!
-Hmm você sabe das coisas..
-Vamos?
-Agora mesmo. Quer que eu te leve em casa?
-Pra casa não. Estou cansada dessa rotina! - Alfred riu vitorioso
-Então deixa comigo! - ele arrancou com o carro e deu partida estrada a fora
 Eu não tinha ideia para onde estávamos indo,mas eu queria sumir,respirar novos ares.Vai me fazer bem.
-Está diferente Nick..
-Diferente como?
-Está mais bonita,mais mulher.. E menos celibatária!
-As pessoas mudam né?
-E você está mudando pra melhor! Pensei que não queria mais me ver..
-Bobagem sua.. Nosso namoro foi a anos atrás!
-Sinto tanto sua falta.. - apenas ri
-Gostei de te ver também. Para onde estamos indo?
-Que tal Bel-Air?
-Mais isso fica na Califórnia!
-E daí? Tem uma festa massa para eu ir lá,quer ir comigo? O jatinho do meu pai está me esperando..
-Mas eu tenho aula amanhã!
-Ah qual é Nick,não tem que ser sempre certinha!
-Você tem razão..Mas quando chegarmos lá,vou ligar para a Nani não se preocupar. Mas.. e as minhas roupas?
-A gente compra lá.. E então?
-Ta certo.Eu vou!
-Aê!! - Alfred dirigiu por mais um tempo até que chegamos no aeroporto de aviações de pequeno porte
 O jatinho já estava pronto.Larguei minha mochila no carro mesmo e segui com Alfred para a aeronave.

 
             
* * * *


 Chegamos na California já anoitecendo. Assim que o jatinho aterrizou,fomos direto para o estacionamento,mas em vez de um carro,o que nos esperava era uma enorme Harley-Davidson.
-Vamos de moto?
-Sim. Está com medo?
-Claro que não!
-Então vamos. Vou te levar para comprar roupas para ir pra festa.
-E você vai saber escolher?
-Não,mas.. minhas amigas vão!
-Certo.. - montamos na moto e seguimos para Bel- Air
 Alguns minutos depois,Alfred estacionou em uma rua movimentada no centro da cidade. Entramos em uma loja na qual nunca imaginei que eu entraria um dia.
-Quem é vivo sempre aparece! - uma morena cheia de pircings apareceu na nossa frente falando com Alfred
-Sabe que amo a Califórnia,Lori!
-E quem é a loirinha?
-Essa é minha amiga Nicole,mas pode chamá-la de Nick.
-Prazer Nick.. - ela me olhou sugestivamente
-Muito prazer.. - estendi minha mão e Lori beijou o dorso dela
-Então,temos uma festa regada a rock and roll e a Nick precisa de uma ajudinha no visu! - ela riu
-Deixa comigo.. Vem Nick,vou me mostrar uns modelitos que vai combinar com você.. - Lori me mostrou uma arara repleta de roupas que nunca me vi vestindo
E agora de frente ao espelho,nem me reconheço. Sempre estive acostumada a vestir roupas leves e comportadas e agora com essas roupas,fiquei maravilhada.
-Well.. Está linda,gata.. - disse Lori
-Nunca vesti roupas assim.. - digo insegura
-Relaxa,é só por essa noite e tenho certeza que vai acabar gostando. Mas.. está faltando uma coisa..
-O que?
-A maquiagem e também temos que dar um jeitinho nesse seus cachinhos dourados..
-Meu cabelo?
-Confia em mim,você vai gostar! - concordei e me sentei na cadeira,deixando-me nas mãos de Lori
 Em menos de uma hora,eu estava pronta. Lori me entregou um espelho e eu fiquei chocada com a figura refletida.



-E então,gostou?
-Nem parece que sou eu!
-Eu sei.. Mas percebi que chegou aqui bem tristinha e as vezes quando mudamos por fora,acabamos mudando por dentro,ajuda a superar sabe..
-Você tem razão.Cansei de ser tratada como criança!
-E não é! Vejo uma bela mulher que só precisa de um empurrãozinho..
-Obrigada Lori!
-De nada gata! - olhei atentamente para seus pircings
-Doeu?
-O que? Os pircings?
-Isso..
-Que nada.. Você quer colocar?
-Acho melhor não.. Não teria coragem..
-Vamos fazer o seguinte, toma essa caixinha aqui,se mudar de ideia eu furo seu nariz,eu vou estar nessa festa! - ela piscou
-Obrigada!
-Agora vem comigo! - Lori me puxou me levando até Alfred - Olha minha obra de arte!
-Uau! Caralho,Nick você está perfeita!
-Tô envergonhada,isso sim!
-Logo logo passa,agora vamos.A noite é nossa!
-Vejo vocês mais tarde! - disse Lori
 Montamos na moto novamente e seguimos para a tal festa. Eu me sentia extramente leve,liberta,como se agora eu pudesse mandar nas minhas próprias decisões e saber que pessoas como Alfred e Lori me apoiam,me deixa ainda mais segura e confiante.


Capítulo 25 

Nicole


  Nunca me imaginei frequentando este tipo festa e por mais que eu tivesse estranhado,eu estava gostando. Todos foram muito receptíveis comigo,e por um momento consegui esquecer todos os meus problemas. Mas amanhã tudo voltará ao normal e eu continuarei sendo Nicole doce e sem graça de sempre.

-Por que está tão calada? - perguntou Alfred

-Tô só pensando na vida.. Estou farta de tudo ..

-Aconteceu alguma coisa?

-Aconteceram tantas coisas.. Parece que juntou tudo sabe? O desprezo do pai,a saudade da minha mãe e ..

-E..?

-Uma coisa que não vem ao caso agora..

-Você tem que aprender a ser forte..

-É que eu me sinto tão sozinha..

-Tem que aprender a bloquear seus sentimentos Nicole. Ou vai viver a vida toda deixando que pisem em você?

-Você tem razão. Mas amanhã a velha Nicole voltará!

-Você gostou dessa de hoje? Divertida,corajosa,louca..?

-Gostei muito! Me senti uma nova mulher..

-Então pronto! Se você se sente bem assim,continue. Além do mais agora você tem a mim.. - Alfred alisou minhas coxas

-Do que você tá falando?

-Volte a namorar comigo. Nos damos tão bem..

-Eu não sei Alfred,não sinto o mesmo que anos atrás..
-Eu sei,mas abre seu coração Nick,vou te transformar em uma nova mulher. Pense logo antes que a Lori te trace!
-O que?
-Não percebeu? Ela está te comendo com os olhos ! - riu
-Meu Deus,eu..
-Relaxa! Ela é assim mesmo,dá ideia não..
-Quero ir embora,estou cansada..
-Entendo. Vamos pra Laguna Beach?
-Mas é longe daqui!
-E qual o problema? Estamos de moto,baby!
-Mas praia à essa hora? - ri
-E desde quando tem hora pra isso? Vai ser divertido..
-Tá bem,eu vou! Em relação ao seu pedido,eu  vou pensar ok?
-Certo..  Obrigado gata,vamos?
-Vamos!
   Alfred dirigia em alta velocidade. Por conta das inúmeras garrafas de cerveja que ele tomou,ele tava nem aí para as placas de trânsito.
 Só me lembro de uma luz muito forte nos atingir e a moto ser lançada para um muro de concreto.Acho que graças ao capacete,as coisas não ficaram pior.
-Você tá bem Nick?
-Estou.. Meu braço dói pra caramba!
-Deixe eu ver.. - Alfred pegou meu braço - Caramba,tá feio isso ae! - ele riu
-Como pode rir disso?
-Relaxa gata,já cai muito nessa moto!
-Poderia ter sido fatal!
-Você tem que aprender a levar a vida menos a sério! Viver é correr riscos,mocinha!
-Sua cabeça está sangrando.. Vamos para um hospital dar um ponto nisso.
-Ok! - acabei tomando quinze pontos no braço e Alfred enfaixou a cabeça
-Se meu pai souber que isso aconteceu ele me mata! - ri
-Ele não precisa ficar sabendo,diz que caiu,sei lá..
-É o jeito.Mas ele não para em casa mesmo! Que se dane!
-To amando essa Nicole desmedida!
-Eu também..

Michael



 Até agora não entendo porquê Nicole saiu da premiação sem falar comigo.. Passei o dia todo ligando pra casa dela e nada! Até mesmo na Faculdade eu fui procurá-la.
 Depois do incrível jantar com Brooke,decidi passar na casa da Nick para conversar com ela.
-Oi Nani,Nicole está ai?
-Não,não está! Não sei onde essa menina se enfiou! Já são quase três da manhã e nada!
-Mas a Nicole nunca foi de fazer essas coisas! Na verdade estou bem chateado por ela ter ido embora ontem sem falar comigo!
-Você não tem vergonha na cara não,Michael?
-O que ?
-Isso é culpa sua! Ignorou Nicole como se ela fosse um lixo e agora vem cobrar explicações dela? O que mais tem feito nos últimos meses é deixá-la de lado!
-Mas eu..
-Não tente explicar seus erros! Acho bom Nicole aparecer e rápido! - Nani saiu furiosa me deixando de boca aberta
 Então é isso. Nicole ficou magoada por causa da Brooke,mas por que? Poxa,não imaginava que Nicole seria tão mimada e fútil.
 Decidi ir embora e na manhã seguinte voltaria para acertar as contas com Nicole. Ela vai me ouvir,ah se vai.
.
Nicole


 
Acordei com o Sol despontando no meu rosto. Puta que pariu dormimos na praia!
-Alfred.. Alfred acorda!
-O que..?
-Nós dormimos na areia da praia,estamos sujos! Meu Deus,eu não avisei a Nani,ela deve estar uma fera comigo!
-Relaxa Nick,daqui a pouco voltamos para Nova York.
-Então levante e vamos pra algum lugar tomar banho,sei lá..
-Vamos para um hotel,a gente come alguma coisa e parte pra NY.
-Ótimo! Será que poderia me levar na loja da Lori? Gostei tanto das roupas..
-Sabia que ia gostar.. Let's Go,baby..


               
* * * *


-Fura pra mim?
-Tem certeza? - Lori perguntou
-Eu gostei deles,na verdade to adorando essas roupas,me deixam tão leve..
-Concordo plenamente.. Onde quer que eu fure?
-No nariz e acima do queixo.
-Uau! Esse tipo de pircing é bem psicodélico,combina combina com você..
-Obrigada!
-Vi quando pegou o microfone para cantar ontem a noite..Que voz potente,perfeita!
-Valeu..
-Devia cantar mais,ou ser modelo..
-Sou muito tímida!
-Tímida? Sei.. Mas pensa no que eu to te falando..
-Pode deixar. Ai!! - gritei quando Lori furou meu nariz
-Passou,passou..
-Uau! Ficou lindo mesmo!
-Cuidado para não inflamar.
-Ok! Vou levar todas as roupas que eu separei.
-Hmm to vendo que gostou do visual..
-Tá pronta Nicole? - Alfred perguntou
-Agora estou! Vamos?
-Vamos!
-Voltem sempre tá?
-Pode deixar! - acenei e seguimos para o aeroporto particular de Alfred

 
           
* * * * *


Já estávamos com o carro estacionado próximo a minha casa. Parece que eu estava voltando pra realidade e isso me entristeceu.
-Obrigada pelo dia incrível que tivemos ontem..
-Podemos repetir.. - Alfred acariciou meu rosto
-Já disse que vou pensar na sua proposta ok?
-Certo.. Vou esperar!
-Bem,é melhor eu entrar.
-Te vejo a noite?
-Eu te ligo!
-Tudo bem,até mais,baby!
 Me despedi de Alfred e saí do carro.Respirei fundo e abri o portão,preparando meus ouvidos para aguentar o sermão sem fim de Nani. E não deu outra..
-Menina! - Nani gritou,correndo atrás de mim no jardim - Onde você se meteu? Nicole Maria Almanza,o que você fez..? - perguntou chocada ao me ver
-Nada demais! Só recebi umas dicas de moda..
-De alguma perdida ne? Nick essa não é você!
-Nani,o fato de eu ter mudado o visual não significa nada! Caramba eu tava cansada da mesmice de sempre! Não estou bonita?
-Claro que está! Mas eu nunca vi você desse jeito,onde estava? E por que esse braço ta machucado?
-Eu estava com o Alfred,satisfeita? Fomos viajar e eu acabei me machucando..
-Eu nunca gostei desse rapaz!
-Mas ele me ajudou muito! E não tenho a mínina intenção de parar de vê-lo!
-Ver quem? - petrifiquei ao ouvir a voz de Michael. Me virei o vendo me olhar abismado - Nick..?
-Sim,sou eu! O que quer?
-Vamos lá dentro,precisamos conversar!
-Tudo bem!  - revirei os olhos e segui ele até o escritório de papai para ficarmos a sós



-Você enlouqueceu?- bradou furioso
-Abaixa a sua voz pra falar comigo!
-Nicole o que tá havendo com você?
-Só porque cansei de engolir sapo vocês acham que eu mudei? Que enlouqueci?
-Para de falar assim! O que você fez com seu cabelo,seu rosto..
-São mechas e pircings,não está vendo?
-Nicole,para! - Michael segurou meu braço com força - Isso tudo é por causa da noite do Grammy,por causa da Brooke? Ficou com ciúme,é isso? Faça me o favor,Nicole!  - agora sim ele conseguiu me irritar
-Você tá se achando muito não é Michael? Eu tô pouco me lixando pra quem você sai ou convida pra fazer sei lá o que!
-Ae? Pois não parece!
-Tenho mais o que fazer na minha vida Michael! Enquanto você preparava o seu discurso para me esculachar,eu estava me divertindo como nunca com o meu namorado! - dei ênfase
-Ah.. o... o que? - Michael franziu o cenho - Você vai me explicar isso agora!
-Por que? Você não me contou que estava saindo com a queridinha de Hollywood,logo não devo satisfações da minha vida amorosa pra você!
-Não acredito que chegamos a esse ponto!
-Pois trate de acreditar!
-Vou embora antes que isso aqui piore! - Michael saiu feito um touro,esmurrando a porta com força
  Fechei meus olhos,respirei fundo e forcei a lagrima a não cair. Eu não vou dar esse gostinho à ele,não mesmo!

Capítulo 26 

Michael


 
 Ainda não acredito que tudo isso está acontecendo entre mim e Nicole.Poxa,sempre tivemos uma relação tão boa e de uma hora pra outra esse vendaval passa nas nossas vidas,nos afastando ainda mais um do outro. Eu sei que fui rude com ela, e me sinto culpado.Nicole mesmo sendo uma garota linda e rica,sempre fora solitária.Sua mãe partiu muito cedo e desde então seu pai mau cuida dela.Eu devia estar apoiando ela,a ajudando a sair dessa situação,mas eu sou orgulhoso demais pra isso,não posso esquecer o jeito como ela falou comigo,sem falar que agora ela tem um namorado.Espero que ela seja feliz..
                                                         
* * * *



  Hoje acontecerá a premiação do American Music Awards e eu não me sinto nada bem.Estava planejado que eu iria com Nicole,mas dentro de todas as circunstâncias, com certeza isso não vai rolar. Em um jantar e outro,acabei convidando a  Brooke, que aceitou de bom grado. Nossa relação tem ficado cada vez melhor,ela tem sido uma ótima companhia pra mim, mas nem de longe tenho a sintonia que tenho,ou melhor tinha com Nicole,mas infelizmente,se ela quis que tudo acabasse assim...

Nicole

-Já estamos namorando à dois meses..  - Alfred pronunciou

-E..?

-Bem que poderia dormir lá em casa hoje..

-Sabe que tenho aula bem cedo amanhã.. - Alfred bufou - Qual o seu problema?

-Do que você tá falando?

-Eu to cansado,gata.. Nosso namoro não passa de amassos!

-Eu não vou mudar meus conceitos por você! Já disse que não me sinto pronta e se tiver insatisfeito,sugiro que termine essa porcaria de namoro!

-Hey,calma..

-Não é porque mudei por fora que,obrigatoriamente tenho que radicalizar por dentro!

-Desculpa,ok? Prometo que terei paciência com você..

-Promete?

-Prometo! Vamos no cinema hoje,que tal?

-Pode ser.. - na verdade eu queria ir pra casa chorar horrores

-Combinado,até mais tarde. - Alfred me deu um beijo e finalmente me deixou sair do carro e entrar em casa

 Poxa,dois meses sem falar com o Michael está acabando comigo. Já me pergunto se esse foi o fim.Tantas conversas,tantos momentos para hoje simplesmente não olharmos mais na cara um do outro..

 Hoje é a noite do AMA e Michael foi cotado em várias categorias e eu estou torcendo com todas as minhas forças para que ele vença todos os prêmios.Li em uma revista que Brooke Shields vai acompanhá-lo,parece que os dois estão realmente juntos e eu que não serei mais um empecilho na vida deles.

 Terminei de me arrumar e me olhei no espelho. Por mais que eu estivesse gostando da nova Nicole, por dentro eu estava numa profunda tristeza. Estou completamente sozinha.Papai e vovó nem dão sinal de vida e pra piorar Nani teve que ir para uma cidade no interior às pressas. Realmente não tenho pra onde fugir,ao não ser ficar com Alfred,que mesmo com seu jeito estranho,está sempre perto de mim.




  Desci as escadas e Alfred já estava me esperando.Achei ele bem estranho.Nunca me convidou para programas de casais e hoje decide me levar ao cinema? Mas tudo bem, é melhor eu ir do que ficar em casa chorando por Michael.
-Tá linda gata!
-Obrigada..Voltaremos cedo ne?
-Sim gata, não se preocupe.. - Alfred riu e arrancou com o carro
 Durante o percurso senti uma coisa estranha no peito,como se algo estivesse errado.Percebi que Alfred estava pegando outro caminho,mas ele disse que era só um atalho,mas não engoli muito essa historia.
-Gata,vamos ter que passar no meu apê..
-Mas por que?
-Esqueci minha carteira de motorista.
-Como pôde esquecer isso?
-Foi mal.. Vamos lá,é rapidinho!
-Ok!
Michael




   Já estávamos no evento e Brooke sentada ao meu lado.Meu nome começou a ser indicado nas categorias e eu tinha que me levantar para buscar as estatuetas.É claro que eu estava feliz,mas a noite toda Nick não saía da minha cabeça.Senti que ela precisava de mim,não me pergunte como,mas parece que era uma intuição. Assim que minhas categorias terminaram de ser anunciadas,não aguentei e me levantei.
-Mike,onde vai? - Brooke perguntou
-Preciso resolver um problema.
-Mas agora Michael? Está no meio da sua premiação!
-Preciso ver a Nick,sinto que ela precisa de mim!
-Essa menina mimada só quer chamar a sua atenção,não percebe?
-Não fale assim dela! - fui ríspido - Até mais Brooke.
  Saí à francesa e fui até a saída de emergência,onde não tinha nenhum paparazzi por perto.Pedi ao meu motorista para me levar direto à casa da Nicole, espero que ela esteja lá, agora explicar o motivo de eu ter largado o AMA atoa ia ser difícil..
 Jones estacionou o carro na porta da mansão. Saí do veículo rapidamente e corri até o interfone e o portão logo foi aberto para mim. Entrei na casa e fui direto procurar  Nani ou Nick,mas não achei nenhuma das duas.
-Sr. Michael?
-Oi Theo, só Michael por favor! - rimos
-Me desculpe,mas virou hábito. Deseja alguma coisa?
-Queria falar com a Nicole. - Theo suspirou
-Ela não está. Saiu com aquele traste do namorado dela.
-Por que diz isso?
-Porque ele está acabando com ela! Não reconheço mais minha menina!
-Me sinto culpado por isso.. - lamentei
-Todos nós nos culpamos.
-Sabe onde foram?
-Isso eu não sei, ela nunca fala!
-Sabe onde ele mora? Pode ter ido pra lá..
-Acho que tenho na agenda,espere ai. - Theo voltou depois de dez minutos com um papel nas mãos. - Se não me engano,ainda é neste endereço. Mas por que quer ir lá?
-Sinto que a Nick tá em perigo,sei lá,pode ser coisa da minha cabeça..
-Quer que eu te leve?
-Não se preocupe,meu motorista esta ai.
-Sei que estão brigados,mas por favor, ajude a Nick!
-Deixa comigo! Vou trazê-la nem que seja arrastada! - saí da casa praticamente correndo rumo à provável residência de Alfred.Mesmo não o conhecendo,sinto um ódio escomunal por ele..

   
                      
* * * * *

Nicole


-Ainda não achou a carteira? - perguntei impaciente
-Na verdade eu já achei,mas te trouxe aqui para ficarmos a sós..
-Eu disse que não queria vir aqui! Detesto quando faz isso!
-Relaxa amor.. - Alfred enlaçou minha cintura - A noite é nossa! - ele começou a me beijar de uma forma nojenta e agressiva
-Para.. Para Alfred,assim não,eu não quero!
-Quer saber? Cansei de você,cansei de esperar! - Alfred me arrastou para a cama me jogando nela com toda a força
-Alfred para! - comecei a gritar desesperada.Alfred rasgou minha blusa,me deixando apenas de sutiã
-Acha mesmo que eu ia ficar sem esse corpo por muito tempo? Você é gostosa demais Nicole, só o tonto do Michael que não percebeu.Deve ser um viadinho!
-Não ouse falar dele! - vociferei
-Fica quieta,quero te foder gostoso Nick! - no momento que Alfred abriu o zíper da calça,senti que era o meu fim.Ele ia me estuprar, isso estava claro
!


Capítulo 27 

Nicole


-Não faz isso,pelo amor de Deus,Alfred! - gritei sentindo toda a esperança de sair desse pesadelo se esvair
-Logo agora que estou prestes a fodê-la como merece? - Alfred deu uma risada perversa e abriu minhas pernas com uma força tão grande,que senti meus ossos estalarem.
Quando estava prestes a arrancar minha calça,ouvi um estrondo vindo da porta,fazendo Alfred sobressaltar
-Não toque nela seu desgraçado! - Michael grunhiu,vindo feito um louco em nossa direção.Seu olhar tinha uma fúria tempestuosa e na minha cabeça,ele mataria Alfred. Michael o socava com tanta força e brutalidade não deixando chances alguma de Alfred se defender.
-Isso é pra aprender a nunca mais olhar para Nicole! - e novamente esmurrou Alfred com mais força ainda
-Michael,vai matá-lo! - realmente tive medo. Olhei para Michael completamente amedrontada
-Me desculpe.. - Michael limpou as mãos sujas de sangue e veio em minha direção,me ajudando a levantar
-Ai! - gritei de dor ao fechar minhas pernas
-Calma.. Não me diga que ele..
-Não!
-Graças a Deus! - Michael cedeu sua jaqueta,tampando minha semi nudez e me pegou no colo
 Assim que chegamos ao lado de fora do apartamento,o abracei com toda a minha força,libertando uma torrente de lágrimas que ficaram entaladas por todo esse tempo.
-Michael me perdoa.. Eu juro que não fiz por mal..
-Shii! - Michael cobriu meus lábios com seus dedos - Quem deve pedir perdão sou eu!
-Foi horrível! Ele ia..
-Passou,passou.. - Michael afagou meus cabelos - Vamos embora daqui! - Michael me pegou no colo novamente e seguimos para o seu carro -Nos leve para o meu apartamento. - Michael ordenou ao motorista
-Sim senhor!
 Durante todo o caminho,Michael permaneceu comigo em seus braços. Eu ainda chorava baixinho,me praguejando por ter sido tão idiota e ingênua.
-Chegamos.. - Michael me informou e saímos do carro. Ele fez questão de me carregar no colo Logo chegamos em seu apartamento.
 Agora,um pouco menos nervosa,não conseguia nem encarar Michael nos olhos.
-Se importa se eu tomar um banho? Me sinto tão suja..
-Claro,pode tomar sim. Vou pegar uma roupa minha que dê em você!
 Entrei no chuveiro,permitindo que a água levasse embora toda a mágoa no meu coração. Chorei por ter sido tão imbecil e por medo de brigar novamente com Michael.
 Me sequei,penteei meus cabelos e saí enrolada no roupão. Em cima da cama,havia uma camisa de botões.Tive medo de ficar curta,mas até que ficou bom,parecia um vestido.
 Voltei para a sala e Michael estava sentado,já com a roupa trocada. Parecia relativamente mais calmo e seu olhar não estava nenhum pouco frívolo.
-Oi.. - me chamou atenção - Fiz um chá de camomila pra você.Senta aqui..
-Obrigada.. - permanecemos calados,até que abaixei minha cabeça e as lágrimas vieram com tudo
-Oh Nick.. - Michael se aproximou de mim - Não chore mais..
-Me desculpe,de verdade!
-Olha pra mim! Jamais ficaria com raiva de você,jamais.. Tive tanto medo de te perder!
-Eu também.. Como me achou?
-Fui até a sua casa e o Theo me deu o endereço daquele desgraçado.
-Mas é a noite de AMA!
-Dane-se! Você é mais importante que tudo isso. Me perdoe por ter sido um idiota,imbecil,um verdadeiro egoísta!
-Esquece isso.. Você salvou minha vida! Obrigada por ser minha força,por estar comigo quando mais preciso!
-Te prometo que não sairei do seu lado nunca mais Nick. Eu.. - Michael ponderou a fala - Você é muito especial pra mim! Agora durma,está derrotada!
-Quero esquecer desse dia!
-Posso dormir ao seu lado?
-Po..pode! - Michael me levou ao quarto,puxou as cobertas e me ajudou a deitar na cama.
 Se deitou atrás de mim e percebi que ficamos de conchinha. Mesmo ainda em choque,meu coração disparou com toda a força e um sorriso despontou nos meus lábios,quando senti suas mãos envolverei minha cintura possessivamente.
 Deus,ter Michael do meu lado é como ter a magia da vida de volta. Michael é a luz que ilumina minha profunda escuridão..

Capítulo 28 


Michael

  Eu sabia que algo de muito errado estava acontecendo com Nicole e a pior sensação do mundo foi quando confirmei minhas suspeitas. Aquele filho da puta do Alfred estava prestes a violentá-la e se eu demorasse mais um pouco,Nick teria se dado muito mal. Mas a culpa disso tudo é minha.Por um orgulho besta,deixei ela de lado e quando ela mais precisou,eu não estava por perto para ajudá-la e aconselhá-la.
  Mas Deus foi muito bom comigo,me dando a oportunidade de reparar meus erros a tempo,antes que o pior tivesse acontecido à ela.Eu nunca iria me perdoar se aquele desgraçado tivesse.. Sinto um ódio mortal só de me lembrar daquela cena.
 Nicole ainda dormia tranquilamente.Durante toda a noite,ela teve dezenas de pesadelos e eu fiquei ao lado dela o tempo todo. Assim que amanheceu, preparei um café da manhã reforçado para ela,já que percebi como ela emagreceu nesse tempo todo.Na certa não está se cuidando.
 Mesmo com os cabelos tingidos,observo sua expressão enquanto dorme,é notável que a minha loirinha ainda está ali dentro.Nick nunca deixará de ser essa garota meiga, doce, serena, forte e bondosa.Acredito que todos temos nossas fases difíceis e espero que a dela tenha passado e se depender de mim,ela nunca mais voltará a passar por isso.
-Bom dia.. - digo baixinho percebendo que ela estava acordando
-Bom dia Mike.Acho que dormi demais! - disse sonolenta
-Não esquenta. São dez horas ainda!
-Posso ir ao banheiro?
-Que pergunta! É claro que sim! Tem escova de dente no armário. - Nick se levantou tentando ao máximo abaixar a blusa.Eu não queria comentar não,mas mesmo sendo minha amiga,dormir o tempo todo agarrado com ela e vendo a blusa levantar foi uma tortura.Também não entendi essa ideia minha de querer dormir com ela..
-Pronto! - ela sorriu e voltou a se sentar ao meu lado
-Como se sente?
-Mais tranquila,obrigada por ter me trago pra cá.
-Não precisa agradecer.Me desculpe por ontem,eu te assustei.Mas é quando vi você nas mãos daquele monstro eu me descontrolei!
-Não precisa se desculpar.Já disse,você salvou minha vida!
-Salvarei quantas vezes for preciso..Mas agora precisamos ter uma conversa séria!
-Vai brigar comigo?
-Brigar não,mas um bom sermão eu vou te passar! Nick tem noção de como nos preocupou esses meses todos?
-Preocupei você? Acho que não.. - disse fria
-Mesmo sem nos falar eu pensava em você,queria te procurar,mas tinha vergonha,medo..
-Ou falta de tempo!
-Nick não fala assim..Já me sinto um merda por ter te magoado..
-Desculpa Michael.Eu não devia estar falando desse jeito com você,me desculpe. Mas o jeito como você falou comigo me magoou!
-Eu não devia ter te chamado de mimada,não mesmo.Mas é que não entendi a raiva que você tem pela Brooke,ela é só uma amiga..
-Tem certeza? Olha Michael,é melhor eu não me meter na sua vida pessoal.Poupará muitas brigas!
-Tem ciúme da Brooke? - Nick engasgou com o suco
-Que pergunta é essa? Claro que não,eu só.. me preocupo com você,é isso..
-Ah sim.. Então,me promete que nunca mais vai fazer isso?
-Isso o quê?
-Como'' isso o quê''? Eu sei que não tem ido à faculdade, que quase não para em casa e olha pra você,pro seu rosto,pro seu cabelo..
-Até você vai falar mal?
-Não é questão de falar mal. Você está linda,com cara de mulher,mas não é a Nick,porque a minha loirinha é muito mais linda e sexy do que essa.. - ela riu
-Você é um bobo! Quer me ajudar a tirar? - apontou para os piercings no rosto
-Com todo prazer! Como teve coragem de por isso? Deve doer horrores!
-Nem tanto..
-Fica com o rosto parado,estou com medo de te machucar.
-Não fique.. - minhas mãos estavam trêmulas.Mas eu não sei se eram por medo de machucá-la ou por estar tão próxima à ela
-Au! - Nick gemeu quando tirei o primeiro.Em seguida foi a vez de tirar o que estava na boca
-Abra a boca,por favor.. - encostei meus dedos em seus lábios e removi o piercing,vendo-a fazer uma careta - Eu disse que ia doer.. - acariciei seu rosto e me aproximei dela.Eu sei que  iria fazer uma tremenda loucura,mas graças a Deus meu telefone tocou
-Mike..O telefone..
-Ah sim! - peguei o telefone - Alô?
-Michael? É o Frank!
-Como vai DiLeo?
-Como vou? Você perdeu o juízo Michael? Como larga o evento no meio da premiação?
-Me desculpe,mas precisei resolver um problema urgente..
-Urgente.. Olha Michael espero que tenha sido a última vez que faça isso,ouviu?
-Não se preocupe,darei uma declaração sobre isso!
-Acho bom! Você sabe que os próximos meses serão intensos.Temos a gravação de We Are The World e o início da sua turnê,então foque na sua carreira!
-Ok.. -revirei os olhos - Até mais! - desliguei o telefone e suspirei
-Teve problemas né? - Nick me olhou sentindo culpa
-Não se preocupe.Eles adoram mandar em mim! - Nick assentiu e amarrou os cabelos em um coque - Posso te falar uma coisa..?
-Claro!
-Seria pedir muito que.. voltasse o seu cabelo à cor natural?
-Claro que não! - ela riu
-Eu gostei dessa cor,mas sinto que ficou tão diferente..
-Eu também acho.. E eu quero esquecer tudo que me lembre o Alfred..
-Foi bom falar nele.
-Por que?
-Tenho medo que ele volte a te importunar,não quero que saia sozinha!
-Mas Mike..
-Mas nada!
-Eu não vou andar pra baixo e pra cima com um segurança!
-Nem se esse segurança for eu? - ela me olhou surpresa
-Você? Tá maluco é? Você tem seus compromissos..
-E daí? Já disse que você vem em primeiro lugar!
-Hmm já que é assim,eu aceito.Mas só até essa história cessar. Não quero que se preocupe comigo!
-É difícil não me preocupar,já que vive aprontando!
-Tudo bem, você venceu! - ela riu
-Aceita jantar comigo hoje?
-Eu?
-Sim. É a única Nicole que eu conheço!
-Ainda bem né? Eu aceito sim!
-Ótimo! Pego você em casa às 20:00,ok?
-Ok! Agora eu preciso ir.Onde estão minhas roupas?
-Vou buscar..

        ****


-Então tá combinado.Não vai furar ein?
-E quando é que eu furei com você Michael Jackson? - disse divertida
-É..o furão aqui sou eu! - ela riu
-Deixa eu entrar.. Até mais tarde..
-Até! - dei um beijo em sua bochecha e Nick saiu do carro.Deu um aceno e entrou em casa

Finalmente nos acertamos.Já estava aflito por estar longe dela há tanto tempo. E o que me deixa mais feliz é saber que nada mudou,continuamos os mesmos com a mesma cumplicidade e conexão que sempre tivemos um com outro.Pois uma verdadeira amizade suporta as piores tempestades..


Capítulo 29 


Nicole


  Plenitude. É esse o estado em que me encontro.Finalmente fiz as pazes com Michael e não tem nada no mundo que me deixa mais feliz.Saber que nossa amizade ainda é a mesma me acalma o coração. É claro que eu o amo ainda mais,mas estou disposta a aceitar o que ele me der,mesmo que seja somente a amizade,pois pior que sofrer por um amor não correspondido, é ficar longe de quem se ama. E a última coisa que eu quero é me afastar de Michael novamente.
 Peguei meu telefone e liguei para Sam imediatamente. Estava decidida a fazer uma surpresa pra Michael.Voltaria a ter os meus cabelos loiros do jeito que ele gosta.Até eu já estava sentindo falta do meu visual natural.
-Boneca!! - Sam chegou gritando,como sempre escandaloso
-Oi Sam!! - lhe abracei
-Cruzes gata! O que aconteceu com seu cabelo?
-Não é meio óbvio? - ri
-Senhor, sequestraram minha Nicole e colocaram uma selvagem no lugar dela!! Devolva a Nicole,sua impostora! - comecei a rir
-Larga de ser bobo! Te trouxe aqui justamente para dar um jeito nessa juba. Acha que tem jeito?
-Olha com quem você está falando amore! Eu faço até milagres!
-Então me deixa bem bonita,porque tenho um compromisso hoje.
-Ui.. Qual o nome do bofe?
-Que?
-Acha mesmo que me engana?
-Vou sair com meu AMIGO Michael,ok?
-Amigo..sei.. Você arrasta um metrô inteiro por ele!
-Sam! - o repreendi
-Mas é verdade.. Só ele que não percebeu até agora que vocês juntos é a coisa mais linda! Ele é bem lerdinho..
-Para com isso!  - ri -Somos apenas amigos,mais nada! Alem do mais,ele está com a Brooke ..
-Aquela atriz de um filme só?
-Sam,você é terrível!
-Só digo verdades! E na minha opinião ela é inexpressiva! Detestei o filme!
-Quero morrer sua amiga!
-Gata,vou te deixar um escândalo! Hoje você fisga o Jackson!
-Não viaja!
-Se você não der um jeito,vai comer a poeira da Brooke..Bota a cara no sol e agarra esse homem,mulher!
-Sam do meu coração, vamos falar de cabelo.Apenas isso!
-Você que sabe,mas..
-Sam..
-Ok,ok.. Deixa comigo,Cinderela. Sua fada madrinha está aqui! 

            
                                                    
* * * * *


-U-A-U! Nick você está deslumbrante!! Se eu não tivesse certeza que sou gay,você não escaparia de mim! - ri
-Não exagera! Meu cabelo ficou ótimo, obrigada!
-Não só o cabelo né querida? Se o Michael não te tascar um beijo hoje, eu esgano ele!
-Meu Deus, já ta quase na hora dele chegar!
-Deixa eu ficar aqui pra ver essa cena?
-De jeito nenhum! Some daqui! - comecei a rir
-Sua sem graça.Mais olha aqui, eu quero saber dos detalhes ouviu bem?
-Tchau Sam! E mais uma vez obrigada por tudo!
-Sua carinha de felicidade já me deixa pulando de alegria. Arrebenta amore! - Sam me roubou um selinho e em menos de cinco minutos a campainha tocou e eu fui atender
-Nick?! - Michael quase gritou


-Sou eu! Qual o problema? - me assustei
-Desculpa,é que.. Caramba,eu não esperava..
-Esperava o que? Não me diga que o cabelo ficou feio..
-Não é isso! Caramba você tá..
-Eu estou..?
-Perfeita.. - engoli em seco.Aposto que fiquei vermelha igual um camarão
-Nossa..Obrigada..
-Me serve um copo d'água?
-Cla..claro.. - Não entendo o porquê dele enfiar um óculos escuro na cara - Aqui está.
-Obrigado..Merda! - Michael derrubou o copo no chão
-Que isso Mike? Tá com a mão furada,é? - ri
-Desculpa,não segurei direito.. Deixa eu que cato..
-Larga isso ai, vai se machucar. Toma outro. - dessa vez ele segurou firme
-Desculpa mesmo.. - ele riu nervoso. Já presenciei várias cenas dele nervoso, mas não como agora
-Podemos ir?
-Claro..! Me dê sua mão?
-Sim senhor! - ri e enlacei meu braço no seu
   Michael optou irmos de motorista, ainda bem porque eu morro de medo de sair com Michael dirigindo.Eu já disse que ele é um horror no volante? Durante todo o caminho, eu pegava ele olhando pra mim e quando ele percebia, virava o rosto. Puta merda, eu to morrendo de vergonha. Será que Sam exagerou no meu visual?
   Finalmente chegamos a um restaurante reservado exclusivamente para nós dois. Michael como sempre um cavalheiro comigo. Deixei que ele escolhesse os pedidos e por fim,ficamos a sós.Michel tirou os óculos e eu pude encarar seu olhos profundamente negros e hipnotizadores.
 Depois de algumas taças de champagne, finalmente me senti mais a vontade e Michael também.Estava menos nervoso e mais receptível. Realmente estava tudo muito agradável.
-Você mentiu pra mim.. - ele disse
-Eu? Mas por que?
-Disse que voltaria a ser a doce Nicole, no entanto vejo uma mulher incrivelmente sexy na minha frente! - puta que pariu, como proceder diante desse comentário?
-Obrigada..Juro que não foi minha intenção,é que o Sam..
-Shi.. Acha mesmo que estou criticando? - ele deu sorriso torto
-É..  - ri nervosa -Então, como anda os preparativos pra turnê? - desviei o assunto
-Está tudo correndo bem,logo logo começaremos a Victory Tour,finalmente, pois tivemos que adiar algumas vezes. Jermaine quis dar pra trás.. - Michael revirou os olhos
-Mas agora está tudo certo né?
-Sim, finalmente!  - ele riu
-Eu vou ao Toilet, já volto ok?
-Certo, vai lá.. - me levantei um pouco apressada e sem querer derrubei a taça de champagne na camisa de Michael
-Merda! Me desculpa,caramba! - me agachei de frente à Michael para consertar a lambança que eu fiz.Peguei o guardanapo e passei em sua camisa, na região do peitoral.Senti sua mão tocar meu pulso e a outra mão,migrar para o meu rosto.Puta merda, meu coração vai sair pela boca.Michael vai mesmo fazer o que estou pensando?

Capítulo 30


Michael



  Juro que não pensei direito,só que estar tão perto de Nicole,me deixou fora de mim e vendo-a ali ajoelhada em minha direção foi o que precisava para eu tomar coragem.
Me inclinei em sua direção e aprofundei a carícia em seus cabelos. Toquei seu queixo,trazendo-a para mais perto de mim. E lentamente encostei meus lábios nos seus. O perfume floral de Nicole me deixou ainda mais enfeitiçado. Pela primeira vez me senti intimidado por ela.
  Minha língua adentrou em sua boca,sendo prontamente recebido por ela. Nossos movimentos estavam perfeitamente sincronizados,Nick enlaçou seus braços em meu pescoço e eu os acariciei.
Eu simplesmente não conseguia me desgrudar dos seus lábios,mas o ar nos faltou e fui obrigado a soltá-la. Nick enterrou o rosto eu meu pescoço e eu a abracei mais forte. Não conseguia fazer nada,além de sorrir feito um bobo.
-Droga! - Nick me encarou assustada
-O que foi?
-Tinha alguém nos observando! Eu vi um vulto!
-É impossível,eu pedi para fecharem todo o restaurante!
-Mas eu vi!
-Shi.. Não se preocupe ok? - foi então que caímos em si e nos demos conta do que acabara de acontecer
-Me desculpe Mike..
-Pelo quê?
-Por esse..
- ...beijo..? - completei
-É.. acho que foi esse champagne,só pode..
-Bebemos demais né? - tentei usar isso como desculpa
-Uhum.. - continuamos o jantar tentando falar de tudo,menos do que aconteceu
  Deixei Nick na porta da sua casa para nos despedirmos, foi extremamente desconcertante. Pela primeira vez não me senti arrependido por beijá-la. Provavelmente eu sentiria na manhã seguinte,quando o torpor passar e a minha ficha cair por completo.
-Então.. Obrigada pela noite.. - disse Nick
-Eu que agradeço por ter aceito o convite..
-Imagina..Bem,vou entrar,está tarde..
-Espera.. - lhe puxei pela cintura e puta merda,perdi o controle de novo,já tínhamos bebido além da conta mesmo.. Dei um leve beijo em seus lábios e finalizei com um selinho.
-Céus.. O que estamos fazendo! - ela disse rindo
-Deixando o coração falar por si só.. Durma bem!
-Você também.. - Nick se soltou dos meus braços e entrou em casa
Se estou apaixonado por ela? Não,isso não.. Nick é minha melhor amiga,eu não posso me apaixonar por ela. Mas ai você me pergunta,por quê a beijou pela segunda vez? Eu não vou conseguir responder,não mesmo..
* * * *

 Acordei com a campainha tocando estridentemente. Puta que pariu,quem vem me visitar de manhã tão cedo depois de uma ressaca?

-Brooke..?

-Pode me explicar que palhaçada é essa? - Brooke jogou uma revista na minha cara e a capa dela era eu e Nicole nos beijando no restaurante. F.o.d.e.u.!

-Brooke,eu posso explicar..

-Explicar o quê? Que estava aos beijos com essa patricinha mimada? - gritou

-Não fale assim dela!

-E ainda defende ela?

-Querida me desculpe,é que foi um acidente e esse paparazzi infeliz aproveitou da situação!

-Ou será que foi ela que se aproveitou?

-Do que está falando?

-Não me espantaria nada se ela mesma tivesse armado isso!

-Impossível! Não diga besteiras!

-Essa menina é mais esperta que eu e você juntos!Escuta o que estou te falando,ela ainda vai te causar muitos problemas!

-Brooke,volta aqui! - a puxei pelo braço - Já disse que eu agi por impulso..

-Promete que vai se afastar dela?
-Isso eu não posso te prometer..
-Michael! - Brooke me olhou indignada
-Eu te prometo que isso nunca mais vai se repetir. Ela é só uma grande amiga,é de você que eu gosto.. - ela riu e me abraçou
-Fiquei louca de ciúmes,me desculpa..
-Vou dar uma declaração qualquer para eles pararem de nos encher com isso. Prometo que vou respeitá-la!
-Eu sei que vai.. - Brooke me beijou e eu a correspondi

Nicole






  Acordei com Sam entrando no meu quarto aos berros

-Bonito em Dona Nicole! Pega o gatinho do Jackson e nem me conta!

-Do que você tá falando?

-Disso aqui ó! Não se fala em outra coisa na TV! - Sam me estendeu uma revista

-Mas o que é isso?

-Você e o Michael aos beijos! Tô orgulhoso de você,gata!

-Isso não podia ter acontecido! - Sam foi até a janela

-Hmm tenho uma má notícia..

-O que é?

-A imprensa toda lá em baixo querendo entrar..

-Oh merda! E agora? Não acredito que isso tá acontecendo!!

-Mas por quê está tão nervosa?

-Porque o Michael está com a Brooke,já pensou na confusão que isso vai dar?

-É bem feito pra ela!

-Sam,eu tô falando sério! Eu vou ferrar com a carreira do Michael!

-Não diz isso! Está bem claro que foi ele quem te beijou!
-Não importa! Preciso falar com ele agora! - tentei ligar para todos os números que eu tinha dele e nada! Eu já estava desistindo quando meu telefone tocou
-Alô?
-Falo com Nicole Almanza?
-Sim,quem é?
-Meu nome é Michael Willians,sou assistente pessoal do Sr. Jackson.
-Estou tentando falar com ele.. Onde Michael está?
-Está bem,dentro do possível. Vou ser breve com a senhorita. Sabe que não se fala de outra coisa ao não ser deste flagrante!
-Eu sei..
-Não,a senhorita não sabe! Em nome do Sr. Jackson,solicitamos que a senhorita assuma a responsabilidade deste flagra.
-O que?
-A senhorita terá que declarar que foi você quem beijou Michael,que o pegou de surpresa e neste exato momento,o paparazzi os flagrou.. - fiquei chocada com tudo que este homem dizia. Engoli o choro e me mantive firme
-Não se preocupe. Diga ao seu patrão que eu assumirei a culpa deste incidente. Diga para ficar tranquilo,que a carreira dele continuará intacta! - desliguei o telefone com força. Era como se eu tivesse levado um soco no estômago. Mas tudo bem,se é isso que ele tanto quer,ele terá!
-Sam?
-Pode falar!
-Chame a imprensa. Darei a declaração que tanto querem!


Capítulo 31 

Michael



  Passei o dia inteiro tentando falar com Nicole,mas isso se tornou uma tarefa impossível. Tive que aguentar meus assessores me passando sermão dizendo que essa "pulada de cerca" mancharia minha carreira.
-Agradeça a Deus por seus problemas terem acabado! - disse meu assessor
-O quê?
-A tal filha do juiz já deu uma declaração se responsabilizando pelo ocorrido - M.Willians me entregou uma nova revista

" Filha de famoso Juiz assume publicamente ter agarrado o astro pop Michael Jackson. Ela contou em uma curta nota para à imprensa que aproveitou um momento de distração para beijar o cantor.
 Michael é o atual namorado da atriz Brooke Shields.O casal ainda não se pronunciou sobre o ocorrido. "


- Mas que porcaria é essa? - gritei
-Que porcaria o quê,Michael! Essa garota limpou seu nome,devia comemorar!
-De onde ela tirou essa ideia de falar isso pra imprensa? Isso é mentira,foi eu quem a beijei!
-Não importa quem beijou Michael. O negócio é,isso poderia ter arruinado sua carreira!
-Já inventam tantas coisas ao meu respeito..
-Pois é! Mas dessa vez teve provas!
-Quero falar com a Nick!
-Isso é um tiro no pé! Olha,espera toda essa confusão cessar,depois vocês conversam ok?
-Nada disso!
-Michael,por favor! - Brooke entrou na sala - Quer me humilhar mais ainda? - disse com a voz chorosa
-Tudo bem.. - suspirei - Mas assim que isso se normalizar,eu vou procurá-la!

Nicole



-Você não devia ter feito isso! - Lola e Sam me passavam um sermão
-Já está feito! Ele que pediu,quer dizer,solicitou!
-Não acredito que esse cara te pediu isso,e pior, ainda mandou um assessor te ligar! - disse Lola
-Ele deve ter ficado com medo de perder a namoradinha e quis jogar tudo nas minhas costas!
-Você devia ter dito que ele que te agarrou!
-Pra que Sam? O que eu ganharia com isso? Nada me dói mais do que a atitude de Michael,tô me lixando pro que falam de mim!
-Nicole.
-Pai?
-Precisamos conversar! - disse sério
-Tudo bem.. - fomos para o escritório
-Mal chego de viagem e vejo o que aconteceu.. Por que deu essa declaração?
-Por que.. eu não queria ferrar o Michael. Ele tem muito mais a perder do que eu..
-É muito nobre da sua parte,mas imagina como vai ficar sua vida a partir de agora?
-Eu sei pai..
-Não,não sabe!
-Não briga comigo,por favor. Eu não aguento mais!
-Fica calma.. - papai me abraçou - Eu tomei uma decisão.
-Que decisão?
-Você vai viajar para o exterior. Precisa se distanciar disso tudo,o que me diz?
-Eu aceito..
-É melhor que vá antes que essa história ganhe mais proporção. Já entrei com um mandato para tirar a revista das bancas.
-Obrigada,pai..
-Não fique triste. Amanhã mesmo você embarca para Barcelona.
-Vou arrumar minhas coisas,até mais..


                  
* * * *


- Você vai embora? - Sam gritou
-Não vou embora de vez,é só por um tempo. Meu pai acha melhor assim e pra ser sincera,vai ser bom pra mim.
-Não  vai se despedir do Michael?
-Faço questão nenhuma. Por mim ele pode esquecer que eu existo!
-Poxa.. Vou sentir sua falta.. Pra onde você vai?
-Espanha.
-Boa viagem minha amiga! - disse Lola. Enxuguei minhas lágrimas e forcei um sorriso
-Me ajudam com as malas?
-Deixa com a gente!


            
* * * *



  Passei a noite toda chorando copiosamente. Esse maldito jantar acabou com o resto de amizade entre eu e Michael. Mas eu também não suportaria ficar aqui aturando essa situação sozinha enquanto ele segue a vida com a namorada,vivendo um conto de fadas.
- As malas já estão no carro,Nick. - Theo me avisou - Vou sentir sua falta..
-Eu também,muita! Mas logo eu volto.  Vou aproveitar para estudar,fazer algo que me distraia..
-Não vai avisar ao seu amigo?
-Todos os meus amigos já foram avisados. - Theo entendeu o que eu quis dizer e encerrou o assunto.
-Você vai sair em um táxi do outro lado da rua. Se disfarce para despistar os fotógrafos e depois troque de veículo,estarei te esperando para levá-la ao aeroporto.
-Obrigada Theo..
-Boa viagem minha filha e espero que entenda meus motivos..
-Não se preocupe. Adeus papai.. - lhe dei um abraço e um beijo
 Coloquei uma peruca,óculos escuros e uma roupa básica. Logo o táxi estava a minha espera. Andamos alguns quarteirões até que troquei de carro e fui com Theo até o aeroporto.
-Nunca pensei que sairia fugida dos Estados Unidos! - ri sem humor
-Não pense assim. Essa viagem será muito importante pra você,tenho certeza!
-Deus te ouça,Theo!
 Fiz meu check-in,ainda disfarçada e graças a Deus não precisei esperar muito. Logo o avião estava decolando e eu prometi que deixaria as lembranças e as mágoas para trás.
 Seria uma vida nova,algo me dizia. Mas uma coisa é certa,Michael nunca sairia da minha cabeça,tampouco do meu coração.

 Capítulo 32


Michael



  Duas semanas já se passaram desde o ocorrido. Graças a Deus esse assunto está sendo esquecido. Decidi que agora é a hora certa de procurar Nicole e conversar sobre toda essa confusão na qual meti ela.

-Onde vai Michael? - Brooke me perguntou

-Dar uma volta. Não aguento mais ficar preso aqui!

-Mas vão te reconhecer!

-Não se preocupe,vou disfarçado. Até mais! - lhe dei um beijo,coloquei meu disfarce e saí com meu motorista

 Paramos em frente à casa de Nicole. Meu coração falhou,senti medo,não sei porquê. Eu não falei com ela desde quando essa bomba estourou e sinceramente não sei o que me aguarda.

-Theo! - chamei ao vê-lo no jardim

-Quem é você? - ri e tirei a peruca

-Sou eu,Michael!

-Oh sim,me desculpe. Não te reconheci!

-Essa é a intensão! Sabe se a Nick tá em casa?

-Não senhor. Nicole viajou faz duas semanas.

-O que? Mas como? Ela não me disse nada!
-O pai dela achou melhor ela viajar por uns tempos..
-Mas por quê ela não se despediu de mim?
-Ainda pergunta?
-Como assim?
-Ela não quis falar pro pai dela,mas eu ouvi ela dizer aos amigos que foi você quem pediu para ela dar aquela declaração.
-Isso é um absurdo!Quando eu li a nota que ela enviou à imprensa eu fiquei chocado! Nunca mandaria ela dizer isso!
-Acontece que a sua equipe ligou para a Nick e em seu nome solicitaram que ela deveria assumir a responsabilidade desse flagrante!
-Theo,eu juro que não pedi  ninguém pra ligar pra Nicole! Ela não devia ter acreditado nisso!
- E você queria o quê? Não ligou e nem procurou a menina para saber como ela estava! É óbvio que ela acreditou  que foi você quem pediu para ela assumir a culpa!
-Droga! E onde ela está?
-Desculpe,mas não posso falar.
-Por favor Theo!
-Sinto muito. Nicole ficará chateada se eu disser onde ela foi. Com licença!
-Droga! - eu não acredito que se meteram na minha vida dessa forma,isso é um absurdo. Mas vou saber quem fez isso agora mesmo!
  
                 

* * * *




-Michael,o  que  você tem? - perguntou Frank ao me ver entrar no escritório feito louco

-Quero saber quem teve a audácia que ligar para a Nicole ordenando que ela assumisse a culpa pelo beijo!

-Do que tá falando Michael?

-Alguém daqui mandou ela dar aquela declaração. Exijo saber quem foi!

-Foi eu. - disse Michael Willians ,meu assessor

-Como pode fazer isso sem me consultar?

-Achamos melhor assim! - Brooke disse com firmeza

-Você tá no meio disso? - disse com tamanha incredulidade no meu tom de voz

-Foi o único jeito que encontramos para livrar sua cara!

-Eu não pedi para fazerem nada pra mim.Mas que droga!

-Ah qual é Michael,sabe que essa garota lambe o chão que você pisa. Não foi sacrifício nenhum pra ela!
-É por isso que a Nick foi embora sem se despedir. Ela está com ódio de mim!
-Ela é só uma patricinha mimada! Aposto que deve estar em Paris fazendo compras e mais compras!
-Ela não é como você! - bradei. Brooke me olhou surpresa - Vamos conversar em particular. - segui até uma sala distante e fechei a porta com força
-Viu o jeito que falou comigo perto de todo mundo?
-É pouco perto do que você fez! Não devia ter se metido na minha amizade com a Nick!
-Me desculpe ok? Só queria te ajudar,amor.. - me desvencilhei do seu abraço
-Tudo bem..
-Então me desculpou?
-Sim..
-Oh amor.. - Brooke tentou me beijar,mas virei o rosto -O que foi Mike?
-Eu te desculpei,mas não significa que quero continuar com você!
-Pera ai.. Você tá.. terminado comigo? É isso?
-Não dá mais ok?
-Tudo isso por causa dessa garota?
-Não é só por isso. Brooke eu tenho meu mundo,é difícil  deixar qualquer um entrar nele.
-Então eu sou qualquer pessoa?
-Brooke eu adoro você,mas entenda. Eu não estou me sentindo bem com esse relacionamento. Sinto muito,só posso oferecer minha amizade..
-Certo! - ela riu - Quando se sentir carente,chama a idiota aqui! Adeus Jackson! - Brooke saiu da sala furiosa. Me sentei na poltrona e respirei fundo me sentindo perdido e extremamente confuso.


Nicole


  Está sendo difícil ficar aqui sozinha,mais aos poucos estou me acostumando. Fiquei sabendo que a turnê de Michael começa essa semana,e acredite,estou muito feliz por ele. Rezo todos os dias para Deus cuidar dele e que tudo dê certo em mais essa fase da sua carreira.

 Aproveitei que estou aqui para fazer alguma coisa. Estava cansada de passar o dia todo trancada em meu apartamento,me entregando a tristeza. Decidi me inscrever no World Food Programme, uma espécie de fundação que tem o intuito de apoiar a luta contra a fome mundial e fazer parte disso tem me ajudado a ser uma pessoa melhor.

- Com licença.. - um homem muito bem vestido se aproximou de mim

-Oi,deseja alguma coisa? - sorri

-Não se lembra de mim?

-Hmm acho que não..

-Imaginei.. - ele riu - Nos conhecemos quando você tinha quinze anos. Lembra?

-Oh sim! Enrico Domenes?

-Exato!

-Me desculpe,é que foi há tanto tempo!

-Já fazem quatro anos!

-Pois é! Que surpresa você aqui!

-Vim especialmente atrás de você!

-De mim?
-Lembra quando eu disse que queria lhe transformar em uma modelo?
-Ah lembro sim..
-Você ficou ainda mais linda e eu não podia deixar essa oportunidade passar novamente. Nicole,aceita fazer um teste?
-Teste?
-Sim. Um ensaio fotográfico. Se nossos clientes gostarem,você poderá trabalhar para nós. O que acha?
-Caramba.. Eu nunca me imaginei modelando!
-Você tem uma beleza rara,um corpo perfeito,carisma.. Tenho certeza que será um sucesso!

-Posso pensar?

-Claro! Aqui está meu cartão. Me ligue assim que tiver uma resposta! - ele sorriu

-Pode deixar e obrigada! 



          

* * * *




 Cheguei em casa e fui correndo ligar para Nani. Eu precisava do seu conselho.

-Alô? Nani,é a Nicole!

-Oh meu amor! Que saudade de você! Como está?

-Estou bem.. e você?

-Também estou.. Mas sinto sua falta! Me conte as novidades!

-Nani,recebi um convite para ser modelo!

-O que?

-Lembra no meu aniversário de quinze anos quando um agenciador de modelos  me convidou para fazer uma sessão de fotos?

-Claro que lembro!

-Então. Ele me procurou hoje. Disse que quer muito que eu faça um ensaio fotográfico. O que você acha?

-Oh Nick,você tem que fazer o que o seu coração manda. Se isso te fizer feliz..

-Então você me apoia?
-Mas é claro,querida!
-Isso vai ser bom para me distrair..
-Ainda sofre por causa do Michael ne?
-Muito.. - suspirei - Como ele está?
-Eu não sei.. Acho que esta bem.. Ele veio de procurar.
-Pra que?
-Não sei.. O Theo disse que você viajou.
-Disse pra onde?
-Não..
-Nani,vou desligar ok? Já está tarde aqui..
-Está bem,querida.Mande notícias!
-Pode deixar..
-Tchau.. - desliguei o telefone e peguei minha agenda. Senti uma vontade incontrolável de ouvir a voz de Michael
 E foi o que eu fiz. Disquei o número do seu telefone e não bastou dois toques  para ouvir sua voz suave do outro lado da linha.
-Alô..? - eu não consegui falar nada - Quem é?
-Michael..?  - disse trêmula,em um fio de voz
-Nicole? É você? - disse quase gritando. Senti as lágrimas descendo copiosamente e desliguei o telefone. Tive medo de demonstrar como sinto sua falta e como estou desesperada para estar ao seu lado outra vez..


Capítulo 33 

Michael



 Foi ela, tenho certeza! Era a voz de Nicole, não tem como eu confundir. Olhei pela bina e soube que a ligação veio da Espanha.Eu não tinha dúvidas,vou atrás dela o mais rápido possível consertar meu erro. Nicole é muito importante pra mim e sempre vai ser. Eu não sabia por onde começar, então pedi ajuda para Quincy. Ele mais do que ninguém conhece a Nicole e sabe exatamente como é o seu temperamento. 

           
* * * *


-Então você quer minha ajuda? - Quincy disse me analisando
-Sim. Eu já sei que ela está na Espanha.Mas não tenho ideia do que fazer.
-Seja sincero. O que você sente pela Nick?
-Eu a amo,como uma amiga, claro.
-Tem certeza que é só como uma amiga?
-Sim..Ela é importante demais para mim,entende?
-Sei.. Michael não sei se devo te ajudar. Nick precisa de um tempo..
-Ela me ligou..Mas não disse nada.. Quincy,eu preciso vê-la, preciso esclarecer toda essa confusão!
-Eu tenho certeza que ela já te perdoou. Mas sua turnê começa amanhã,não vai ser tão longa..
-Não vou me concentrar sem saber como ela está!
-Ela está bem.Vou te ,manter informado de tudo,ok? E deixa que eu vou conversando com ela.Serão só alguns meses..
-Tudo bem.. - suspirei - Obrigado por me ajudar!
-Não se preocupe,meu amigo.Tem pessoas que entram na nossa vida para nunca mais sair, e Nicole é uma delas! - fiquei pensando nessa frase.Realmente, Nicole não sairá da minha tão facilmente.


                                                                     
* * * *

Nicole


 Depois de um mês pensando, eu decidi aceitar o convite de Enrico. O ensaio fotográfico será hoje e eu estou extremamente nervosa.Nunca fiz isso na minha vida, tenho medo de fazer tudo errado e eles não gostarem de mim. Mas nada disso me tira mais o sono do que ficar longe de Michael.A turnê dele já começou há um mês e está sendo um sucesso.Michael e os irmãos estão viajando pelo mundo todo e seus shows lotam cada vez mais.
 Falando nele, Quincy me ligou recentemente me dizendo que Michael pediu sua ajuda para me encontrar.Disse que ele queria falar comigo e até mesmo me contou que a ligação do assessor dele foi ideia da Brooke. Não pude deixar de me animar ao saber que eles terminaram.Poxa,eu sou humana né? Pelo menos sei que Michael não está sofrendo por ela, então não me sinto culpada.
-Preparada Nick? - estava no camarim terminado de me vestir para a sessão de fotos
-Estou Enrico.Podemos começar agora mesmo! - sorri me sentindo confiante
 Em minutos eu já estava no estúdio e os primeiros flashes foram disparados.Confesso que no início me senti bastante desconfortável,mas logo depois fui me acostumando com tudo e já estava tirando de letra. Troquei de roupas umas dez vezes,devo ter ficado uma hora e meia fazendo poses e mais poses.E até que eu estava gostando.Todos me tratavam com muita educação e respeito e eu me senti extremamente bem.
-Arrasou Nicole! - Enrico disse com entusiasmo
-Sério que eu fui bem?
-Mas é claro que sim! Você nasceu pra isso! E posso dizer com toda certeza que os clientes vão te escolher!
-Deus te ouça! Eu gostei muito da experiência,de verdade!
-Fico feliz em saber Nicole! Você vai ver como sua vida vai mudar daqui pra frente!


                                    
* * * *

Michael

  Mais dois meses se passaram e agora faltam apenas mais três para eu encerrar a turnê. Graças a Deus ela têm sido um grande sucesso e poder cantar cantar ao lado dos meus irmãos é melhor ainda! Outra coisa que tem me deixado muito orgulhoso é saber que o single ''We Are The World'' tem sido um grande sucesso. Já arrecadamos milhares de dólares pelo mundo todo e tenho certeza que esse dinheiro vai ajudar muito quem precisa.

  Estou cada vez mais envolvido com projetos sociais,isso te me deixado muito feliz e satisfeito comigo mesmo.Só gostaria que Nicole estivesse aqui comigo para dividir esse momento.Sei que ela estaria muito orgulhosa também. Só de pensar que logo logo vou poder finalmente vê-la,me deixa ansioso. Pelo que Quincy disse ela entendeu o que realmente aconteceu,mas mesmo assim preciso conversar com ela.

  Por quê eu não voltei a ligar? Ora, não dá pra simplesmente ,depois do que aconteceu, falar com ela por telefone.Essa conversa tem que ser feita pessoalmente, para eu olhar dentro dos seus incríveis olhos azuis e poder comprovar que ela não sente raiva ou mágoa de mim.

-Já comprou alguma revista hoje? - disse Quincy

-Do que está falando? - perguntei confuso

-Olha quem está na capa! - Quincy me estendeu uma revista e eu quase caí pra trás



-Não me diz que essa é a..

-Nicole? Sim, é ela mesma! É o primeiro trabalho dela como modelo!

-Modelo? Desde quando?

-Já tem uns três meses.Não te disse nada porque queria ver essa sua cara de surpreso!

-Céus, ela está tão linda, diferente, nem parece aquela garotinha!

-Pois é meu amigo, Nicole está se tornando uma bela mulher!

-Realmente..

-Vim te dar outra notícia. Vamos ao Kenya.

-Show?

-Sim,mas será um show beneficente para a World Food Programme. Você conhece,certo?

-Mas é claro que sim! Eles fazem um trabalho fantástico! Só não sei quem é o organizador.

-Capaz de você conhecer quando for lá. Parece que essa pessoa não gosta de aparecer..

-O que me deixa ainda mais admirado por saber que não faz isso por fama!
-Sim Michael, ainda existem pessoas de bom coração nesse mundo!

                                  

* * * *




  O avião logo aterrizou e finalmente estávamos no Kenya. Eu estava ansioso em conhecer essa fundação e principalmente o embaixador dela. Queria me entregar de corpo e alma nesse projeto e arrecadar dinheiro suficiente para ajudá-los na luta contra a fome. Tenho certeza que se Nicole estivesse aqui, ela iria adorar,já que ela sempre me disse que seu sonho era trabalhar na causa humanitária.

-Vamos Michael?

-Vamos.. - entramos no carro e em menos de vinte minutos,chegamos na sede da Fundação.



  O lugar era muito mais aconchegante do que imaginei. Tinha várias tendas separando as pessoas.De um lado tinham idosos, do outro adultos aparentemente felizes. Me senti feliz em saber que essa fundação realmente faz a diferença na vida daquelas pessoas. Não pude deixar de notar um falatório na ala das crianças.Elas pareciam estar brincando então fui até lá ver o que estava acontecendo.
 Eu fiquei estático ao ver a pessoa que fazia a alegria para aquelas crianças. Deus, não posso acreditar.É a Nicole! Se o destino realmente existe, hoje eu tive a prova. Ela estava bem diferente, suas roupas, seu cabelo e principalmente, seu olhar amoroso com aquelas crianças. Ela estava tão entretida que não notou minha presença, só quando uma das crianças gritou meu nome
.


-Olha gente,é o Michael Jackson! - ela veio correndo em minha direção juntamente com as outras crianças. É claro que eu fiquei maravilhado com aquela recepção,mas não conseguia tirar meus olhos dela.Nicole me olhava espantada,mas senti que ela estava feliz assim como eu.

   Realmente Quincy tinha razão. Quando uma pessoa especial entra na nossa vida, não importa as voltas que o destino dá.Ele sempre vai encontrar um jeito de te colocar no mesmo caminho que essa pessoa. E eu sei que Nicole é essa pessoa. Que enche minha vida de alegria com um simples sorriso, suficiente para curar todas as mágoas que nos afastou um do outro.



Capítulo 34

Nicole

-Vejo que já se conheceram! - Zelly,a coordenadora do instituto iniciou o assunto

-Sim! Nicole é uma grande amiga minha..

-Ela é a nossa embaixadora! Havíamos acabado de fundar a instituição quando ela entrou,desde então estamos progredindo cada vez mais! Nick é um tesouro!

-Claro que é! - Michael me olhou com intensidade

-Por que não leva o Sr. Jackson para conhecer a fundação?

-Claro! - sorri

   Assim que ficamos a sós,Michael me puxou para um abraço demorado. Céus,como senti falta dessa carinho! Era como se eu voltasse pra casa..

-Eu juro que não sabia de nada,desculpe por fazer você passar por isso..

-Shii.. - pousei meus dedos em seus lábios - Esquece isso.. Eu também lhe peço desculpas,deveria ter falado com você antes de sair julgando..

-Senti tanto sua falta..

-Eu também! Me desculpe por ligar daquele jeito,eu fiquei nervosa..

-Imagina.. Eu também devia ter retornado,mas fiquei com medo.. Eu queria vir pra cá,mas a turnê não dá folga!

-Imagino.. - ri
- Soube que virou modelo.. Parabéns,você estava linda na revista!
-Obrigada.. Estou adorando sabe.. É tão gratificante..
-É sim! Você está tão diferente.. Onde enfiou aquela cabeleira toda?
-Quis mudar um pouco,sabe..
-Ficou ainda mais linda!
-Obrigada! Você também mudou,está lindo..
-Que isso.. Realmente estou mudando e tem uma coisa me incomodando muito..
-O que?
-Estou notando várias manchinhas brancas no meu corpo..
-Pode me mostrar?
-Claro! - fomos até uma tenda vazia. Michael desabotoou a camisa e eu pude ver claramente. Havia manchas brancas pelo peitoral,braços,costas..
-Realmente são muitas!
-Tem no rosto também,mas a maquiagem ajuda muito!
-Você já foi no médico?
-Não tive tempo. Essas manchinhas apareceram em 84,mas eram imperceptíveis,mas agora estão cada vez mais visíveis! Assim que a turnê acabar eu verei isso..
-E eu vou com você.
-Vai voltar para os EUA?
-Se meu trabalho permitir,sim. Estou com saudades de lá!
-Eu ficarei muito feliz!
-Soube que terminou seu namoro... Foi pelo que aconteceu?
-Foi por vários motivos.. Quem sabe um dia eu encontre a mulher ideal?
-Quem sabe né? E tomara que eu encontre o cara certo! - ri
-Está de namoro,Nicole? - Michael estreitou os olhos
-Não ainda. - dei de ombros
-Como assim?
-Tipo.. A gente não sabe o dia de amanhã né?
-Hmm - Michael murmurou
-E você,já pensa em novos trabalhos?
-Estamos planejando um álbum para o ano que vem..
-Hm e você já está fazendo as músicas?
-Já escrevi algumas. Tem uma que eu estava inspiradíssimo quando compus..
-Como chama?
-I Just Can't Stop Loving You.
-Uau! E você vai deixar eu ver né?
-Não mesmo! É surpresa mocinha!
-Sem graça! Assim não vale! - resmunguei. Michael me puxou para um abraço,dessa vez mais forte que o primeiro
-Como pude ficar tanto tempo longe de você? - Michael beijou minha testa
-Eu digo o mesmo.. Somos dois idiotas! - ri
-Concordo plenamente!
-Promete que nunca mais deixaremos um mal-entendido atrapalhar nossa amizade?
-Prometo! Nunca mais permitirei que isso aconteça! - Michael entrelaçou sua mão na minha
-Assim seja..
-Estou tão orgulhoso de você,de tudo que está fazendo.. Está se tornando uma mulher forte,íntegra.. Não sabe como me fez feliz em saber que você é a embaixadora misteriosa! - ele riu
-Esse lugar tem me feito muito bem.. Olhar para essas pessoas e saber que você é querida por elas,não tem preço!
-Concordo! Cada vez me surpreendo mais com você,desde quando era aquela mocinha de 17 anos!
-Aquela pirralha! - corrigi
-Aquela mulher! Sim,pois mesmo sendo muito jovem você sempre foi nobre,madura.Mesmo aprontando suas gracinhas que me deixavam de cabelo em pé!
- Mas são essas gracinhas que nos ajudam a crescer..
-Exatamente! - Michael alisou meus cabelos e encostou seu rosto no meu. Ficamos por um bom tempo em silencio,ouvindo a respiração do outro,absorvendo esse reencontro
-Tia Nick! Me ajuda a pentear meu cabelo! - a pequena Laile se aproximou de nós
-Claro princesa! Então .. te vejo mais tarde para o show?
-Com certeza! - Michael finalmente soltou minha mão,mas antes me puxou para si - Te adoro Nick,muito mesmo.. - sussurrou em meu ouvido,me fazendo bambear as pernas
-Eu também te adoro Michael,mais do que imagina.. - ele me olhou confuso. Peguei Laila no colo e me afastei com ela
 Tive medo de Michael perceber algo,porque definitivamente,está sendo um grande sacrifício guardar todo esse sentimento dentro de mim,que só faz crescer a cada dia..



Capítulo 35 

Nicole




  Ver Michael depois de quatro meses foi um baque pra mim. Céus,ele estava ainda mais lindo do que na última vez que o vi,naquele bendito jantar..

 O show foi um sucesso. Arrecadamos mais de 30 milhões de dólares na campanha. Michael ficou extremamente feliz e eu mais apaixonada do que nunca..

 Infelizmente ele teve que ir embora cedo,pois estava no meio da turnê. Mas eu prometi que assim que terminar,nos veríamos de novo.



         

Três meses depois


  

  Hoje embarco de volta para os EUA. Michael me ligou dizendo que a turnê foi encerrada e ele finalmente poderia descansar. 

Prometi que voltaria assim que possível e iria ao médico com ele.Michael me disse que as manchas estão cada vez maiores e ele está desesperado,pois nada que ele faz,consegue amenizar esse problema.

 Já estava no aeroporto quando avistei Theo me esperando. Me senti feliz instantaneamente.

-Theo! - corri até ele - Que saudade!

-Oh menina! Você fez muita falta! Estamos tão orgulhosos de você!

-Papai não veio?

-Não,sinto muito,ele viajou.. 

-Ah tudo bem! - forcei um sorriso - Vamos?

-Agora mesmo! 

  Cheguei em casa e Nani estava me esperando e fui recebida de braços abertos. Fiquei horas contanto tudo que fiz na viagem  e também perguntei as novidades.
 Subi para o meu quarto e tomei um banho refrescante. Como eu sentia falta do meu quarto,abri meu closet e encontrei uma garrafa.
-Não acredito! Caramba,é a garrafa que Michael me vendeu! - falando nele,peguei o telefone e liguei para contar que eu havia chegado
-Alô? - ouvi sua voz suave no outro  lado da linha
-Adivinha que voltou..?
-Hmm é uma branquela dos cabelos brancos..?
-Uma branquela que tem como amigo o astro pop Michael Jackson?
-Será que é quem eu to pensando? 
-Ganha um doce de descobrir!
-Opa.. Acho que eu vou ganhar então.. Por acaso essa moça é a Nikita,vulgo Nicole? - comecei a rir
-Nikita foi demais ein! Tá escutando muito Elton John!
I'll never know how good it feels to hold you..Oh oh Nikita i need you so.. - Michael cantarolou me fazendo rir
-Você é um palhaço! 
-Sei que você me ama.. - você não sabe mesmo,meu amigo..
-Hm você pode vir aqui me ver?
-Mas é claro! 
-E será que pode ser agora?
-Deixe eu ver na minha agenda.. Brincadeira! Tô indo pra ai agora! Me espera ein..
-Tô esperando.. - desliguei o telefone e escutei a voz de Nani
-Ah o amor.. - ela disse
-Para Nani! - ri - Já disse que somos bons amigos!
-Sei..
-É sério Nani,cada dia que passa,vejo que Michael gosta de mim como amiga mesmo sabe? Tem horas que eu acho que estou errada,mas depois tenho certeza que ele me vê como amiga..
-Por que não fala com ele?
-Nani eu tenho medo! Ele vai dizer que eu estou confundindo tudo,e ai que a nossa amizade vai esfriar pra valer!
-Por um lado você tem razão.. Mas vai ficar nessa situação até quando?
-Ai Nani.. - suspirei - Não quero pensar nisso agora,prefiro ter ele como amigo do que como um estranho..
-Você é muito nobre Nicole,tenho certeza que se não for com Michael,você encontrará um sujeito de bom coração que vai amá-la como merece!
-Deus te ouça.. Agora vamos mudar de assunto,daqui a pouco ele chega!
-Certo.. Vou preparar um lanche pra vocês! Não sei de onde tiram tanta fome e continuam magrinhos! 
-Depois te passo a fórmula! - fiquei arrumando algumas roupas no meu armário,pois não sei quanto tempo ficarei aqui. Enrico disse que tinha um desfile marcado e se confirmado,eu estaria dentro
-Auu! - quase morri de susto ao ouvir esse gritinho inconfundível,mas abri um sorriso enorme ao olhar pra trás
-Michael! - ele veio correndo me abraçar
-Que saudade loirinha! Como está?
-Agora estou bem..
-Porque eu cheguei né? 
-Seu convencido! Deita aqui comigo! Me conte todas as novidades!
-Hm todas mesmo?
-Todas,não me esconda nada!
-Bem,já estamos trabalhando no novo álbum e.. tem vídeo clipe por ai..
-Mentira!
-Verdade!
-E você nem me contou!
-To contando agora,mulher! 
-Mas me fala,qual é o nome da música?
-Bad..
-Hmm quer dizer que Michael Jackson deixou de ser bom moço e agora é mau!
-Essa é a intenção.. - puta que pariu,Michael nunca me olhou desse jeito - Será que você aguenta Nicole Almanza?



Capítulo 36 

Michael



 Passei quase a noite toda com Nicole. Me lembrei da época em que ficávamos conversando até tarde naquela casa apertada do Noan,quando eu morava no Brooklyn. Parecíamos os mesmos de quatro anos atrás..


               

* * * *




 Nicole me obrigou à marcar uma consulta médica para hoje. Confesso que estou bem receoso,não imagino o que possa ser isso.

-Sr. Jackson? Pode entrar! - a recepcionista da clínica nos chamou

-Entra comigo Nick,por favor..

-Claro Michael..

 Assim que entramos na sala,fomos recebidos educadamente pelo doutor. Antes de mais nada,ele colheu uma amostra do meu sangue,e fez exames de rotina.

-Sente-se na cama e abra sua camisa,por favor. - fiz o que ele me pediu e tirei a base do meu rosto para que ele visse as manchas que também tinham ali

  Ele me examinou por alguns minutos e em seguida pediu para que vestisse a camisa novamente.

-Podem vir aqui.. - nos guiou até sua mesa

-Já tem ideia do que pode ser? - Nicole perguntou

-Sim,pelos exames eu já tenho o diagnóstico. Vitiligo.
-O que? - fiquei perplexo - O que isso quer dizer?
-Michael, o vitiligo é uma doença cutânea que causa a perda gradativa da pigmentação da pele, geralmente com o surgimento de manchas em todo o corpo. É impossível prever a extensão da doença ou o quanto a pessoa perderá da cor da pele..
-E isso é grave? - Nicole perguntou
- Olha, a condição não é contagiosa e nem representa um risco para a vida de quem a possui, mas pode afetar seriamente a autoestima do paciente e pode ser uma espécie de gatilho para o surgimento de problemas psicológicos, como a depressão.  - apertei meus olhos imaginando o inferno que seria minha vida
-E tem cura? - perguntou novamente
- O tratamento para o vitiligo pode desacelerar a doença e até mesmo melhorar a aparência da pessoa. Apesar de existir cura, ela não depende exclusivamente do método terapêutico, mas sim da reação do organismo a esse método. Sugiro que procure um dermatologista,vou lhe encaminhar para um de minha confiança.
-E essas manchas vão desaparecer?
-Não totalmente,mas você vai tratá-las e amenizar os efeitos.
-Quer dizer que eu vou deixar de ser negro,é isso?  - perguntei extremamente arrasado
-Você nunca deixará de ser negro.  - Nicole disse - Essa é a sua raça..
-Nicole tem razão. Infelizmente Sr. Jackson,essa doença não tem controle. É bem provável que sua pele empalideça gradativamente.
-E quais são os cuidados a partir de agora? - Nicole perguntou
-Evite tomar sol,principalmente depois das 10 horas,fora isso sua vida continuará normal. Aqui está o cartão do dermatologista que eu indiquei. Podem procurá-lo quando quiserem.
-Obrigada doutor! - Nicole sorriu
-E não se preocupem,essa consulta está em sigilo absoluto!
-Ainda bem.. Até mais doutor - pronunciei
-Até mais!
 Saímos da clínica em completo silêncio. Coloquei meu disfarce e seguimos até o carro de Nicole. Assim que entramos no veículo me pus a chorar feito uma criança. Nicole me abraçou com força e limpou minhas lágrimas. Ela sabia que não era momento de falar nada,apenas afagou meus cabelos e me acalentou em seus braços.
-Por que comigo Nick? Por Que? - quebrei o silêncio
-Mike olha pra mim.. Isso não é castigo nenhum. Você não é o primeiro e nem será o último a ter vitiligo.  Precisa ser forte,Michael..
-Tenho tanto medo Nick,medo do futuro..
-Se tiver medo,você não viverá. Eu imagino como se sente,mas você precisa encarar de cabeça erguida!
-E se as pessoas rirem de mim?
-Não se preocupe com elas,pois todos que te amam,inclusive seus fãs estarão ao seu lado e não deixaremos que as críticas o atinjam.. Fique calmo..
-Promete que nunca vai sair de perto de mim?
-É claro que eu prometo. Não vou deixar que nada de mal te aconteça,vou te proteger nem que seja a única coisa que eu faça nessa vida!
-Obrigado por tudo Nicole.. - me senti mais calmo e me sentei no banco
-Para onde quer que eu te leve?
-Pra minha casa,você pode vir comigo?
-Claro,não vou deixá-lo sozinho..

            

* * * *

Nicole




 Assim que chegamos na sua casa,Michael ainda estava muito abalado. Me deitei na cama com ele,que acabou dormindo no meu colo. Me doeu tanto ver ele como uma criança indefesa.

Sinto que a vida de Michael tende a se complicar cada vez mais,e isso me deixa assustada.Preciso protegê-lo agora mais do que nunca.

O telefone de Michael tocou e eu fui cuidadosamente até a sala atender.

-Alô?

-Nick? É a Nani,que bom que te achei ai!

-O que houve?

-Tem um moço aqui,chama Enrico. Ele quer falar com você..

-Passa pra ele,por favor.

-Nicole?

-Oi Enrico,como vai?
-Muito bem! Acabamos de fechar um desfile e você fará parte. Vamos viajar para Milão hoje mesmo!
-Desculpe,mas eu não vou..
-O que? Nick,está louca?
-Não posso viajar,estou resolvendo um assunto muito complicado..
-Com o Jackson não é? Nicole esse cara vai acabar com a sua carreira! Não pode deixar sua vida por ele!
-Enrico eu sei o que estou fazendo. Se ainda quiser meus serviços,prometo recompensar mais tarde,mas agora não! Passar bem.. - desliguei o telefone e respirei fundo. Não estava nenhum pouco arrependida pelo que fiz
-Nick.. Cadê você? - Michael me gritou
-Hey! Só fui beber água..
-Estava falando com alguém?
-Só liguei para avisar a Nani que estou aqui.
-Tô atrapalhando você,pode falar..
-Shii.. Eu estou aqui porque quero estar aqui. Agora dorme mais um pouco..
-Não vai embora,tá?
-Pode deixar.. - sorri. Continuei acariciando seu rosto até que ele pegou no sono novamente. Definitivamente eu não poderia estar em outro lugar que não fosse ao lado de Michael e será sempre assim..


Capítulo 37 

Nicole


  Nessa semana que se passou,Michael tem se conformado melhor com o vitiligo. No dia seguinte após o diagnóstico,procuramos o dermatologista que o doutor Fancy indicou.
 A primeira sessão do tratamento ocorreu há dois dias atrás e eu tenho feito de tudo para animar Michael,mas infelizmente tive que ir embora. Acontece que eu assinei um contrato milionário com a maior agência de modelos da Europa e eu tive que me despedir.
   Eu tive a tola esperança de achar que Michael diria algo a mais para mim na minha despedida. Afinal vou ficar muitos meses fora e se Michael dissesse o que eu tanto quero ouvir,eu desistiria de tudo e ficaria com ele.
Mas como isso não aconteceu,eu decidi dar um basta nisso. Não,eu não estou magoada e nem  vou deixar de falar com ele,só vou viver a minha vida. Toda garota sabe quando um homem te olha como mulher ou amiga e eu sei que Michael me olhará sempre com a segunda opção
.
 
          
* * * *


   Já faz um mês que estou em Paris. Costumava falar todos os dias com Michael,mas as gravações do novo álbum começaram e ele têm estado muito ocupado e eu tenho trabalhado muito. São várias sessões de foto e diversas campanhas para o próximo ano,já que 1987 tá batendo na porta.
 Acordei as oito da manhã pronta para fazer a sessão de fotos de uma campainha para uma linha de lingeries de grife. Seria meu primeiro ensaio sensual e eu estava morrendo de vergonha.
-Posso me sentar aqui,senhorita? - um rapaz jovem,bonito e extremamente educado se aproximou,estendendo um café para mim



-Claro que sim! Você é um dos produtores da agência,certo?
-Certíssimo! Prazer Matthew Rutler!  - me estendeu a mão e eu apertei
-Prazer é todo meu! Nicole Almanza!
-Pode me considerar seu fã número 1. Você é fantástica,garota!
-Ah que isso.. Obrigada!
-Soube que vai fazer um ensaio hoje..
-Uhum! E eu estou extremamente nervosa!
-Mas por que?
-É um ensaio sensual e eu nunca fiz isso..
-Imagino.. Mas relaxa,se ficar nervosa vai estragar tudo. Beleza e corpo você já têm,só precisa estar confiante!
-Obrigada..
-Pode me chamar de Matt! - sorriu
-Pode me chamar de Nick então! - retribuí o sorriso
  Ficamos conversando até a hora de ir para o estúdio. Matt é um cara bem engraçado,me fez rir o tempo todo! Confesso que me senti mais tranquila com seu apoio.
No início eu fiquei tensa,mas então vi Matt no estúdio  gesticulando para que eu ficasse calma e que tudo daria certo.
-Nicole,você arrasou! - o diretor disse ao encerrar o ensaio - Pode ir pro camarim!
-Vocês também arrasaram! - coloquei o roupão e fui pro camarim. Matt veio logo atrás de mim
-Eu não disse que você ia arrebentar?
-Graças a você que me encorajou!
-Hm então devíamos sair para comemorar,o que acha?
-Hoje..?
-Quando você quiser!
-É que amanhã bem cedo tenho que gravar uma entrevista..
-Sem problemas! Vou deixar o número do meu telefone,qualquer coisa me liga. E boa sorte amanhã!
-Obrigada! - Matt me deu um abraço e eu segui para o meu apartamento
 No dia seguinte darei minha primeira entrevista. Contei sobre as novas campanhas,planos para o futuro e pedi para não falar sobre minha vida pessoal,pois sei que a história daquele maldito beijo ressurgiria das cinzas.
 Tentei ligar para Michael e mais uma vez a ligação caiu na caixa postal. Decidi então tomar um banho,me deitei na minha cama pensando no convite de Matt. Ele me pareceu ser um cara legal,acho que preciso de novas amizades,ainda mais morando do outro lado do mundo.


      
* * * *


 Acordei bem cedo para receber a equipe de TV para a entrevista. Os maquiadores chegaram em seguida para me arrumarem.
 A entrevista seguiu bem tranquila,fiquei bastante a vontade com a jornalista e ela respeitou meu pedido para focarmos apenas na vida profissional. A entrevista iria pro ar no mesmo dia que a campanha da marca de lingeries seria lançada,ou seja,estou duas vezes mais nervosa!
  A noite chegou rapidamente e então mais uma vez decidi ligar para Michael. O fuso horário também dificultava a comunicação. Desliguei o telefone frustrada e quando dei a volta,ele tocou novamente. Corri para atender,imaginando ser Michael,mas a voz na linha era outra.
-Nick? É o Matt!
-Hey! Onde achou meu número?
-Foi muito difícil não.. - ele riu - Desculpa ligar,mas só queria saber se nosso jantar está de pé..
-É claro que sim! Podemos ir hoje se você quiser.
-Sério? Me passe seu endereço. Às oito em ponto eu te pego,ok?
-Sim senhor! Vou te esperar..
 A noite com Matt foi bem agradável. Depois do jantar,fomos dar uma volta pela cidade. Desde que cheguei em Paris eu só saio de casa para trabalhar e trabalhar..
Ficamos até tarde nas ruas de Paris,só decidi ir embora quando senti o cansaço tomar conta de mim.
-Matt eu adorei essa noite,não imaginava que era tão engraçado!
-E eu que você fosse tão divertida! Podemos repetir,o que você acha?
-Adorei a ideia,vamos sim!
-Gostaria de ser seu amigo,sério mesmo. Trabalho aqui a mais de um ano e fiz poucas amizades..
-Entendo. Eu cheguei faz mais de um mês e me sinto mais sozinha do que nunca!
-Infelizmente vida de top model é assim,baby! Mas.. como somos colegas de trabalho,faremos companhia um ao outro!
-Ai que bom! Já tava com medo de não me enturmar com o pessoal!
-Relaxa.. Eu fiquei assim quando cheguei aqui,mas depois me acostumei,mesmo estando sozinho!
-Pois então. Agora você tem uma amiga!
-Eu lhe digo o mesmo,senhorita! - ri
-Vou subir,estou morta de sono.. Obrigada por hoje.. Boa noite!
-Boa noite mocinha! - Matt beijou minha testa e nos despedimos cordialmente. Gostei dele,Matt parece ser um bom amigo,eu realmente me dei muito bem com ele.
.


Capítulo 38 

Michael




As gravações para o novo álbum estão a todo vapor. Já foram três singles gravados e dois videoclipes produzidos,Bad e The Way You Make Me Feel.
 Falta uma semana para entrarmos no ano novo e confesso que gostaria de passar o reveillon com Nick,mas ela também está muito atarefada.
-E ai Michael,tá joia? - Frank entrou na sala de estúdio
-Estou sim..
-Já viu a revista hoje?
-Não,por que?
-Então veja ai! - Frank me estendeu a revista. Meu sangue ferveu ao ver Nicole saindo de algum lugar acompanhada com um rapaz



 " Modelo em acensão aparece com novo affair em uma badalada boate em Paris.
Nicole Almanza,22 anos foi vista acompanhada do produtor da Glam Model Venece, Matthew Rutler. O " casal" foi clicado saindo de um restaurante. Há rumores de que os dois estão se conhecendo melhor.
Vale lembrar que a modelo foi clicada aos beijos com o astro pop Michael Jackson em 1985. 
"


-Mas que merda é essa? - bradei
-Qual o problema? Não vejo nada demais..
-Como não? Nicole sai com qualquer um e nem me conta!
-Mike,pode ser boato. Vai que eles são apenas amigos?
-Sei..
-Onde você vai? - disse ao me ver levantar
-Tomar um ar! - sai pisando duro. Nicole devia ter me contado,devia
!
    
             
* * * *




  Uma semana se passou e eu falei com Nicole poucas vezes. Ela não falou sobre os boatos dela com esse tal de Matt. Eu bem que joguei indiretas,mas ela desviou do assunto. Preferi deixar quieto,pois era natal,ano novo e eu não queria brigar com ela.
 O problema é que desde esse dia,todas as revistas que Nicole aparece eu compro na mesma hora. Graças a Deus não apareceu mais fotos dela com esse cara. Ainda bem!
 No último telefonema ela me disse que uma nova campanha dela seria lançada esses dias. Fiquei encucado quando ela disse que era um ensaio diferente do que ela costumava fazer e sim,eu detestei essa campanha!
-Caralho,essa é mesmo a Nick? - Frank estava babando ao ver as fotos de Nicole



-Não enche Frank! - me irritei
-Qual o seu problema?  Caramba,ela tá uma coisa de louco!
-Nicole não devia ter aceito posar de lingerie!
-E por quê não? Ela não é mais uma garotinha,MJ. Nicole é um mulherão!
-Vou pra casa!
-Mas já?  Você não ensaiar?
-Não to com saco pra isso,até amanhã!
 Voltei pra casa e tomei um banho para esfriar a cabeça. Não entendi porque essas fotos me incomodaram tanto. Acho que é o fato de estar longe dela e ser o último a saber de tudo.. Meu telefone tocou diversas vezes e finalmente atendi.
-Alô?
-Mike? É a Nicole! Como está?
-Estou bem. E você?
-Ah muito bem e com saudades!
-To vendo!
-Que foi Michael?
-Vi a campanha. Não me disse que ia tirar foto quase pelada!
-Hey o que é isso? Primeiro,eu não estava pelada,são fotos de lingerie!
-Grande coisa! Você tinha que ter falado comigo! - alterei a voz
-Pra quê? Pedir permissão? Não sou sua mulher,Michael! - engoli em seco ao ouvir essa palavra
-Des..desculpa Nick. Sério,eu me descontrolei. Mas é que você tem ficado tão linda,tão mulher que é difícil.Sempre estive acostumado a vê-la como uma garotinha,como uma..
-Irmã? - me cortou - Acontece Michael,que sim,eu cresci. Eu não sou mais a Nicole de seis anos atrás!
-Me perdoa,de verdade!
-Tudo bem..
-Quando você vai vir? Neverland está quase pronta!
-Ah em breve,daqui a um mês. Estou louca para ver como está o seu rancho!
-Nosso rancho,Sininho! - escutei sua risada
-Falô Peter Pan,até mais. Preciso desligar..
-Sinto sua falta Nick,muito mesmo!
-Eu também.. Preciso ir agora. Beijos
-Beijos! - Nick desligou e eu me praguejei por ter me comportado como um homem das cavernas. Acontece que não estou conseguindo acompanhar o ritmo de Nicole,sinto que ela está escapando das minhas mãos cada dia que passa..

Capítulo 39 

Nicole


  Já faz um mês que tenho conversado com Matt e minha relação com ele têm ficado cada vez melhor.O único problema é a falta de sossego que temos para sair,sempre tem um fotógrafo nos vigiando e inventando vários boatos.Mas tirando isso, tudo está em perfeita harmonia.Matt tem me ajudado a tirar Michael um pouco do meu pensamento.
  Se estou esquecendo ele? Óbvio que não.Acho que nunca encontrarei alguém que me faça esquecer de Michael,mas também não posso passar minha vida toda correndo atrás de um cara que me vê apenas como amiga.Preciso dar um rumo pro meu coração e já!
  Havia acabado de sair de uma sessão de fotos e combinei de ir ao cinema com Matt.Tentaríamos ir ás escondidas,para que ninguém pudesse nos ver.Seu carro estava parado na rua de trás do estúdio e eu entrei rapidamente.
-Boa noite flor!
-Boa noite Matt,como está?
-Agora estou ótimo com você aqui..
-Então a noite será perfeita!
-Espero que sim..
-Do que está falando?
-Surpresa,logo saberá! - fiquei com isso na cabeça.O que será que Matt está aprontando?          Deixei essa dúvida de lado quando chegamos no cinema. E realmente a noite foi incrível. Depois do filme, fomos à um restaurante e terminamos em um parque ao ar livre.Nos sentamos em um banco e ficamos nos encarando
-Então.. O que tanto quer me falar?
-Acho que aqui é o momento certo..Nick, estamos nos conhecendo há um mês e posso te garantir que tem sido os melhores dias da minha vida.Você é tão linda, carismática, doce.. Uma preciosidade!
-Assim fico envergonhada.. - ri
-Mas é a verdade. Nicole estou completamente apaixonado por você!
-O que?
-É isso mesmo. Não consigo mais guardar isso dentro de mim..
-Caramba, eu nem sei o que te falar..
-Namora comigo? Me dê uma chance.. Eu não sou idiota,sei que gosta de alguém e está na cara que essa pessoa não te dá valor.Já vi você chorando várias vezes..
-Acho que não tive sorte nesse lance..
-Então me deixa tentar fazer com que esqueça esse cara,por favor! Garanto que vou te fazer muito feliz.
-Eu aceito. Não digo se dará certo ou não,mas o que custa tentar?
-Sério? - Matt abriu um largo sorriso
-É sério sim..
-Oh Nick! Caramba, eu to muito feliz! Posso.. - Matt se aproximou de mim
-Claro! - ele se inclinou e me deu um suave beijo nos lábios.Nem de longe se parecia com aquela sensação que eu sentia quando Michael me beijava
-Eu te adoro Nick!Te adoro!
-Eu também te adoro Matt e prometo que vou tentar fazer dar certo nosso namoro!
-Eu sei que vai..
-Podemos ir? Estou morta de frio!
-Mas é claro amor! Te levo pra casa..
* * * *



  Ok. Não faço ideia do que eu acabei de fazer.Mas quer saber? Não estou arrependia.São seis anos vivendo apaixonada por Michael e não sendo correspondida.Não posso mais viver desse jeito.E se Michael encontrasse outra namorada? Eu ia continuar sofrendo calada? Não,já chega! Infelizmente tive que tomar essa difícil decisão e realmente acredito que Matt possa me fazer feliz.

  Ainda não sei como contar isso para Michael,na certa ele não vai gostar. Vai vir com o papo de irmão mais velho e blá blá blá. Bem, tenho uma viagem marcada para Califórnia e Michael disse que tem que me ver assim que eu chegar e bem, Matt vai junto,pois ele tem trabalhos por lá. Não posso adiar essa conversa.Logo a imprensa vai saber do meu namoro e não quero que Michael e minha família sejam os últimos a saber.Vou apresentar Matt oficialmente como meu namorado  e espero que dê tudo certo.

* * * *

Michael




  Depois de dois meses Nicole virá me visitar. Ela disse que não estava sozinha e confesso que isso me deixou preocupado,mas enfim, estou muito empolgado com sua visita.Além do mais estou morto de saudades dela,preciso vê-la,abraçá-la..

  Neverland finalmente está pronta e ela será minha primeira convidada de honra.Não deixei ninguém entrar aqui,somente os empregados, pois prometi que Nicole seria a primeira, desde a época que a trouxe aqui quando o Rancho não estava construído.

-Está tudo certo Remy? Minha amiga chegará daqui a pouco! - não conseguia conter o nervosismo

-Por que está tão nervoso,menino?

-É que.. meu álbum acabou de ser lançado e eu fico apreensivo,sabe.. - menti um pouco

-Entendo,mas não se preocupe.Será um sucesso assim como Thriller!

-Obrigada Remy! Pode preparar um bolo com bastante chocolate? É o preferido da Nick!

-Deixa comigo!
  Depois de quase duas horas,os seguranças me informaram que um carro havia chegado em Neverland. É a Nick,tenho certeza! Estava com muito medo da reação dela ao me ver mais claro.Isso tem tirado meu sono,mas prometi que iria esquecer esse fardo pelo menos enquanto Nick ficar aqui. Pra falar a verdade eu não consigo nem me olhar no espelho, estou me deformando,essa é a verdade e os boatos ao meu respeito estão acabando comigo,mas eu sou forte.Tenho pele de rinoceronte e enfrentarei mais esse obstáculo.
-Sr.Jackson, sua convidada chegou.
-Ah mande entrar! - abri um largo sorriso que se dissipou assim que a vi entrar acompanhada do famoso cara que sai com ela em Paris.Mas que porra é essa?
-Michael! - Nick correu até a mim e eu a envolvi em um abraço caloroso. Puta merda,ela está ainda mais linda do que nas revistas, realmente Nick não é mais uma garotinha..
-Que saudade Nick, caramba você sumiu!
-Desculpa, você sabe como trabalhar é cansativo..
-Sei sim, não temos tempo pra nada!
-Deixe eu te apresentar.Esse é o Matt! - o cara me estendeu a mão e eu a apertei a contra gosto
-Que prazer conhecer Michael Jackson! Sou um grande fã do seu trabalho!
-Oh obrigado.. - tentei soar o mais verdadeiro possível
-Matt é meu namorado,Michael.Ele veio a trabalho então o trouxe para você conhecer.. - sabe aquele momento em que você paralisa,que não tem noção do que fazer, do que falar e só quer sumir da frente de todo mundo? Pois bem, é assim que me sinto neste exato momento.



Capítulo 40 

Michael

-Na..namorado?

-Sim.. Estamos juntos à menos de um mês.. - olhei incrédulo para Nicole

-Que notícia boa né? - juro que tentei soar verdadeiro

-Sei que são muito amigos e prometo que vou cuidar da Nick! - ele disse

-Tem certeza que pode cumprir? - Nick me olhou assustada - É brincadeira,meu amigo! - fingi apaziguar

-Sr. Michael,posso servir o jantar? - Remy perguntou

-Claro! Agora temos mais um convidado! - dei um sorriso amarelo para Matt

-Obrigada pelo convite,Mike! - Nicole sorriu. Ela que me aguarde quando tivermos a sós

O jantar seguiu tranquilamente. Eu demonstrava ser um homem educado,mas se eu pudesse enfiava o garfo no pescoço desse mauricinho.

-Quer saber como conheci a Nick? - Matt perguntou
-Adoraria.. - sim,eu fui falso
-Nick estava super nervosa para um ensaio. Então me aproximei dela,ofereci um café e bem,a amizade começou ali.. - comecei a rir forçado
-Que coisa.. Parece cena de filme! Mas na próxima vez ofereça um chá. Nick não bebe café puro! - pisquei pra ele
-Oh amor isso é sério?
-É.. Bebo só se tiver com creme.. - ela riu sem graça pelo meu comentário
-Oh minha linda,da próxima vez peço um chá de hortelã,ok?
-Certo.. - vontade de vomitar!
-O que mais já descobriu da Nick? Conhece o passatempo preferido dela?
- Ah..são coisas que descobrimos com o tempo.. - respondeu
-Pode ser,eu não quero me gabar muito não. Mas na primeira semana conhecendo Nicole eu virei uma verdadeira enciclopédia de Nicole Almanza! - ri com sarcasmo.Percebi que Nicole estava se irritando - Nick, se lembra daquela vez que assistimos um filme de terror e eu tive que ficar até de manhã batendo papo,porque você estava morrendo de medo?
-Claro que eu lembro! Foram três noites dormindo mal! - ela riu
-Ah então eu prometo que nunca te levarei para assistir um filme de terror, ou se não, eu fico do seu lado e o medo passa! - apertou a mão dela
-Nossa,que romântico o seu namorado Nick..
-Eu tento ser sabe Michael, Nicole é uma joia rara! E eu a amo muito!
-Caramba em um mês? Demoro praticamente um inteiro pra compor uma música! - ri novamente com ironia
-Acontece Michael, amor a primeira vista são para poucos! - senti que Nicole me deu uma alfinetada
-Olha só.. Vou até escrever uma música em homenagem à vocês! Tenho certeza que ultrapassará Thriller! - Matt riu
-Não se preocupe Michael, Nick sabe que será feito de bom coração!
-Ô se será! Nicole é tão sortuda que eu poderia trocar Dirty Diana por Dirty Nicole, não seria um sucesso? - Matt me acompanhou na gargalhada mas Nicole me fuzilava com os olhos
-Temos que brindar não é mesmo? Remy traga vinho para nós! - Um brinde à essa arrebatadora história de amor! - ergui a taça com fúria e acabei entornando vinho na roupa de Matt
-Michael! - Nicole se assustou
-Oh meu Deus! Eu sou muito desastrado! Me perdoe Matt..
-Sem problemas! - sorriu - Posso me secar?
-Oh claro, Remy leve o nosso amigo Matt ao banheiro e dê uma blusa nova à ele,por favor.
-Sim senhor! - ao ficarmos a sós senti Nicole chutar minha canela
-Au! Doeu! resmunguei
-O que você tá fazendo Michael? Desde que chegamos não para de soltar piadinhas e eu sei que o sujou de propósito!
-A culpa é sua! Por que não me disse que estava namorando? - alterei a voz
-Porque não é da sua conta! Por acaso quando namorou a Brooke, você me contou? Não. Eu descobri pelas revistas!
-Então você quer dar o troco? - cruzei os braços
-Para de ser infantil! Tá parecendo uma criança de cinco anos!
-E você para de defender esse cara, ele é um tapado Nicole!
-Qual o seu problema? Matt é um cara perfeito,lindo,inteligente, educado..
-Oh que lindo.. Ele é um idiota, está estampado na cara dele!
-Pare de insultar meu namorado! - Nicole se levantou e se esgueirou na mesa,inclinando-se na minha direção e eu fiz o mesmo
-Vai fazer o que pra eu parar? - nossos rostos ficaram a centímetros um do outro
-Acho que a camisa serviu! - Matt voltou à sala de jantar,interrompendo nossa discussão
-Ficou lindo,amor! Mas prefiro as roupas que você costuma usar! - Nick me olhou com um sorriso triunfante

   Terminamos o jantar praticamente em silêncio,já que Matt não parava de falar sobre seu namoro com Nicole e o trabalho que eles faziam juntos. Fiquei 40 minutos olhando pra cara dos dois e claro,não deixei de dar meus comentários construtivos. Finalmente ele anunciou que teria que ir embora e eu mais do que depressa, pedi que Nicole ficasse,alegando já estar tarde. Como ele tinha trabalho no dia seguinte,não poderia ficar.Graças a Deus, porque ele praticamente fica em cima da garota!Depois de muito insistir,finalmente Nicole aceitou ficar.

-Amanhã cedo passo para te buscar,meu amor.Vai ficar bem?
-Claro que sim. Não se preocupe comigo, e boa sorte na sua reunião amanhã!
-Obrigado meu amor.. - aguentei essa melação até a hora do beijo.Pigarreei para chamar a atenção e finalmente ele a largou
-Obrigado pelo jantar Michael e pela camisa também! - ele riu
-Imagina.. Vamos repetir o jantar e já deixo outra camisa reservada! - ri
-Você é engraçado Michael! Até amanhã princesa!
-Até! - assim que Matt saiu,Nicole passou por mim feito um furacão
-Nick! Nick vem cá!
-Não quero falar com você Michael! - corri até ela e a segurei nos braços
-Nicole me desculpa tá? Eu sei que fui infantil, um idiota,mas caramba eu fiquei desesperado!
-Desesperado por que? Por ver que eu consigo viver sem depender de você?
-Não fala assim,por favor! Nick eu sinto sua falta e quer saber, estou provando amargamente o que te fiz passar..Sinto que está me deixando de lado, se esquecendo de mim! - Nick ficou quieta e seu olhar duro se converteu em ternura
-Me desculpe também. Sei como doeu passar por isso,mas Michael eu cansei,cansei!
-Cansou de que? Fala pra mim?
-De te amar em silêncio! - gritou me deixando estático - Sou apaixonada por você desde o dia que nos conhecemos e só Deus sabe como foi difícil passar todos esses anos ao seu lado tendo que sufocar esse sentimento. Eu não podia mais viver desse jeito,te amando com todas as minhas forças e pior, sem poder dizer nada! Eu precisava dar um rumo na minha vida, eu não suportava mais ter que fingir que sou apenas uma amiga sua,uma irmã.Então Michael não me peça para entendê-lo,porque com toda certeza você.. - cortei Nicole,tomando-a em meus braços.
  Invadi sua boca com um beijo sedento,louco para provar o doce sabor dos seus lábios.Minha mão envolveu sua nuca e a outra sua cintura, trazendo-a para mais perto de mim.Nem percebi quando estávamos pressionados na parede,eu só queria explorar mais do seu beijo, sugando sua língua em uma necessidade imensurável de tê-la em meus braços..



Capítulo 41 


Nicole

 Esse beijo definitivamente não foi igual aos outros que trocamos.Esse estava mais intenso e Michael não parecia nenhum pouco arrependido ou obstante. Poderia até dizer que Michael correspondia aos meus sentimentos,mas se tratando de Michael Jackson é impossível decifrar qualquer atitude tomada.

 Michael passou a beijar meu pescoço e em um átimo de segundo,suas mãos migraram para as minhas coxas.

-Seja minha Nicole,seja minha esta noite..- sua voz rouca rente ao meu ouvido não me deixou nenhuma outra alternativa ao não ser sorrir e me entregar ao homem que eu amo

  Me deixei ser guiada por ele enquanto,em seu colo,distribuía beijos em seus lábios. Só percebi que estávamos em seu quarto,quando senti o colchão macio bater contra as minhas costas. Senti o peso de Michael em cima de mim e novamente seus lábios quentes invadiram minha boca com ainda mais fome.

-Michael.. - realmente pensei em desistir. Sim,eu ainda sou virgem. Não tive coragem de transar com outro que não fosse com quem eu verdadeiramente amo

-Nick você..?

-Sim..Eu sou virgem,Michael. - nunca senti tanta vergonha em toda a minha vida. Imaginei que Michael desistiria de prosseguir,mas seu olhar completamente encantado me fez segura

-Oh Nick..Acha que está pronta? - perguntou preocupado

-Pra você sempre estive.. - Michael sorriu e beijou meus lábios
-Prometo tornar esse momento inesquecível.. Eu vou guiar você,confia em mim?
-Sempre.. - digo convicta. Michael começou a desabotoar sua camisa e eu pude contemplar seu peitoral magro,bem definido e moreninho.Céus,Michael é a perfeição em pessoa,nunca irei me cansar de dizer isso
 Michael deitou seu corpo sob o meu e lentamente desceu a alça do meu vestido,tendo a visão dos meus seios cobertos pelo sutiã.Pela forma como ele me olhava,senti minha intimidade pulsar.Nunca pensei que veria Michael me olhar com tanto desejo e luxúria.
 Suas mãos habilidosas envolveram meus seios ainda por cima do sutiã,que logo foi retirado por ele. Michael arfou ao ver meus seios expostos para ele.Senti meu rosto queimar,denunciando a vergonha que eu sentira.
-Você é linda..Linda.. - vi o teto girar ao sentir sua língua envolver meu mamilo entumescido, provocando-me arrepios e mais arrepios. Eu gemia enquanto Michael chupava um seio e apertada o outro com sua mão.
 Me vi totalmente mercê à esse homem,que era capaz de me levar ao êxtase apenas estimulando meus seios.Após saborear cada um deles,suas mãos tocaram na barra do meu vestido,abaixando-o por completo.Agora estou apenas de calcinha e mal posso esperar para o próximo passo.
 Michael se ergueu e abriu o zíper de sua calça,libertando seu membro,que mesmo sob o tecido da boxer,já mostrava sua notória ereção.Quando ele se deitou novamente,não resisti e levei minha mão timidamente até seu sexo pulsante. Michael gemeu e tocou sua mão na minha,me incentivando a continuar com aquela carícia.
 Antes que eu pudesse raciocinar,Michael tirou minha calcinha e novamente arfou ao me ver exposta à ele,e o melhor,molhada para ele. Seu dedo médio tocou minha entrada encharcada e ele sorriu ao constatar isso.
-Parece que está realmente pronta pra mim.. - sussurrou em meu ouvido. À essa altura,meu corpo estava em brasas e a qualquer momento eu entraria em erupção
-Preciso de você Mike,preciso senti-lo dentro de mim..Me faça mulher..  - pedi sôfrega
-Minha mulher.. - corrigiu. Michael abriu minhas pernas e se inclinou - Não precisa ter vergonha,baby.. - Michael deu leves beijos em minhas coxas,virilha,até que sua língua encontrou meu clítoris.
 Puta merda,nunca imaginei que essa sensação era tão maravilhosa,toda a minha timidez parece ter ido para o espaço.Abri mais as minhas pernas para sentir sua língua ainda mais fundo.Os gemidos,tanto os meus quanto os dele, ecoavam pelo ambiente. Senti meu baixo ventre se contrair quando Michael sugou meu clítoris lentamente. É um torpor tão intenso que garanto que nem as drogas mais fortes não são capazes de me levar as nuvens.
Mais um gemido agudo escapou da minha garganta quando meu primeiro orgasmo me atingiu, meu gemidos se tornavam mais altos a medida em que eu gozava. Michael terminou de se deliciar no meio das minhas pernas e seu olhar extremamente excitado me fitava fixamente.
-Está pronta para me receber dentro de você,Nicole? Pois lhe garanto que vai gozar mais ainda.. - ouvir Michael falando assim comigo não me envergonhou.Pelo contrário,me sentido ainda mais excitada
 Michael se livrou da boxer e eu tive a visão mais abençoada desse mundo. Seu membro estava completamente ereto,duro,molhado e inchado.Senhor,como tudo isso caberá dentro de mim?
-Preciso que relaxe,Nick.. Confie em mim.. - Michael me deu mais um beijo molhado e então pude sentir a cabecinha do seu pênis pedindo passagem
 Michael penetrou um pouco mais fundo,até que senti meu hímen barrando sua entrada. Meu coração parecia sair pela boca.Tinha medo de fazer tudo errado.Mas eu estava excitada demais,feliz demais e apaixonada demais para desistir logo agora.
 Senti uma dor absurda me atingir quando Michael empurrou mais seu membro. Devo dizer que ele estava sendo extremamente carinhoso. Finalmente senti meu hímen sendo rompido.Michael me beijava incessantemente para abafar meu grito e me fazer esquecer da dor.
-Vai passar,meu amor,vai passar.. - seu membro permaneceu imóvel dentro de mim. Logo a dor incômoda se converteu em um prazer intenso
-Movimente-se.. - implorei
-Não vai machucar?
-Não.. Mais forte Michael! - Michael começou a se mover lentamente e ele foi aumentando as investidas rapidamente
-Porra Nicole,tão apertada! - Michael praticamente gritava.Logo ele passou a estocar com mais urgência,tocando todos os meus pontos mais sensíveis
-Oh Mike! - eu gemia,gritava seu nome,o arranhava e onda de prazer só fazia aumentar. Seu membro ia bem fundo e eu já anunciava mais um orgasmo - Mike,eu vou..
-Deixa vir baby,deixa vir.. - Michael metia mais forte enquanto chupava meus seios,pescoço e minha boca -Puta merda Nick,vai me fazer gozar com você! - ao ouvir isso,passei a rebolar com seu membro todo encaixado dentro de mim.
  Michael soltou um grito gutural. O êxtase nos atingiu violentamente e ambos gozamos juntos e com intensidade,
 Caí nos braços de Michael,que  me acolheu carinhosamente. Não tínhamos o que dizer,pois só as batidas desenfreadas dos nossos corações preenchiam o quarto,palco do meu primeiro ato de amor com o homem de toda a minha ..vida.



Capítulo 42

Michael

 Acordei com o sol invadindo o quarto. Cocei meus olhos e toda a noite anterior veio com tudo em minha cabeça. Antes de qualquer coisa,olhei para o lado e não vi Nicole. Só o cheiro de seu perfume estava impregnado no lençol. 

 O que eu posso dizer depois do que aconteceu? Com toda certeza foi a noite mais perfeita que já tive na minha vida. Nicole me surpreendeu de uma forma que até agora estou de queixo caído,mas e agora? O que será daqui pra frente? Nicole tem mexido comigo de um jeito tão intenso que me dá medo. Medo porque eu simplesmente não sei que sentimento é esse,eu não consigo me abrir pra ela. Sempre tive esse problema,meu coração sempre me bloqueia,ainda mais se tratando de Nicole..

 Enquanto eu estava perdido em meus pensamentos,Nicole apareceu no quarto devidamente vestida.Ela corou ao me ver,ainda mais por eu estar nu debaixo da coberta.

-Oi.. - sua voz estava mais baixa do que o normal

-Oi.. Como está?

-Be..bem e você?

-Nick sente aqui,por favor. - Nicole se sentou na beirada da cama - Olhe nos meus olhos.

- Michael.. Ontem eu não sei o que aconteceu..

-O que você disse,que me ama desde que nos conhecemos.. Isso é verdade?
-O que você acha,Michael?
-Eu fiquei surpreso,eu não imaginava..
-E você Michael, o que sente? Seja sincero por favor,eu mereço!
-Nicole,é muito difícil pra mim,sabe.. -Nicole riu
-Não precisa falar mais nada! - se levantou
-Nicole..
- Meu Deus o que eu fiz? Eu traí o Matt,entende?
- Nicole, olha pra mim! Eu sinto algo inexplicável por você,mas eu não consigo dizer..
-Não me dê mais explicações! Finja que isso nunca aconteceu!
-Como é? Quer dizer que vai continuar com o Matt mesmo depois do que aconteceu entre nós? 
- O que você quer que eu faça? - Nicole se alterou - Eu não quero isso pra mim,suas incertezas! Matthew me ama, e me prova todos os dias e você? Você não é capaz de ser sincero nem com você mesmo! Eu quero alguém que me dê segurança e você não é capaz de me dar isso!
-Então vai simplesmente esquecer o que aconteceu? - me enrolei  no lençol e me aproximei dela 
-Não vai ser fácil,mas eu vou esquecer,assim como vou esquecer esse sentimento. Adeus,Michael!
-Não,não vá embora! - agarrei seu braço
-Michael me solta! E não se preocupe,ninguém saberá do que aconteceu..
- Não quero perdê-la de novo!
- Você não vai. Eu vou me recuperar,e eu volto. O tempo cura tudo e vai curar isso também. Agradeço por ter sido sincero comigo,pelo menos nisso.. Fica com Deus! - Nicole deixou o quarto e me sentei na cama,chorando feito um idiota que acaba de deixar a pessoa mais importante da minha vida sair porta a fora.

   Tomei um banho e desci as escadas . Nicole já havia ido embora,Remy me disse que Matt a buscou à poucos minutos atrás. Me senti um imbecil,o pior dos idiotas. Decidi ligar para Liz Taylor, ela tem sido uma grande amiga minha e depois de Nicole,era a pessoa que eu mais confiava nessa vida. Em poucas horas ela estava em Neverland.
-Liz,que bom que está aqui! - lhe dei um forte abraço
-É claro que eu viria. Sua voz não estava nada boa no telefone.. O que aconteceu? É a Nicole não é?
-Você adivinhou.. Ah Liz eu fiz tudo errado! Mais uma vez deixei ela escapar..
-A mim você não engana.. Ama ela não é?
-É claro que amo..
-Não estou falando deste tipo de amor. E sim amor de homem para mulher. Até quando vai esconder esse sentimento de si mesmo?
- Sim Liz, eu sou louco pela Nick,mas eu estou tão confuso,não consigo distinguir o que eu realmente sinto e também não posso magoá-la..
- E o que você vai fazer?
- Liz, Nicole se entregou a mim..
-Oh meu Deus,Michael isso é sério?
-Sim. Ela me confessou que me ama e a única coisa que meu coração pediu para fazer era ter ela em meus braços.. Eu fui um canalha!
- Espera.. Você não a forçou a nada. São adultos e donos de si!
- Acho que dessa vez nossa amizade acabou de vez!
-Oh Michael.. Não pense assim,vocês dois ainda vão passar por muitas coisas juntos,eu sinto.. O que você tem que fazer é descobrir o que realmente sente por Nicole,antes que a perca de vez! Mas agora descanse, pense na sua vida,o destino a Deus pertence.


Capítulo 43

Nicole

                    
1992 


  Cinco anos se passaram desde então e confesso que as coisas parecem ter se acertado. Minha carreira está a cada dia melhor,me tornei uma modelo renomada,até programa de TV apresento. Meu namoro com Matt também continua firme,mesmo não o amando como ele merece.

  Em relação à eu e Michael,bem depois de dois anos nos encontramos no Oscar de 1990,ele estava acompanhado de Madonna e conversamos pouco. Depois disso,passamos a nos falar apenas por telefone. Nunca falávamos sobre o ocorrido,mas eu sentia que nossa amizade não tinha acabado totalmente.

 Sua carreira também deslanchou,Michael tem batido recordes de venda com seu álbum Dangerous,além de ganhar diversos prêmios. Sim,Michael está ainda mais lindo. Por conta do vitiligo,Michael embranqueceu ainda mais e a imprensa caiu em cima,acusando-o de negar sua raça e tentar ficar branco. Eu mesma em diversas entrevistas o defendi com unhas e dentes e não importa o que aconteceu,sempre vou defender e proteger Michael de tudo e todos.

-Amor,cade você? - Matt me gritou 

-Na cozinha!

-Hmm que cheirinho bom.. 

-Gostou? Tô fazendo lasanha,cansei da comida francesa! - ri

-Sabe que eu também!

-Morro de saudades da América,não vejo a hora do meu contrato acabar!
-Não vai renovar?
-Com a Europa não. Preciso voltar para os EUA, meu pai precisa de mim..
-Ele está mal né?  
-Sim,a depressão tá forte,Nani me disse que ele mal come.. Quem sabe eu voltando,ele não se reergue?
-Vai da tudo certo! E eu vou com você..
-Jura amor?
-Se você quiser..
-É claro que sim! - lhe abracei enchendo-o de beijos
-Que tal se formos pro quarto ein..
-Seu tarado! - Matt me pegou no colo e me levou para o quarto


Michael


 Minha vida não poderia estar melhor. Quer dizer,poderia sim,é claro que poderia,mas como não se pode ter tudo que se quer,vou levando a vida da maneira que posso.

 Minha carreira está de vento em poupa.Meu último álbum,Dangerous está tendo um enorme sucesso e já confirmamos tudo para a Dangerous Tour.

 Agora o problema é minha vida pessoal,não falo nem pelos boatos que espalham ao meu respeito. Aprendi a ignorá-los e a viver no meu mundo..

 Mas o problema tem nome e sobrenome: Nicole Almanza. Estar afastado dela me machuca profundamente.Mesmo nos falando regularmente,eu sinto sua falta em praticamente todas as horas do dia. Sinto falta da sua amizade,do seu companheirismo,enfim,se eu pudesse voltar no passado..

Fiquei sabendo pela televisão que Nicole está de malas prontas para os EUA. Quase pirei quando ouvi isso e na mesma hora decidi ligar pra ela.

-Alô? - sua voz estava sonolenta

-Nick eu te acordei? É o Michael..

-Ah,oi Michael.. Tá tudo certo?

-Sim e com você?
-Ah tá sim! - Nicole estava rindo e falando com alguém - Espera,eu tô no telefone,caramba!
-Nick?
-Oi Mike,desculpe..
-Está com seu.. namorado?
-Aham..
-Eu ligo outra hora!
-Para Michael,fala logo o que houve..
-Nada,só fiquei sabendo que você virá pra cá,é serio?
-Pode ser que sim,depende muito da minha agenda..
-Mas se vier,você vem me ver ne?
-Ah vou sim,estou com saudades de você.
-Jura?  - me animei
-Juro sim.. Vou ter que desligar cabeça de maçã. Nos falamos depois?
-Sim,é tenha um bom dia..
-Você também.. Beijos!
-Beijos..
  Puta merda,eu dei muita bandeira,mas pra ser sincero acho que Nicole realmente deixou de me amar. Mas eu mereço,fui covarde e indeciso e acabei a perdendo. Parece que She's out of my life foi feito sob medida pra minha situação..


Capítulo 44 

Nicole


   Já estava tudo pronto pra viagem. Em poucas horas eu estaria dentro do avião rumo aos Estados Unidos. Primeiro eu iria direto para Nova York ver meu pai,e depois não terei como fugir,vou para Santa Bárbara,ver Michael em Neverland.
 Se eu o esqueci? É claro que não,mas tive que aprender a deixar esse sentimento guardado dentro de mim. Mas pra falar a verdade não sei qual será minha reação ao vê-lo. Tenho medo de todo esse amor voltar com tudo e pior,com mais força ainda.
 Só estava esperando Matt chegar em casa para irmos ao aeroporto. Tentei ligar pro seu celular e nada! Já estava ficando preocupada,Matt nunca foi de se atrasar. Decidi ir até seu estúdio para ver qual o problema.
-Senhorita Nicole,preciso avisar ao Sr. Ruttler.. - a secretária estava um tanto quanto nervosa,mas como estava com pressa que não lhe dei ouvidos e entrei na sala
-Matt eu vim saber.. - arregalei meus olhos quando me deparei com a seguinte cena:
  Matt estava sentado com uma mulher em seu colo,os dois praticamente estavam transando,a garota gemia sem pudor nenhum. Quando eles me viram,Matt empalideceu. A garota desceu do seu colo na mesma hora,ajustou o vestido e saiu correndo da sala.
-Nicole..
- Não. Fala. Nada. - disse pausadamente. Ri sem humor e voltei a encará-lo - Ainda bem que sempre me cuido com você,porque nesse momento estou com um nojo tão grande que poderia vomitar aqui mesmo!
-Nick,foi uma fraqueza minha,mas eu te amo!
-Eu vou pra Nova York e vou levar todas as minhas coisas comigo. Sugiro que não me procure nunca mais! Passar bem Matthew.. - deixei sua sala sentindo nojo,repulsa.
 Por mais que eu não seja apaixonada por ele,caramba são cinco anos juntos,cinco anos! 
 Dei adeus à Paris e segui para o aeroporto,imaginando o que o futuro me reservará agora. Enxuguei as lágrimas,fechei meus olhos e segui para o meu destino..

Michael


  Confesso que desde que liguei pra Nicole,não paro de pensar nisso. Não sei o que vai acontecer quando nos reencontrarmos,será que  ele me esqueceu,será que ela aprendeu a amar o Matt?
 Isso me angustia profundamente. Nicole representa pra mim muito mais do que amizade. Nesses anos longe dela,a sua ausência me fez enxergar muitas coisas,inclusive que perdi a mulher da minha vida. Sim,eu a amo com toda a minha alma e esses cinco anos me fizeram perceber isso finalmente.
 Mas ela seguiu sua vida,tem  sua carreira,seu namorado,sua nova vida. Não era justo eu ir atrás dela depois do mal que a causei. Nicole merecia seguir sua vida e eu não seria um empecilho.
 Realmente foi dureza esses anos. Decidi focar apenas no trabalho,assim eu sufocaria esse sentimento e seguiria com a minha vida. Até que Lisa Marie Presley apareceu. Ela tem sido uma amiga incrível,cuida de mim,me escuta,me apoia e ela sabe do que aconteceu comigo e com Nicole e tem me ajudado muito a reconstruir meu coração partido.E é por isso que tomei uma decisão.
-Michael! - era ela



-Lisa,que surpresa! Por que não disse que estava vindo pra Neverland?


-Quis te fazer uma surpresa! Fiz  bem?
-Ainda pergunta? É bom que está aqui. Queria muito falar com você.
-Pode falar Mike!
-Que tal se fizéssemos um pique nique?
-Ah não Mike.. Sabe que eu me coço muito no mato! - ri dela
-Não é mato mocinha,é natureza!
-Que seja,mas eu prefiro tomar café com você lá dentro!
-Tudo  bem,vamos?
-Vamos!  - peguei na sua mão e fomos juntos para dentro da casa principal. Tomamos nosso café e seguimos para a biblioteca
-Lisa..
-Sim..
-Já tem um tempo que eu queria te dizer isso..
-Fala!
-Quer namorar comigo?
-Oh meu Deus,Michael você tem certeza?!
-É claro que tenho!
-Oh Michael,eu aceito sim! É tudo que eu mais quero! - lhe abracei e dei um suave beijo em seus lábios
 Não,eu não tenho certeza do que estou fazendo,mas não posso  mais  viver dessa forma,amando Nicole  desesperadamente enquanto ela segue a vida dela. Vou aprender a amar Lisa Marie,mesmo sabendo que será impossível.
.

Capítulo 45

Nicole

   Após o avião aterrizar,fui imediatamente para o estacionamento. Tive que me disfarçar para não ser reconhecida,eu gosto do contato com os fãs,mas no clima que eu estou,prefiro  reclusão.

 Voltar para Nova York depois de tantos anos doeu. Lembro que todas as vezes em que eu chegava,Theo estava de braços abertos me esperando.Mas infelizmente ele teve que se aposentar. A idade chega pra todo mundo e por mais que doa,tenho que aprender a aceitar as mudanças.

 O meu novo motorista particular estava à minha espera. Logo eu estava partindo para minha antiga casa.

 Como sempre fui recebida de braços abertos por Nani,que por lealdade e amor continua até hoje cuidando da minha família,na verdade ela faz parte da minha família.

-Princesa! Que saudade.. - Nani me abraçou

-Eu também Nani! Estou tão feliz por estar aqui..

-Mas que carinha é essa?  Cadê o Matt?

-Acabou Nani.. Peguei Matt com outra.
-Mas o que?
-Eu vi. Mas enfim.. Não dava certo mesmo..
-Seu coração ainda é do Michael não é?
-Sempre foi.. - suspirei pesadamente
-Filha, o que aconteceu com vocês foi há tanto tempo,não acha que o tempo curou essa ferida?
-Eu sei Nani..
-Michael sempre me liga perguntando sobre você..
-Nani,Michael me verá sempre como uma amiga,sempre!
-Não sei não.. Mas você que sabe. Vai vê-lo?
-Sim. Prometi que iria passar uns dias em Neverland. É mais perto da Agência que estou prestando serviços..Mas hoje vim ficar com vocês. Como está meu pai?
-Ah filha.. Está a cada dia mais deprimido..
-Não entendo Nani, mamãe morreu há tantos anos e ele nunca superou..
-Há muitas coisas envolvidas nisso..
-Que coisas Nani?
- Só cabe ao seu pai dizer.. Mas esqueça isso, vai piorar a situação dele..
-Certo. Vou falar com ele.. -  subi as escadas com meu coração apertado.
  Por que meu pai nunca cuidou de mim? Nunca me perguntou como eu estava,como foi meu dia.. Será que ele me culpa pela morte da minha mãe? Sei que posso estar sendo injusta,mas acima de tudo ele é meu pai e por mais frívolo que seja,ele me ama..
-Pai? - encontrei meu pai deitado na cama
-Nick,é você?
- Sim pai.. Como você está?
- Bem..
-Não minta pra mim.. Por que faz isso comigo? Caramba pai,não vê que machuca a todos nós se trancafiando desse jeito?
-Estou velho Nicole, e a velhice é cruel..
-Nós que somos cruéis.. Mas eu desisto de tentar entender você. Desde que mamãe se foi é só o que eu tento fazer,mas eu te amo,não esqueça disso..
-Também amo você.. - permanecemos em silêncio por um bom tempo. Logo ele dormiu e eu estava  partindo para Santa Barbara.

Michael






   Neverland se alegra quando recebe crianças e eu mais ainda. Quando construí esse lugar,não foi só para satisfazer minhas fantasias infantis e sim compartilhar com milhares de crianças,independente de raça,religião ou classe social.  Com elas sinto que sou um criança também,abro meu coração e tento fazer o que Jesus sempre nos aconselhou.

-Mike posso falar com você? - Lisa chamou minha atenção enquanto eu brincava com algumas crianças

-Claro! Quer brincar com a gente?

-Não. Michael achei que passaríamos o dia juntos.. No entanto você está me deixando de lado.

-Mas eu chamei você pra participar.. Mas me desculpe,eu esqueci de avisar que hoje as crianças viriam pra cá. Não se preocupe, já estão indo embora.
-Então vamos jantar juntos..? -Lisa enlaçou minha cintura
-Exatamente..
  Depois de duas horas,Neverland estava vazia novamente. Enquanto Lisa tomava um banho,fiquei na biblioteca folheando uns livros e claro,pensando na minha loirinha..
-Sr. Jackson,sua visita chegou.
-Visita?
-Sim.  Senhorita Nicole. - meu coração acelerou e um enorme sorriso se abriu em meus lábios. Praticamente corri para o jardim e assim que a  vi sair do carro, fui em sua direção e puxei para um abraço apertado
-Nick você tá mesmo aqui?
-Eu tô sim Michael! - ela riu - Caramba olha pra você! Está..
-Uma aberração!
-Se aberração é sinônimo de beleza extrema então você é sim uma aberração! - porra devo ter ficado vermelho de vergonha
-Somos duas aberrações então! - rimos - O.. Matt não veio?
-Não. Terminamos.
-O que? - quase gritei
-Foi horrível.. Peguei ele com outra!
-Mas que filho da puta! Eu juro que sou capaz de quebrar a cara dele! - meu sangue ferveu
-Não Michael,acabou. Matt agora é passado!
-E eu Nicole,também faço parte do seu passado? - fiquei a centímetros do seu rosto. Seu perfume suave e inconfundível adentrou minhas narinas
-Michael? - Lisa nos interrompeu
-Oi..oi Lisa. Essa é a .. Nick,Nicole! -Nick me olhou sem entender nada
-Ah a famosa Nicole Almanza! - Lisa olhou sorridente para ela
-Lisa Presley? - Nicole sorriu
-Eu mesma! - as duas apertaram as mãos
- Prazer em conhecê-la.. - Nicole disse
-O prazer é meu de conhecer a melhor amiga do meu namorado! - Nick arregalou os olhos
-Namorado? - disse incrédula. Nick me olhou totalmente embaraçada. Minha vontade era de sair correndo dali..


Capítulo 46


Nicole


-Sim querida. Michael e eu estamos namorando! - Lisa disse com um sorriso triunfante e eu não sabia onde enfiar minha cara
-É.. Lisa poderia verificar se o jantar está pronto? 
-Claro amor! - Lisa se aproximou e deu um beijo nos lábios de Michael. Assim que ela se afastou,tratei de pensar em uma desculpa para sair dali
-Nicole..
-Desculpe eu vir sem avisar. Se eu soubesse que sua.. namorada estava aqui,eu.. É melhor falarmos depois!
-Não! Não vai embora por favor! - Michael segurou minha mão
-Não quero atrapalhar vocês..
-Não diz isso.. Te incomodou saber que estou com a Lisa?
-Ah? 
-Perguntei se te incomodou saber que eu estou com a Lisa..
-Claro que não Michael. Você é livre e desimpedido,tem todo direito de namorar..
-Ah sim.. Então,fica! Já está tudo arrumado para te receber..
-Certo. Obrigada.. - ainda me sentindo envergonhada,entrei na casa
  Não posso ficar com raiva de Michael. Ele,assim como eu, quis dar uma chance ao coração. A diferença é que eu saí chifrada,mas torço para que com Michael seja diferente. Quem sabe Lisa o faz feliz?
-Ah então você fica para o jantar! - Lisa voltou com seu ar cínico,como se fosse a dona da casa
-Nicole ficará uns dias aqui. - seu sorriso se desfez após ouvir isso
-Nossa! Que noticia boa.. Não tem parentes aqui Nicole?
-Só em Nova York. Além do mais minhas reuniões de trabalho são aqui perto! - devolvi o mesmo sorriso falso
-Que bom né? - o jantar foi silencioso,pelo menos por minha parte. 
   Lisa só sabia falar de como conheceu Michael e repetiu dezenas de vezes como Michael a pediu em namoro. Finalmente o jantar acabou. O motorista já estava pronto para levar Lisa embora,que assentiu mesmo não satisfeita. 
-Nos vemos amanhã amor? - se referiu à Michael
-Claro! - ele sorriu
-Então boa noite.. - Lisa fez questão de dar um beijo demorado em Michael - Tchauzinho Nicole..
-Tchau Lisa.. - merda agora estamos a sós
-Parece que a Lisa gostou de você..
-Concordo plenamente!
-Nick.. Senti tanto sua falta. Foi muito difícil pra mim superar o ocorrido..
-Mas nós superamos,não é mesmo? Cada um seguiu sua vida..
-Sim.. E eu devo lhe parabenizar. Sua carreira é esplêndida! Você merece! 
-Obrigada Michael. Você também,nem se fala! Dangerous é um sucesso! Já pensa em turnê?
-Oh sim.. Estamos trabalhando nisso. Turnê dá muito trabalho,a única parte boa é que eu tenho contato com os fãs! -Michael riu
-Imagino.. Eu acompanhei a Bad Tour,você estava incrível!
-Pera ai,você foi nos shows?
-Sim! Em Tóquio,Los Angeles.. Você sabe que sou sua fã!
-Você é a número um! - Michael me encarou por um tempo
-Se importa se eu subir? A viagem foi cansativa,sabe..
-Entendo perfeitamente!Vem,vou mostrar seu quarto.. - Michael me levou até a ala dos quartos,que a propósito ficava colado no seu
-Obrigada pela hospitalidade..
-Imagina Nick. Não sabe como estou feliz com você aqui..
-Também estou..
-Quer vir comigo conhecer Neverland amanhã?
-Claro! Adoraria..
-Então combinado. Amanhã bem cedo faremos um Tour pela Terra do Nunca! - Michael se alegrou
-Finalmente!! É.. boa noite Mike..
-Boa noite Nick.. - Michael deu um demorado beijo na minha bochecha,me deixando arrepiada e de coração acelerado. Me afastei antes que eu perdesse o controle
-Tchau.. - me limitei a dizer
-Tchau! - Michael se virou e eu fechei a porta. Suspirei pesadamente ao constatar que ainda sou louca por Michael..

Capítulo 47

Nicole



  Passei a praticamente a noite toda acordada, me arrependendo amargamente por ter aceito o pedido de Michael,mas eu também não poderia ir embora do nada dando a entender que eu estava com ciúmes.

 Além disso,há outro agravante. Michael e eu ficaremos juntos amanhã e morro de medo de não me controlar e ter alguma recaída. Eu havia prometido a mim mesma que entre eu e ele existiria apenas amizade e só. É assim que deve e tem que ser..

 Acordei com insistentes batidas na porta. Olhei pra janela e o sol ainda estava nascendo. Ainda sonolenta me levantei,aparei meus cabelos e fui abrir a porta .

-Bom dia! - Michael estava sorridente

-Bom dia.. Que diabos deu pra você me acordar essa hora?

-Eu disse que te levaria para conhecer Neverland. Temos que aproveitar o nascer do sol!
-Certo.. Me espera no jardim.
-Sim senhorita! - Michael sorriu e se afastou. Decidi tomar um banho quente e vesti uma roupa bem confortável.
  Ao descer,encontrei Michael segurando uma cesta. Assim que me viu,ele despontou um enorme sorriso,capaz de iluminar o meu dia. Por mais que Michael esteja com a aparencia completamente diferente de quando o conheci,ainda sim continua sendo o meu amigo Michael,pois me apaixonei pela sua pessoa. E não vou negar,ele conseguiu ficar ainda mais lindo. Michael se moldou à sua maneira e ninguém tem nada com isso.
-Que cesta é essa Michael?
-Nosso café da manhã. Detesto tomar ele aqui dentro,prefiro fazer ao ar livre,perto da natureza e claro,com uma bela companhia.. - Michael riu
-Realmente,não tem nada melhor do que estar em contato com a natureza..
-Pelo menos você pensa assim! - Michael abaixou a cabeça
-Como assim?
-Nada não.. Vamos?
-Vamos!
- Não vai se agasalhar mais? Tá frio lá fora!
-Tô de boa! - sorri
-Certo! -seguimos juntos pelo jardim de Neverland
 Caramba eu nunca vi um lugar tão lindo como esse Rancho. Neverland é o reflexo de Michael,sua alma e seu coração estão em cada detalhe desse lugar.Nas esculturas,nos jardins,no parque de diversão,enfim em todo lugar.
-O que foi Nick?
-Michael isso é tão lindo.. Parece um sonho!
-Que bom que gostou. Fiz tudo pensando no que você pensaria ao ver.
-Parabéns Michael,Neverland é mágico! Você deve compor muitas músicas inspirado  aqui né?
-Também.. Mas eu tenho outra inspiração..
-O quê? - perguntei despreocupadamente
-Você.. - não sei se foi pelo susto,pois  tropecei no meu sapato e quase voei no chão. Minha sorte é que as mãos firmes de Michael seguraram minha cintura
-Cai não loirinha! - Michael riu. Nossos rostos ficaram ainda mais próximos 
-Mike? - avistei Lisa vindo em nossa direção. Ela me olhava com ódio e realmente pensei que faria um escândalo, mas quando Michael olhou pra ela,sua feição mudou assustadoramente e ela sorria como se nada tivesse acontecido
-Lisa? - Michael disse desapontado. Me afastei rapidamente dele.
-Oi amor! Estava com tanta saudade que não aguentei ficar longe de você! - ela novamente fez questão de beijá-lo demoradamente
-Então nos acompanha no passeio? 
-Claro! Bom dia Nicole.
- Bom dia Lisa. Como está?
-Poderia estar melhor.. Mas com o Michael fica tudo certo.. 
 Eu que não ficaria segurando vela para os dois. Tratei logo de inventar uma desculpa e voltar para a casa. 
-Michael, se importa se eu voltar pra casa?
-Por que Nick? Não se sente bem? - Michael me olhou preocupado
-Minha cabeça tá doendo sabe? Mas não se preocupe, vou tomar um remédio e volto para acompanhar vocês. - sorri
-Nada disso. É melhor voltarmos juntos! 
-Ok!- voltamos para casa em total silêncio,quer dizer, tirando o fato de Lisa o tempo todo chamar  atenção de Michael
- Eu vou deixar isso na cozinha e fazer um telefonema. Já volto! - Michael saiu da sala nos deixando a sós 
-Acha que me engana? - Lisa disparou
-Não estou te entendendo. 
-Para de ser sonsa! Sei muito bem que está aqui para seduzir o Michael! Será que até hoje não entendeu que ele nunca vai olhar pra você?
-Escuta aqui, eu não admito que fale assim comigo! Não me conhece e muito menos tem noção do quão forte é a minha amizade com Michael. Eu não sou como você que é uma falsa e dissimulada! - Lisa riu em deboche
-Você está com inveja não é? Inveja porque foi chifrada e agora por ter sido trocada por mim!
-Você é estúpida! Nunca entenderá o significado de uma amizade verdadeira!
- Acha mesmo que essa amizade de vocês é forte? Não dou nem um mês pra essa "amizade" acabar de vez! Por quê não volta pra casa e vá cuidar do doente do seu pai?
-Lava sua boca pra falar dele, sua desgraçada! - não sei de onde tirei forças para voar em cima dela e estapeá-la com ódio. Ela começou  gritar e chorar assim que viu Michael
-Me solta Nick,para com isso! - disse se fazendo de vítima
- Nicole! - Michael gritou tão alto que eu paralisei - Largue a Lisa agora! - disse austero
-Você me machucou! - disse chorosa
-O que deu em você Nicole? 
- Eu me descontrolei..
-Tudo isso é porque estamos namorando! Nicole disse que eu sou uma intrusa e que não deveria estar aqui.. Ai! - fingiu uma dor no ombro
-Michael isso..
-Você vem comigo agora. - disse serio,me arrastando para a biblioteca
-Você não tá acreditando nisso ne?
-Você enlouqueceu? Como pôde ter coragem de agredir a Lisa? 
-Michael ela que começou!
- Lisa só tem te tratado bem desde que chegou e você faz de tudo para se afastar,pensa que eu não vi? Escuta uma coisa, foi você que foi embora e desistiu de nós e agora eu estou com  a Lisa e se não está satisfeita pode ir embora! - pisquei meus olhos completamente apática
-Nossa! -ri sem humor - Pelo que vejo Michael Jackson se tornou um homem influenciável. Quer saber Rei do Pop, vá você e a sua santa namorada para o quinto dos infernos! - bradei
-Nicole! - Michael me olhou assustado
-Eu não tenho que aturar isso e não vou! Passei a vida toda me arrastando aos seus pés como uma verdadeira otária! Na verdade eu mereço tudo isso pra eu deixar de ser uma imbecil! Passar bem Michael! - saí da biblioteca totalmente enfurecida com Michael logo atrás de mim
-Podemos conversar civilizadamente? - Michael subia as escadas junto comigo
- Vá se ferrar! Eu vou embora daqui! - entrei no quarto e peguei minha mala que nem havia sido desfeita
-Porra, por quê tem que ser assim? 
-Adeus Michael! E eu espero que um dia enxergue a cobra que está lá em baixo te esperando. - passei por ele e,sem olhar para trás, desci as escadas
 Lisa me olhava rindo,mas não dei trela para o seu deboche. Eu não ia chorar,não mesmo! Não fiz nada de errado,quer dizer eu fiz sim, me deixando ser guiada por esse amor estúpido que só serviu para ferrar minha vida!




Capítulo 48

Nicole


 
  Como eu estava bem longe da cidade, decidi me instalar em um hotel próximo à Neverland. O Hotel era bem simples,assim não chamaria atenção da imprensa. Tudo que eu menos queria agora era meu nome envolvido com o de Michael,ainda mais com os rumores do meu término de namoro com Matt  já estar sendo anunciado.
   Passei o dia todo trancada no quarto e só saí na hora de ir para a reunião com alguns empresários para uma nova campanha. Voltei para o hotel à noite e tentei dormir. 
Na verdade eu sentia um aperto no peito,como se algo muito ruim fosse acontecer com Michael. Tentei dissipar tais pensamentos,mas novamente essa dorzinha no peito me afligia. Pedi a Deus para protegê-lo e cuidar dele. Depois de um tempo,finalmente dormi.
   
                * * * *


 
 Acordei bem cedo decidida a voltar para Nova York e de lá eu iria para Tóquio,pois faltavam alguns contratos para eu assinar. Passaria cinco meses morando por lá fazendo campanhas e eventos publicitários.
Enquanto aguardava o horário de sair,liguei a TV e comecei a zapear os canais,mas uma notícia que eu vi foi como uma facada no meu peito.


" Uma notícia de última hora acaba de deixar o mundo apático. O Rei do Pop, Michael Jackson é acusado de abusar sexualmente de um garoto de 13 anos, Jordan Chandler.
 O pai do garoto, Evan Chandler acusa o cantor de molestar o filho enquanto Michael e Jordan dormiam juntos. Jackson ainda não se pronunciou sobre a acusação. Toda a  imprensa faz vigília frente ao Rancho Neverland, mas até agora nenhum sinal do cantor. Voltaremos em breve com mais informações.
"


-Não! Isso é mentira, é mentira!! - gritei sentindo as lágrimas descerem em abundância
 Eu precisava achar Michael de qualquer jeito. Minha vontade era gritar para Deus e o mundo que Michael é inocente e jamais faria uma monstruosidade dessas. Eu não tinha ideia de onde Michael estava. Decidi ligar para Liz Taylor. Sei da amizade forte que os dois têm e ela era minha única esperança.
-Alô? - escutei sua voz preocupada
-Liz o que está acontecendo?
-Você já soube Nick?
-Sim! Como podem ser capazes de inventar uma coisa dessas?
-Então você não acreditou.. Graças a Deus! - Liz suspirou
-É claro que não acredito nisso. Conheço Michael e sei que ele jamais faria isso,jamais! Eu preciso vê-lo, você sabe onde ele está?
- Sei. Eu que o ajudei.
-Por favor Liz me diga onde ele está!
-Nicole,Michael pediu sigilo,mas sei que você é a única pessoa que pode ajudá-lo. Ele está em uma casa minha na Costa Rica.
-Eu vou pra lá agora mesmo!
-Vou te passar todas as informações de como chegar lá..

 
        
* * * *


  Assim que Liz me passou o endereço,entrei na internet e comprei a passagem de avião para daqui a poucas horas,não queria perder tempo nenhum. Saí do hotel apenas uma bolsa com meus documentos.
 O táxi chegou rapidamente e eu pedi para que corresse para o aeroporto. Cheguei com o avião quase decolando. Fiz o check-in rapidamente e entrei esbaforida no avião. O problema seria passar as próximas horas sem saber de nenhuma notícia.
  Não sei nem quantas horas durou a viagem,eu só sabia pensar em Michael e em como ele estava. Eu chorava e rezava para que tudo isso fosse um pesadelo. Só me dei conta de que chegamos quando o avião aterrizou. Saí rapidamente e encontrei o motorista que Elizabeth reservou para mim. 
 O caminho foi longo,pois o chalé de Liz ficava bem afastado em uma ilha paradisíaca,mas nada disso me enchia os olhos,pois eu só pensava em Michael.
-Chegamos senhorita.
-Obrigada! - saí do carro e entrei correndo no chalé. Olhei em volta e não vi Michael. Decidi subir as escadas e comecei a chamar por ele
-Michael? - paralisei na soleira da porta ao vê-lo sentado no canto do quarto,todo encolhido com o rosto escondido por entre os joelhos. Se antes meu coração estava partido,agora nem se fala..
 Me aproximei dele cuidadosamente e me sentei ao seu lado.Percebi que de tanto que chorava,Michael não notou minha presença. Encostei minha mão em sua cabeça e no mesmo instante, ele olhou pra mim. Seus olhos estavam vermelhos e seu rosto inchado.
-Nick, como chegou aqui? - murmurou
-Não importa.. - eu disse com a voz embargada - Só não podia deixá-lo sozinho..
-Nick.. - Michael voltou a chorar ainda mais,ele soluçava tanto que eu acabei chorando também
  Puxei Michael para o meu colo e o aninhei em meus braços. Eu não falei nada,apenas alisava seus cabelos e beijava o topo da sua cabeça.Michael me apertava com tanta força que parecia uma criança indefesa
 Aos poucos ele foi se acalmando. Aproveitei para levantá-lo do chão e o deitei na cama, mas ele não me soltava,então me deitei junto com ele,ainda em meus braços.
-Nick..Você também acha que eu fiz isso? - Michael me olhou em súplica
-É claro que não Michael.. Isso jamais passou pela minha cabeça!
-Que bom que está aqui.. Eu preciso tanto de você,tanto! - Michael me apertou mais 
-Eu vou estar sempre com você,sempre ao seu lado!
-Por que fizeram isso comigo? Por que Nick? Eu fiz de tudo para ajudar o Jordan e a família dele, não entendo porquê inventaram essa mentira!
-Dinheiro Michael. É o dinheiro que envolve esse tipo de gente.. 
-A culpa é minha por ter sido tão idiota! 
-Você não é idiota, apenas acreditou em quem não devia! Mas olha pra mim. - Michael encostou sua testa na minha - A verdade vai prevalecer e logo todos vão ver que você é inocente!
-Você acha?
-Tenho certeza! E eu vou fazer de tudo para que ninguém possa machucá-lo novamente,meu amor..
-Nicole eu amo tanto você,não me deixe mais,por favor!
-Michael.. - eu não tinha ideia do porquê dele ter falado isso. Quando olhei para Michael ele já havia dormido e eu também acabei adormecendo..

Capítulo 49

Michael


  Catatônico. É assim que me sinto até agora. Nunca poderia imaginar que toda a caridade que faço de coração se reverteria em uma mentira tão descabida. Me pergunto onde eu errei. Por que fizeram essa crueldade comigo,quando na verdade tudo que eu fiz foi ajudar?
 Mas devo aceitar a minha resignação. Tenho a plena certeza de que nunca machucaria ninguém,ainda mais uma criança,cortaria meus pulsos antes disso. Tenho certeza que a verdade virá a tona e logo esse pesadelo vai acabar.

 
                     
* * * *

  Se estou de pé agora é porque tenho Nicole aqui comigo. Nesses seis dias que se passaram eu não falei com ninguém,ao não ser meu advogado,Liz e claro Nicole. Eles disseram que Evan Chandler não apresentou nenhuma prova ou argumento convincente. Óbvio que ele não tem,pois eu não fiz nada!
 Nicole tem sido a base de tudo. Ela largou sua vida para ficar enfurnada nessa casa aqui comigo. Desligou seu celular para focar apenas em mim.
 Quando eu disse à ela que a amo,não foi da boca pra fora. Eu até tentei voltar a falar sobre isso,mas ela desconversou. Disse que eu precisava me reerguer e colocar meu coração em ordem e realmente ela estava certa e agora que a poeira abaixou, sinto que não posso mais guardar isso dentro de mim. Hoje mesmo vou me declarar para Nicole.
 Havia acabado de sair do banho. Estava farto de ficar deitado o dia todo me lamuriando. Eu precisava reagir, mostrar que ninguém pode me derrubar tão facilmente.
-Nicole? - ela veio rapidamente até mim.
  Eu me sentia um traste. Nick estava visivelmente abatida,em todos esses dias eu não a via dormir,comer ou fazer qualquer outra coisa que não fosse cuidar de mim e agora eu iria retribuir da melhor maneira possível.
-Tô aqui Mike! Algum problema? - perguntou aflita
-Não,não! - ri - Nick não aguento mais vê-la assim!
-Assim como?
-Cuidando de mim o tempo todo! Eu me sinto um impotente,mas eu estou bem,olha pra mim!
-Realmente, você tem melhorado muito,graças a Deus!
-E eu devo isso a você,nunca me esquecerei!
-Não pense nisso. Você sabe que sempre estarei ao seu lado,não sabe..?
-Eu sei sim.. Nick,quer jantar comigo?
-Janto sim ué! - ela riu
-Você não entendeu.. Será um jantar especial,ok?
-Michael..?
-Não pergunte nada.. Apenas espere..
-Supondo que já são 19:00,acho melhor eu tomar um banho né?
-Concordo! Vou te esperar lá na sala.
-Certo

 
               
* * * *



Por um momento,toda a angústia acumulada nesses dias deu lugar a um nervosismo gritante. Porra isso tem que dar certo, é a chance que eu tenho de falar de uma vez por todas que a amo e que a quero como minha mulher,a minha garota.
 Nicole desceu as escadas e sim eu fiquei de boca aberta. Na verdade eu sempre fico assim quando a vejo,ainda mais quando ela capricha no visual. Se antes eu estava nervoso,agora.
.



-Caramba.. 
-Que? - perguntou
-Você está tão linda,tão.. é melhor eu ficar quieto..
-Você tá estranho!
-A minha roupa? Não combinou,é isso?
-Para Michael! - ela riu - Tô falando do seu comportamento. Preciso mesmo dizer que está a coisa mais linda? 
-Obrigado.. Vamos?
-Uhum! - enlacei sua cintura e seguimos até o cais da Ilha
 Deixei tudo pronto para nós. Pedi que colocassem uma mesa em um local com a iluminação amena,já que a luz da lua refletia nas ondas do mar. Nicole estava maravilhada e não existia nada mais lindo nessa vida do que o contraste dos olhos azuis de Nicole com a água cristalina  do mar.
-Sente-se.. - puxei a cadeira para ela
-Obrigada.. Caramba eu adorei esse lugar,é tão mágico!
-Eu sabia que iria gostar. É por isso que te trouxe aqui.. Hoje não quero falar de nada que nos aborreça. Vamos esquecer os problemas e viver o agora..
-Você tá coberto de razão. Não tem como pensar em coisas ruins em um lugar como esse.
-Exato..
-Michael você quer ir no banheiro?
-Ein? 
-Está tremendo as pernas. Pode ir,eu te espero!
-Não,eu não estou apertado. Eu tô é nervoso!
-Mas por quê?
-Porque não aguento mais esconder meus sentimentos. Nicole desde o dia que eu te conheci,eu senti algo diferente despertar em mim. Pra mim isso não passava de uma amizade verdadeira,mas eu estava redondamente enganado. Eu fiz de tudo para não admitir para mim mesmo que meu amor por você era mais do que um amor de irmão ou de amigo. Sempre fui louco por você e um idiota por ter omitido isso pra mim mesmo. Me perdoe por ter te causado tanto sofrimento,mas eu não tinha noção de como agir.. Mas a verdade é que desde quando fizemos amor eu desisti de negar esse sentimento..
-Michael..
-Escute por favor! Eu tive medo de ir atrás de você e fazê-la sofrer,me perdoa Nicole!
-Michael você tem certeza do que tá falando?
-Nicole,eu sei que deve estar pensando que eu estou dizendo isso por carência,mas não é! Eu quis te falar isso desde que chegou mas você não me deu chance. Eu te amo Nicole,sou perdidamente apaixonado por você,eu te amo tanto que chega a doer! Preciso de você ao meu lado,não só como minha amiga,mas como minha namorada,minha mulher,minha amante,o que for! Me deixe mostrar que te amo e que te farei feliz! - sim,eu estava chorando e ajoelhado aos seus pés
-Michael,levanta! -Nicole ria e chorava ao mesmo tempo. Suas mãos tocaram meu rosto e ela me puxou para si - Não tem noção de como esperei para ouvir isso! Você é amor da minha vida e sempre será! - não consegui me controlar depois de ouvir isso
 Procurei seus lábios e lhe beijei intensamente,grudei minhas mãos no seu rosto,trazendo Nicole para mais perto de mim. Eu gemia dentro da sua boca e tudo que eu mais queria naquele momento era estar dentro de Nicole,amando-a da forma que eu sempre desejei. 
 Peguei Nick no colo e subi seu vestido para que pudesse encaixá-la na minha cintura. Eu nem ligava se tinha alguém por perto. Quando consegui me desgrudar da sua boca,o desejo de beijá-la voltou com mais força ainda.
-É melhor sairmos daqui.. - Nick sussurrou,se dando conta da forma como estávamos nos agarrando
-Como eu pude ser tão desligado? - ela riu - Vamos pro quarto, quero fazer amor com você até o amanhecer.. - apertei Nicole em meus braços e segui com ela,aos beijos para o chalé.

Capítulo 50 

Michael

 Foi difícil esperar subir todas as escadas para entrarmos no quarto. À essa altura Nicole estava praticamente despida e eu com uma porra de ereção que chegava a doer. Joguei minha garota na cama e terminei de tirar seu vestido.

-Puta merda, como sonhei em ver esse corpo de novo.. - murmurei

-Ele é todo seu,sempre foi..

-Você é só minha,entendeu? - puxei seu rosto de encontro ao meu e lhe beijei novamente

 As mãos de Nicole tocaram os botões da minha camisa e logo me livrei dela. Em seguida tirei minha calça e Nicole mordeu os lábios.
 Me deitei em cima do seu corpo e apertei seus seios como duas conchas. Nicole fechou os olhos e gemeu,ainda mais quando passei a sugar seus mamilos enrijecidos, soprando,chupando e mordiscando. 
-Me desculpe,mas hoje eu não to afim de me controlar.. - falei no seu ouvido
-Não se controle, quero tudo o que você quiser me dar. Me ame como eu amo você,Mike.. 
-Amo você garota.. - tirei sua calcinha e a toquei. Senti Nicole se arrepiar pelo contato, vê-la molhada daquele jeito fez meu sexo pulsar ainda mais forte
-Tira essa cueca amor,vai rasgá-la! - disse ao constatar minha ereção quase pulando pra fora
-Tire pra mim então,baby.. - Nicole riu e logo minha boxer foi sendo retirada.      Surpreendentemente, Nicole me deitou na cama e subiu em cima de mim
 Suas mãos envolveram meu membro, dando leves pressionadas,subindo e descendo a pele que cobria. Eu já não conseguia ficar apenas nos gemidos,nem os gritos eram suficientes.
-Porra Nicole.. - não acreditei quando ela abocanhou todo meu membro,chupando ávidamente.Eu estava fora de órbita, tudo que eu conseguia fazer era pressionar minhas mãos em sua cabeça, fazendo-a engolir meu sexo
-Você é uma delícia Michael.. - murmurou ainda com a boca no meu membro
-Sua pervertida! Continue chupando, você é perfeita nisso baby.. - Nicole voltou a chupar mais forte e eu sentia os espasmos por todo meu corpo - Oh Nick.. Eu vou gozar.. - avisei
-Então goze,amor.. - senti todo meu corpo se eletrizar e meu primeiro orgasmo me devastar. Nicole não desperdiçou nenhuma gota,olhando fixamente nos meus olhos. Puxei ela para perto de mim beijando seu pescoço
-O que aconteceu com você,ein? - perguntei abismado
-Viu o que você estava perdendo?
-Eu sou um babaca mesmo ne? Agora vem aqui, preciso estar dentro de você agora! - abri suas pernas e encaixei meu membro na sua entrada
-Oh Mike.. 
-Isso,geme pra mim princesa.. - me enterrei em Nicole de uma só vez. Puta que pariu, essa sensação é indescritível. Fazer amor com a mulher que você ama é muito mais prazeroso do que se possa imaginar
-Mais forte,mais forte! - implorou. Mandei o autocontrole às favas e passei a estocar rude e freneticamente
  O barulho dos nossos corpos se chocando ecoava pelo quarto. À essa altura já estávamos suados e completamente entregues um ao outro.
-Oh Nick.. Tão apertada, amo estar dentro de você.. É viciante!
-Eu vou gozar Mike..
-Então vamos juntos.. - Nicole se sentou no meu colo,engolindo meu pau. Pressionei meus dentes no bico do seu seio enquanto ela arranhava minhas costas. Nossos orgasmos vieram com força total e quando ela rebolou lentamente em cima de mim, foi o ápice para gozarmos violentamente.
 Nicole saiu do meu colo e eu a puxei para os meus braços. Ela me abraçou e não falamos nada, o sono veio rapidamente e logo adormecemos.
   
                

* * * *




Acordei me sentindo dez vezes mais leve. As lembranças da noite passada vieram rapidamente e não pude deixar de sorrir. Olhei para o lado e não vi Nicole. Epa!

-Nick? - chamei ao vê-la sair do banheiro

-Desculpa,eu te acordei né?
-Não,relaxa.. Por que já está vestida?
-Porque eu achei melhor ir para o outro quarto..
-Nick senta aqui. - ela veio até mim,ainda retraída - Não está pensando que eu me arrependi ne? - ri - É claro que está..  É tudo culpa minha!
-Michael eu entendo se você disser que ontem a noite...
-Shi.. - encostei meus dedos em seus lábios - Para de falar besteira garota! - ri - Eu mereceria uma coça se dissesse que estava arrependido. Eu sei que vai demorar pra você confiar em mim,mas eu vou provar pra você que te amo!
-Não precisa me provar! - acariciou meu rosto - Eu vejo nos seus olhos que está sendo sincero. É que são tantos anos vivendo assim que eu me acostumei..
-Eu entendo.. Mas vamos recuperar o tempo perdido. Nick?
-Eu!
-Quer namorar comigo?
-Ah? - gritou
-Vou perguntar bem devagar. - me aproximei do seu ouvido - Quer ser a minha namorada e futuramente,minha esposa?
-Mas Mike e a Lisa?
-Eu vou conversar com ela ok? Ela vai entender..
-Será?
-Mesmo se não entender,não posso fazer nada. Ela sabe que eu amo você!
-Ah então todo mundo sabia menos eu? - cruzou os braços
-Não reclama não! A Nani, o Theo todo mundo me disse que você era apaixonada por mim desde que nos conhecemos!
-Ai que vergonha! - Nicole escondeu o rosto
-Para amor.. - puxei suas mãos
-Amor?
-Sim, vá se acostumando! Me espere aqui tá?
-Onde você vai?
-Escovar meus dentes! Não quero te beijar com bafo!
-Larga de ser bobo Mike! - depois de fazer minha higiene voltei para o quarto e Nicole trocava de roupa
-Onde a senhorita vai?
-Na praia e você vai junto!
-Nick eu não posso..
-Michael o sol de manhã cedo não faz mal pra você. Confia em mim!
-É claro que eu confio!
-Oba! Então coloque uma roupa bem leve,porque vamos entrar no mar.
-Oh não..
-Que?
-Eu nunca entrei no mar Nick!
-Mas tem primeira vez para tudo Sr Jackson! Agora para de me enrolar e vá trocar de roupa! Vou fazer uma cesta pra gente levar pra lá..
-Hey?
-O que?
-Não ganho beijo de bom dia?
-Hmm como eu sou ruim! - Nick enlaçou meu pescoço e me deu um beijo demorado - Pronto, agora vá se arrumar!
-Tá sua mandona!
-Eu ouvi!

Capítulo 51 



Michael

-Nicole isso não vai dar certo! - eu estava praticamente sendo arrastado para a praia

-Michael para de ser medroso. Relaxa,eu to aqui com você! - sorri ao constatar que sim, Nicole é minha finalmente. Sentamos na areia, com Nick deitada com a cabeça apoiada no meu peito

-Isso é tão estranho..

-O que é estranho? 

-Nós dois juntos. Achei que isso nunca aconteceria! 
-Sabe que eu também? Toda vez que dávamos um passo,alguma coisa fazia nos voltar a estaca zero,mas hoje olha pra nós! - beijei o topo da sua cabeça
- Por mim ficaria aqui pra sempre! Mas você sabe que temos que voltar..
-A realidade nos chama.. Nick eu estou com medo..
-Do que especificamente? - Nick se virou 
-Do que andam falando de mim,se os meus fãs acreditaram nisso..
-Olha pra mim. Seus fãs te amam e estão todos ao seu lado te defendendo com unhas e dentes. 
-Isso já me deixa em paz! E principalmente por você acreditar em mim.. - Nick beijou minha bochecha
-Sempre Michael.. Quando eu vi a notícia,me desesperei,minha vontade era de sair pra rua gritando sua inocência.. Mas eu pensava antes de tudo em você e tive a ideia de ligar pra Liz na mesma hora.
-Se você não tivesse vindo eu nem sei o que teria feito..
-Se acabado nos remédios.
-O que? 
-Eu vi Michael,na gaveta do quarto. Não falei nada,pois esperei você mesmo me contar. Você não .. quis se matar né? - seus olhos encheram d'água e eu me senti um monstro
-Não,claro que não meu amor! - lhe abracei - Só queria achar uma forma de aplacar a dor..
-Mas isso não ajuda! 
-Eu sei que não,ainda mais porque eu tenho você comigo..
-Nunca duvide disso! Michael preciso te contar uma coisa..
-Pode falar!
-Neverland foi revistada..
- O que? Como assim?
-A polícia queria provas contra você,mas eles não encontraram nada Michael!
-Nick eles não podiam ter feito isso!  É a minha privacidade! Por quê não me contou?
-Porque não mudaria nada! Pelo contrário, você ficaria mais aborrecido do que agora.. Michael o importante é que nada foi encontrado,nada! Eles perderam o tempo deles.. - Nick me abraçou
-Esse pesadelo parece nunca ter fim!
-Mas vai ter! Você vai voltar para os Estados Unidos de cabeça erguida ouviu bem? - suspirei
-Ok. Você venceu,amanhã mesmo voltaremos pra lá. Vou dar uma declaração definitiva sobre isso e encerrar esse assunto!
-Vai dar tudo certo,confie em Deus!
-Inclusive terei uma conversa com a Lisa.. - Nick encarou o chão - Psiu,olha pra mim. - toquei seu queixo delicadamente - Não precisa ficar assim.. Eu nunca senti nada por ela!
-Mas pediu ela em namoro.. - Nick fez uma adorável cara de ciúme
-Oh meu Deus! - ri - Você fica linda com ciúmes! Eu vou terminar o namoro e ai sim serei seu oficialmente!
-Pensei que já fosse Sr. Jackson..
-É claro que sou.. Se tiver dúvidas eu posso te provar! 
-Você é meu e fim de papo,mas Michael é melhor mantermos em segredo..
-Por que? 
-Acabamos de terminar nossos relacionamentos e eu não quero que a imprensa caia em cima na gente,ainda mais se lembrarem daquela foto..
-Entendo.. Você está certa. Vamos esperar só um pouco,certo? E depois o mundo todo vai saber que tenho a mulher mais perfeita do meu lado! - lhe beijei os lábios
-Tive uma ideia!
-Lá vem você.. - Nick se levantou - Onde você vai?
-Pra água. Vem?
-Nick eu já falei..
-Vamos Mike, não tem nem onda aqui..
-Vai entrar de roupa mesmo?
-Se quiser eu tiro!
-Não,de jeito nenhum! - me levantei rapidamente e a acompanhei. Tirei minha camisa e percebi que Nicole ficou olhando - O que?
-Já te falaram como você fica sexy com os cachos soltos e sem camisa?
-Hmm já me falaram sim..
-Seu safado! - ri
-Mas.. você é a única pra quem eu dou atenção..
-Não acredito em você! - Nicole correu para o mar e eu fui atrás
-Caramba essa água tá gelada!
-Deixa que eu te esquento.. - Nicole já havia me esquentado antes mesmo de se aproximar de mim
  O vestido molhado moldou ainda mais suas curvas e foi impossível não olhar para seu decote,agora transparente por estar molhado. Nicole se aproximou de mim e grudei minhas mãos em sua cintura até chegar nas suas coxas. Nicole encostou os lábios nos meus e logo minha língua pediu passagem, grudei minha mão na sua nuca,pressionando-a para mais perto de mim.
-Você é minha perdição.. - sussurrei em seu ouvido. Nicole arqueou os seios para perto de mim e eu sorri com sua provocação. Levei minhas mãos até eles e os apertei com força
-Oh Mike.. Isso é muito bom..
-Acho melhor sairmos daqui..
-Por que..? - sussurrou
-Porque quero vê-la gemer em cima da cama.. - ataquei novamente sua boca com um desejo fora do normal. Saímos do mar com Nicole no meu colo e fomos direto pro banheiro do Chalé.Não aguentamos esperar e fizemos amor debaixo do chuveiro, estar com Nicole era viciante, eu sempre queria mais e mais..



Capítulo 52 

Nicole

  Michael estava sentado na cama encaixado no meio das minhas pernas enquanto eu penteava o seu cabelo. Ele disse que não tinha paciência para fazer isso então me ofereci para pentear seus longos cachos negros.

-Tô me sentindo uma criança,tá? - resmungou

-Achou mesmo que eu ia deixar você todo descabelado? Pronto, olha como ficou um príncipe!

-Só você mesmo viu! - Michael riu
-Já está tudo pronto para a nossa volta..
-Nem me lembre.. Mas eu tenho que voltar. Preciso retomar meu trabalho, a turnê vai começar..
-E vai ser mais um grande sucesso!
-Você vem pra Neverland comigo?
-Agora não. Primeiro converse com a Lisa,tenho certeza que assim que você chegar ela vai correndo pra lá..
-Você tem razão,além do mais não quero te expor ao ridículo. Mas.. assim que eu resolver meu problema com ela,você vai ficar comigo ne?
-Sim..
-Que voz é essa?
-É que voltar pra casa também será difícil pra mim..
-Por quê  não se abre comigo? Antes de tudo somos amigos,lembra?
-Meu pai ta cada vez pior.. Não o reconheço mais,tenho tanto medo de que ele desista da vida..
-Mas eu não entendo,ele tem uma filha perfeita,sério mesmo,que o ama,tem uma carreira de prestígio..
-O problema é minha mãe. Eu acho que é muito mais do que eu imagino.
-Como assim?
-A Nani me disse que essa história vai muito além do que eu sei, mas só meu pai pode me contar..
-Olha pra mim,vai dar tudo certo e eu estou aqui com você!
-Obrigada .. - Michael me colocou em seu colo e me deu um beijo envolvente

             

* * * *

Michael


   A viagem de volta aos EUA foi tranquila. Nick e eu fomos em meu jatinho particular,que aterrizou em um terreno baldio em Santa Bárbara. Nicole seguiu com o jatinho para Nova York e eu fui direto para Neverland.

 Assim que cheguei em casa,liguei para os meus advogados,Liz e minha mãe para contar sobre a minha volta. Tomei um banho relaxante e decidi ligar para Lisa também.

 Em menos de duas horas sua chegada foi anunciada. Logo avistei seu carro,respirei fundo e fui até a sala para recebê-la.

-Michael!  - Lisa pulou em cima de mim, totalmente irritada - Como pôde fazer isso comigo? Você sumiu,não deu uma explicação! Tem noção do papel de idiota que me fez passar? 
-Pera ai,depois de dias sem me ver você nem ao menos perguntou se eu estou bem. Você nem me ligou Lisa,meu celular esteve ligado o tempo todo!
-Obrigação sua era ter me avisado! Você foi sabe Deus pra onde e ainda exige que eu me preocupe com você?
-Pare de fazer escândalo aqui. Meus funcionários não são obrigados a ouvir isso! - a repreendi
-Me desculpe ok? - Lisa me seguiu até a sala - Eu fiquei brava! Mas me fala como você está depois dessa confusão?
-Estive pior.. - me desvencilhei de Lisa
- O que você tem Turd?
-Precisamos ter uma conversa séria. 
-Fala! 
-Não está dando certo. 
-O que não está dando certo? - perguntou impaciente
-Nosso namoro. Esses dias foram cruciais para mim.
-Estava com ela não é? Estava com a sonsa da Nicole,tenho certeza! - gritou
-Não fale assim dela! Sim eu estava com ela! Mesmo depois de eu ter a  humilhado  para defender você,ela largou tudo e foi para o outro lado do mundo para cuidar de mim sem pedir nada em troca e se eu estou de pé é graças à ela! - Lisa riu
-Você é tão inocente Michael.. Não vê que essa loira aguada faz de tudo para te seduzir? 
-Ela não é baixa,Lisa Marie. Além do mais ela não precisa disso,eu a amo você sempre soube e finalmente eu tive a oportunidade de me acertar com ela. Lisa eu fui bem claro quando começamos esse namoro e você mesmo assim aceitou!
-Você é ridículo Michael,ela tá te fazendo de gato e sapato,só você não está vendo!
-Não adianta tentar me convencer de algo tão descabido. Você jamais entenderá o que existe entre eu e Nicole! - Lisa riu novamente
-Que lindo.. Você e a princesinha vivendo um conto de fadas e eu sendo feita de trouxa!
-Caramba Lisa entenda por favor! Quantas vezes conversamos sobre nosso relacionamento e você entendeu perfeitamente, disse que estava disposta a esperar meu tempo e entenderia se não desse certo!
- Foda-se! Eu não merecia isso,mas tudo bem Michael,faça o que ache certo. Mas depois não reclame ao perceber o lobo em pele de cordeiro que é sua mais nova namoradinha. Passar bem Michael! - Lisa pegou a bolsa e rumou para a saída. Na verdade eu já espera essa reação

  Realmente me senti mal por isso,mas eu sempre deixei claro pra ela que eu era apaixonado por Nicole e que tinha esperanças de um dia me acertar com ela. E Lisa disse que me entendia e aceitava as minhas condições.

 Mas é o tal negócio, na teoria todo mundo aceita, mas na prática eu acabei saindo como o canalha. Mas tudo bem,parece que,aparentemente,Lisa se conformou. Pra falar a verdade,no inferno astral que estou vivendo,isso é de menos,diante de tudo que vou enfrentar daqui pra frente..



Capítulo 53 

Nicole

 Senti um aperto no peito ao chegar em casa. Diferente das outras vezes,não fui recebida por Nani no jardim,pelo contrário,notei uma certa movimentação dentro de casa. 

-Nani! - gritei assim que a vi - Qual o problema aqui? Por que tem enfermeiros para todos os lados?

-Seu .. pai,Nick.. - Nani enxugava as lágrimas

-O que tem o meu pai?
-Ontem ele sofreu um AVC..
-O que? 
-Eu tentei falar com você,mas não consegui..
-Eu estava vindo pra cá.. Meu Deus! Cadê ele? 
-No quarto.. Os médicos acharam melhor trazê-lo de volta pra cá..
-Mas por que? Meu pai precisa de cuidados!
-Não tem mais jeito filha.. - sua voz saía quase em um sussurro
-Não! - corri até a escada e subi rapidamente. Doeu ver meu pai naquele estado. Seu corpo estava inerte,com diversos fios colados e respirando com um auxílio,mas ainda  assim estava consciente
-Nicole? - sua voz fraquinha me chamou
-Tô aqui papai.. - logo as lágrimas vieram com tudo e eu desabei - Me perdoa por não ter ficado aqui do seu lado..
-Eu que devo pedir perdão.. Nunca fui um bom pai,na verdade sempre lhe culpei por sua mãe ter ido embora..
-Do que está falando?
-Nicole,eu prometi que nunca lhe revelaria a verdade,mas não posso mais esconder isso.. Sua mãe morreu enquanto fugia com outro homem..
-O.. o que? 
-Na nossa última briga,ela disse que estava farta da vida que levava. Sua mãe nunca foi o tipo de mulher que se vive presa em uma rotina,e ela se cansou. A vida de esposa e mãe era um fardo pra ela,então quando ela conheceu outro homem,abandonou tudo e foi embora com ele. Não sabe como me doeu ouvir tudo isso da boca dela..O pior de tudo é que nesse maldito dia os dois acabaram morrendo em um acidente. Chovia muito e eu pedi para que ela ficasse,mas Rosane não quis me ouvir. Pegou as coisas dela e se foi..
-Por quê nunca me contou,pai? Por que?
-Porque só de me lembrar disso,eu morria um pouco mais! Eu amava sua mãe feito um louco e ela tripudiou dos meus sentimentos.. E eu culpei você por todos esses anos.. - ele começou a chorar - Eu acreditava que desde que você nasceu,sua mãe se fechou para mim..  Me perdoa!
-Sabe que quando mamãe era viva,eu não admitia,mas eu sei que ela também não me amava.. Nunca se quer passava um tempo comigo,me enchia de cursos para que eu ficasse longe dela. Eu nunca entendi o porquê,mas agora já tenho as explicações..
-Me perdoe.. Mesmo não lhe dando o carinho que merecia,eu sempre,sempre amei você!
-Eu também te amo e não me peça perdão! Quem sou eu para perdoar alguma coisa? Você vai melhorar pai e poderemos reconstruir nossa família! - ele deu um sorriso fraco
-Não meu anjo.. Sinto que minha hora chegou.. E você nunca estará sozinha! É uma mulher forte e saberá enfrentar todos os desafios que a vida impor. E me prometa uma coisa, nunca deixará que ninguém pise em você, vai superar tudo de cabeça erguida!
-Por que diz isso?
-Porque eu sou seu pai e sinto que preciso lhe dar esses conselhos. Terá momentos em que você se sentirá perdida, sem forças para lutar,mas lembre de tudo que eu te falei. E onde quer que eu esteja,vou lhe proteger como devia ter feito em vida ..
-Não fala assim,por favor.. - lentamente ele fechou os olhos e parou de respirar.. A máquina já não emitia som algum e o desespero tomou conta de mim - Pai? Papai,fala comigo por favor! 
-Vem filha.. - Nani me amparou
-Faz alguma coisa Nani,não deixe ele morrer,por favor! - eu não conseguia fazer nada além de chorar e berrar. Era uma dor tão cruel que parecia que o mundo ia desmoronar a qualquer momento
 Quando o doutor desligou o aparelho foi o fim pra mim. Meu pai estava morto e nada que eu ou alguém fizesse,o traria de volta pra mim. Eu perdi a pessoa que mais amei em toda minha vida, que era minha base,o meu herói.. O homem que me fez ser quem eu sou e agora me vejo completamente insegura e sozinha..
-Nicole onde você vai? - Nani perguntou ao me ver sair do quarto
-Preciso ficar sozinha,por favor..
-Nicole,eu não sei como cuidar de você..Eu sei que nada que eu disser vai te ajudar,mas pense em tudo que ele te disse ..
-Acabou Nani.. Acabou.. - me tranquei no meu quarto e me permiti chorar por horas a fio. Eu nunca havia chorado tanto quanto na morte da minha mãe..
 Minha mãe,como eu poderia imaginar que ela queria se ver livre de nós. A mulher que sempre sonhei em ser,que tinha orgulho de ser filha, fora responsável por tudo de ruim que aconteceu ao meu pai. E hoje me vejo sem nenhum dos dois..
 Devo ter cochilado por poucas horas quando escutei meu telefone tocar. Me levantei ainda zonza e fui atender.
-Nick? É o Michael,você não me ligou,está tudo bem? - só de ouvir sua voz já sentia meu corpo se aquecer e se confortar. Daria tudo para tê-lo do meu lado nesse momento
-Meu pai acaba de falecer Michael.. - murmurei
-Mas.. como? Como isso foi acontecer?
-Ele sofreu um derrame.. Nós conversamos e.. 
-Nick? Nick fala comigo? Eu estou indo pra ai agora mesmo!
-Michael você tem que fazer a declaração..
-Dane-se! Em poucas horas estarei ai,meu amor..
-Eu amo você .. - consegui dizer em meio aos soluços
- Eu te amo mais!

            

* * * *




 O enterro seria feito na manhã seguinte. Tive que me levantar para poder organizar todo o funeral, e esses assuntos que somente eu poderia resolver. Nani esteve ao meu lado e tempo todo me ajudando.

 Quando finalmente tudo estava resolvido,tomei um banho demorado para tentar lavar um pouco a dor que anestesiara meu peito. Me enrolei na toalha e quando voltei para o quarto,Michael estava encostado na janela e assim que me viu,meu puxou para os seus braços,não aguentei e acabei derramando todas as lágrimas novamente.
-Chora meu amor.. Chorar é a melhor maneira de por essa dor para fora.. - Michael afagou minhas costas e me deitou na cama,ao seu lado
 Devo ter ficado quarenta minutos chorando baixinho.Michael não dizia uma palavra,apenas cantarolava Smile no meu ouvido,o que foi me confortando até as lágrimas secarem e eu pudesse me acalmar.
-Obrigada por estar aqui.. - falei
-Não precisa agradecer meu amor..
-Eu não tenho mais ninguém,só a Nani e seu perdê-la também..
-Hey,não diz isso. Além da Nani você também tem a mim. Da mesma forma que você cuidou de mim,agora é a minha vez de cuidar de você. Nunca mais sairei do seu lado,nunca! Você faz parte da minha vida,é quem eu sou e juntos enfrentaremos todos os obstáculos que surgir,confia em mim?
-É claro que confio.. Agradeço a Deus por ter um homem tão bom e generoso ao meu lado!
-Eu digo o mesmo princesa! Agora deite aqui.. Você precisa descansar!
-Vai continuar aqui?
-É claro que sim! Por mim não sairia do seu lado nunca! - Michael me deu um leve beijo nos lábios e me acomodou em seu colo. Acabei adormecendo com as carícias dele em minha pele..


Capítulo 54 

Michael


   Em três meses que se passaram,parece que minha vida tem entrado nos eixos. Com relação à acusação de Evan Chandler,o caso ainda persiste no sigilo. Meus advogados deram a ideia de fazer um acordo com a família Chandler. É óbvio que eu fui contra,não existe nada mais humilhante do que ter que pagar pelo silêncio de alguém,mas não tem outra maneira desse pesadelo acabar,então infelizmente serei obrigado a aceitar esse maldito acordo.
   A Dangerous Tour tem sido um sucesso,eu não paro um minuto se quer. Nicole sempre que pode me acompanha nas viagens,mas por conta do seu trabalho e as questões judiciais do testamento de seu pai,ela voltou para os EUA.
Bem, não sei como a imprensa ainda não descobriu nosso namoro, pois já não fazemos questão nenhuma de manter a sete chaves. Eles até que especulam,mas desde que me tornei famoso,esse boato sempre nos rondou.
   Mas eu tomei uma decisão. Assim que turnê acabar,vou assumir publicamente meu namoro com Nicole e mais, vou pedi-la em casamento. Eu sei que ainda é cedo,mas não consigo mais passar um minuto longe dela, minha vida praticamente se resume à ela. 
   É Nicole que me ajuda a levantar todos os dias,é ela que,depois de uma piada infame sobre a acusação, me apoia e faz de tudo para me reerguer. Juro que não sei o que seria da minha vida se por ventura eu tivesse que me afastar dela.
   Finalmente a tão sonhada pausa da turnê aconteceu. Preferi não falar para Nicole, pois quero fazer uma surpresa pra ela. Como pedi para que ela não ficasse sozinha, Nick foi para Neverland. Eu disse que lá seria perfeito para que ela voltasse a se alegrar com a vida,depois do que aconteceu. 
   E hoje depois de um mês vou rever minha loirinha. Passei a viagem inteira ansioso para chegar logo em Neverland e poder matar a saudade dela.
Deixei a mochila que eu levava comigo na soleira da porta e entrei silenciosamente em casa. Nick provavelmente estaria dormindo,pois ainda são sete horas da manhã. Entrei no meu quarto e lá estava ela,dormindo feito um anjo enrolada nas cobertas. 
    Me deitei cuidadosamente ao seu lado,acariciando sua cintura e beijando seu pescoço. Nicole se mexeu e deu de cara comigo,mas por estar sonolenta,deve ter pensado que se tratava de um sonho.
-É assim que recebe seu namorado depois de um mês sem vê-lo? - sussurrei em seu ouvido.Nicole apertou os olhos e olhou novamente para mim
-Mike é você mesmo..? 
-Em carne e osso,mais osso do que carne! - ela riu
-Amor! - Nick me abraçou - Eu tava morrendo de saudade!
-Hmm não parece.. - provoquei
-Para de ser dramático! - riu - Eu já volto!
-Onde você vai garota?
-Lavar meu rosto ne? Depois de um mês vou te receber com a cara amassada? 
-Ai ai Nicole.. - tirei meus sapatos e me acomodei na cama. Assim que ela voltou,fechei meus olhos
-Mike? Não acredito que dormiu! Poxa,logo agora que eu queria matar a saudade..
-Como assim?
-Seu safado! Eu sabia que era mentira! - guiei Nick pela cintura e a montei no meu colo
-Tá,mas agora me fala,ou melhor,me mostre como vai matar a saudade..?
-Quer mesmo saber? - Nick beijou meu pescoço,me deixando arrepiado
-Você não se parece nada com a pirralha de anos atrás...
-E você também não é nada tímido.. - subi sua camisola e a retirei, tendo a visão privilegiada dos seus seios firmes e convidativos. Os envolvi em minhas mãos,apertando os até deixá-los vermelhos
-Oh Mike.. - sua boca logo encontrou a minha, passei a explorar minha língua com avidez
   Nick desabotoou minha blusa e eu me livrei da calça e da boxer, meu membro já estava duro,louco para tocá-la até o fundo. Ela se sentou no meu colo novamente,roçando sua intimidade,ainda por cima do tecido da calcinha,no meu membro.
-Não me torture assim amor.. - pedi sôfrego
-Agora que eu comecei! - rasguei sua calcinha em duas partes e constatei com ela já estava molhada
-Deite-se - ordenei
-O que vai fazer? -disse ao lamber os lábios
-Você já vai sentir.. - distribuí beijos nas suas coxas até chegar na sua virilha
   Nicole se contorceu ao sentir minha língua quente invadir sua intimidade,seus dedos tocaram meus cabelos me incentivando a continuar. Ela gemia sem parar e eu amava proporcionar esse prazer a ela.
-Eu vou gozar amor..
-Eu sei.. E você vai gozar agora! - suguei seu clítoris incessantemente e Nicole se desmanchou em um orgasmo intenso
  Saí do meio de suas pernas e a puxei para um beijo carregado de paixão e luxúria. Encostei meu membro em sua entrada,pronto para penetrá-la.
-Anda logo Mike! - pediu com os olhos fixos em mim - Preciso de você dentro de mim agora,me fodendo com força! - ouvir ela falando assim,conseguiu me excitar ainda mais
   Em um único movimento,me enterrei em Nicole com facilidade,meu membro deslizava em sua intimidade. Eu poderia ficar pra sempre dançando em cima dela,a dança do amor.. 
-Mais forte,mete mais forte! - ri da sua boca suja e passei a estocar ininterruptamente. Suas pernas enlaçaram minha cintura e suas unhas me arranhavam tanto que com certeza deixaria marcas
-Porra Nick,você é muito gostosa! - rugi, em seguida abocanhei seus seios,sugando e apertando com minhas mãos
-Eu vou gozar de novo,baby.. - gemeu
-Vai é? - saí de dentro dela e em fração de segundos,a invadi até o fundo. Nicole gritou e sua intimidade apertou ainda mais meu sexo,logo ela estava gozando e foi o ápice para que eu também atingisse meu clímax
  Ela rebolava com maestria, como uma verdadeira amazona em cima de mim e suas mãos espalmavam meu peitoral.Nicole sabia que meu orgasmo  estava próximo e continuou me provocando até que não suportei e derramei meu líquido quente em sua intimidade.
  Nick saiu do meu colo e se deitou do meu lado,enquanto eu recuperava meu fôlego. Ela sorriu e me beijou,puxei seu corpo para cima do meu e aprofundei nosso beijo.
-Amo tanto você,tanto.. - falei completamente hipnotizado pelos seus olhos azuis
-Eu também te amo,meu Michael..
-Só seu.. - mordi seu queixo - Tenho um convite para lhe fazer.
-Pode falar..
-Amanhã tem a premiação do Soul Train Music Awards e eu gostaria que você me acompanhasse..
-Jura?
-Claro que sim! Já falei que estou louco para poder assumir nosso namoro,não aguento mais esconder isso!
-Nem eu! E é claro que eu vou ver meu namorado brilhar mais uma vez! 
-Namorado e futuro marido.. - murmurei
-O que disse?
-Nada que deva saber por hora.. - ri
-Eu te conheço Michael.. - Nick me olhou desconfiada
-Calma baby,em breve saberá.. - dei um beijo em sua testa e sorri me sentindo um homem completamente feliz e amado pela mulher da minha vida


Capítulo 55 

Nicole

  Finalmente depois de um mês Michael voltou, porquê digo isso? Acontece que tem algumas semanas que eu descobri que estou grávida! Bem, eu percebi quando estava em Buenos Aires,o acompanhando em seu show da turnê. Assim que voltei para Neverland,os enjoos pioraram e outros sintomas apareceram.

  Decidi acabar com as dúvidas e ir num médico e ele confirmou minhas suspeitas,estou grávida de oito semanas. Eu fiquei sem ação,não imaginava ser mãe tão cedo,quer dizer,eu não sou tão novinha,mas digo em relação ao tempo de namoro.

 Michael sempre me confidenciou que seu sonho era ser pai,mas não sei qual será a sua reação. Agora que ele deu a pausa na turnê,será o momento certo para contar. Não posso mais adiar essa conversa, quero logo resolver essa situação.
 Assim que o evento da Soul Train Awards passar eu vou sentar com Michael e dar a notícia.
-Está pronta amor?
-Sim! - Michael veio em minha direção,mancando. Acontece que ontem ele torceu o pé enquanto ensaiava passos de dança . Céus,ele estava tão lindo que eu perdi a fala
-Nick? Você ta ai?
-Aham! - pisquei duas vezes - Você está tão lindo..
-Ah para.. Eu sei que não sou nada disso!
-E pra piorar é humilde..
-Linda está você e isso me deixa preocupado..
-Por que?
-Porque todos vão olhar pra você e eu não vou poder fazer nada!
-Calma amor.. Não precisa ter ciúme. Vou ficar do seu lado o tempo todo!
-Por mim eu assumiria hoje mesmo!
-Foco Michael Jackson! Sinto que logo logo teremos que assumir de qualquer jeito..
-Do que está falando?
-Não posso falar agora,mas.. em breve você vai saber! Vamos?
-Uhum!
-Ah boa sorte,tenho certeza que você vai arrasar!
-Vou sim,minha estrela da sorte vai estar lá.. - Michael me beijou com doçura
-Sempre ao seu lado..

              

* * * *


Assim que chegamos no evento,Michael foi direto para o camarim. Ele vai fazer a performance de Remember the Time,eu achei uma loucura,mas eu sei que vai dar tudo certo,Michael sabe dançar perfeitamente bem até sentado.
 Meus olhos brilharam assim que o vi no palco,era um sentimento de fã número um e de mulher apaixonada
.



* * * *

 
 Ao final da premiação,Michael recebeu os prêmios de Melhor single R & B para Remember The Time, Melhor Álbum de R & B para Dangerous e o Prêmio Humanitário do ano. Michael fez seu discurso e não parava de olhar para mim,pensei até que ele faria alguma coisa de diferente,mas graças a Deus ele voltou e se sentou ao meu lado.

 Depois da premiação,havia uma festa reservada para os convidados. Michael pediu para que ficássemos um pouco,pois precisava conversar com algumas pessoas. Fui para a área mais tranquila e me sentei. Me sentia enjoada e para Michael não ver,saí de perto.

-Com licença,posso me sentar aqui? - um rapaz se aproximou de mim
-Oi.. Pode sim,quer falar comigo?
-Ah sim.. Não tirei meus olhos de você o evento todo! Meu nome é Christopher. Está acompanhada do Jackson ne?
-Sim,eu vim com ele..
-Você está cada dia mais linda,acompanho seu trabalho..
-Obrigada.. - já estava me sentindo desconfortável com seus olhares
-Podíamos ir para um lugar mais afastado..
-Me desculpe,mas não estou me sentindo bem..
-Ah não vou cair nessa desculpa.. - ele riu
-Eu to falando sério,por favor! - Christopher alisou meus cabelos e  tentei afastá-lo de mim,mesmo me sentindo tonta - Por favor,não me toque!
-Qual foi gatinha..?
-Não ouviu o que ela disse? - Michael veio com tudo pra cima do homem,esmurrando-o com fúria
-Michael!
-Se tocar nela eu te arrebento!
-Mike sai de cima dele! - Eddy veio separar a briga, ele tirou Michael de cima de Christopher,que mesmo cambaleando,saiu apressado
-Pode me soltar! - Michael respirou fundo e olhou pra mim - Ele fez alguma coisa Nicole?
-Não.. - murmurei
-O que você tem amor? - senti minhas vistas pesarem e tudo ficou preto

           

* * * *

-Nicole? Nicole fala comigo! - escutei a voz de Michael. Abri meus olhos e me deparei com ele todo assustado. Olhei em volta e percebi que estava em uma sala, e tinha alguns seguranças na porta

-Michael..

-Graças a Deus você acordou! O que aconteceu meu amor?
-Eu não sei.. Michael você bateu naquele cara,você tá bem? -ele riu
-Não se preocupe comigo amor.. Eu me descontrolei ne? Mas eu fiquei louco ao ver aquele cara dando em cima de você,me desculpe..
-Não precisa se desculpar.. Fiquei preocupada com sua perna.
-Tá tudo certo,quer dizer,a cara  dele que eu não garanto.. Mas é sério,eu nunca vi você passar mal desse jeito,está doente?
-Precisamos conversar Michael..
-Sim,mas agora você precisa descansar. Meus seguranças descobriram uma forma de sairmos sem que nos vejam. Vamos?
-Uhum.. Michael não pode me pegar no colo,está com a perna torcida!
-Hey,quem precisa de cuidados é você,mocinha! - Michael me pegou cuidadosamente no colo e me levou até o carro
-Não tem como ficarmos em um hotel?
-Sim,mas porque?
-A viagem até Neverland é tão longa.. - na verdade eu tinha medo de enjoar por causa da gravidez
-Tudo bem, vamos para um hotel mais próximo. Amanhã bem cedo terei uma reunião com meus advogados na cidade mesmo..
-Reunião?
-Sim,vamos acertar o maldito acordo com Evan Chandler.
-Vai falar pessoalmente com ele?
-Ao que parece sim! Não imagina como será difícil.. Mas vamos falar disso amanhã,agora eu vou cuidar de você ..
-Ô coisa boa..
-E amanhã vamos conversar como você pediu ta?
-Certo.. - o carro parou e Michael me ajudou a descer. Eu estava tão cansada que era melhor dar a notícia no dia seguinte.
 Amanhã viraremos essa página e com um filho chegando tenho certeza que nossa felicidade estará completa, é tanta alegria que parece que eu estou sonhando..




Capítulo 56 

Michael


   Assim que o dia amanheceu,levantei rapidamente para ter a reunião com meus advogado e com Evan Chandler. É claro que estou nervoso,olhar pra esse cara já me dá calafrios.
A reunião seria feita em meu apartamento de Nova York. Falei com Nicole que assim que acabasse,eu ligaria para ela vir,não queria ela participando disso,na verdade tenho vergonha.
  Meu motorista estacionou o carro na garagem e logo pegamos o elevador. Em questão de minutos,John Branca e sua equipe já estavam no apartamento.
-Bom dia Michael,como está a perna? - disse Branca
-Melhor.. Mas agora estou nervoso!
-Calma Michael,esse pesadelo vai acabar finalmente. Evan já está chegando.
-Não vou aguentar olhar pra cara desse homem! - a campainha tocou, assim que ele entrou,respirei fundo e me controlei
-Bom dia Evan. - John iniciou a conversa
-Ótimo dia,está bem Jackson?
-Só vou estar quando você sumir da minha vida!
-Quem não deve,não teme!
-Desgraçado,você sabe muito bem que eu não fiz nada! Por que inventou isso,por que? É dinheiro que você quer? - gritei sentindo minhas veias retesarem
-É isso mesmo! Mas a ideia não foi minha totalmente..
-Do que você está falando?
-Só conto depois do cheque nas minhas mãos!
-Claro não é? - ri sem humor. Peguei o cheque de alta quantia e pedi que Branca entregasse à ele
-Uau! Foi bom tratar de negócios com você!
-Agora fala logo! Quem foi que armou essa palhaçada?
-Ok.. Uma loira,aquela modelo..Nicole Almanza.
-Ah faça-me o favor! - ri com ironia - Acha mesmo que vou acreditar nisso?
-Isso já é problema seu!
-Pera ai.. Nos conte direito esse história! - Branca pediu
-Ok.. Essa mulher me procurou há uns meses atrás. Ela estava visivelmente nervosa,morrendo de raiva de você,agora o motivo não sei.. Então ela me pagou para que meu filho acusasse você de abusar dele.
-Isso é um absurdo! Não é a Nicole!
-Primeiro,a única mulher que me pediu isso era loira, modelo e com nome de Nicole e segundo, tenho essas belezinhas aqui que ela me deu! - Evan me mostrou alguns cheques com uma alta quantia em dinheiro e pior,com as assinaturas de Nicole. Foi como dez facadas em meu peito. Me apoiei na mesa e pisquei duas vezes
-Não.. não pode ser..
-Ela disse que você pagaria por ter feito ela de capacho por tantos anos. É só o que eu sei.. - Evan concluiu
-Acho que já pode ir embora,ganhou o que você queria. Agora só basta assinar e acabou essa história! - disse John
-Certo! Nos vemos por ai.. - Evan saiu com um sorriso vitorioso
  Me sentei na poltrona encarando o chão,eu não conseguia processar tudo que ele me disse. De repente tudo ganha sentido. A acusação foi feita logo depois da briga que tivemos por causa da Lisa,eu nunca vira Nicole daquele jeito. E assim que a bomba estourou,Nicole veio correndo até mim,nem por um segundo ela desconfiou se eu havia feito isso.
  Claro que não,pois ela que armou essa monstruosidade. Queria se vingar de mim e depois sair como boa moça para me fisgar de vez. Agora tudo está tão claro,Nicole tinha motivos de sobra para fazer isso. Deus,como fui idiota para cair nessa, estava tão fragilizado que não percebi que foi tudo premeditado.
-Michael,fala alguma coisa! - John me olhou preocupado
-Saiam,por favor. Preciso ficar sozinho.
-Michael..
-Por favor,Branca! -alterei a voz
-Vai ficar bem?
-Não posso te responder.. - John suspirou e saiu do apartamento junto com os outros advogados
  Quando a porta se fechou,taquei no chão tudo que vi pela frente. Eu sentia um ódio tão grande que minha vontade era de destruir toda a mobília.
Me entreguei de corpo e alma para essa mulher, dei todo meu amor,meu coração,de bandeja,entreguei. Confiei minha vida em suas mãos, acreditei que finalmente tinha encontrado meu caminho e agora descubro que tudo não se passou de uma mentira, de um plano perverso para me seduzir. 
  Minha vontade é de entregar essa mulher pra polícia,desmascarar ela e seu cúmplice. Mas eu a amo desgraçadamente e eu me odeio por ser tão covarde e fraco. Mas uma coisa é certa, Nicole vai sumir da minha vida,vai se arrepender por ter me prejudicado dessa forma.
  Me sentei no chão chorando copiosamente, eu achei que morreria de tanta dor no coração que eu sentia. Ergui minha cabeça por conta do barulho do meu celular no bolso. Era Nicole. Respirei fundo e atendi.
-Oi amor! Desculpe te atrapalhar,mas fiquei preocupada,você não me ligou. A reunião já acabou?
-Sim.. Acabou agora pouco.
-Que voz é essa? Aconteceu alguma coisa?
-Ainda não. Nicole,me espere no hotel. Vamos para Neverland agora mesmo.
-Tá,eu já estou pronta.
-Ótimo. 
-Até mais amor,amo você!
-Até mais. - desliguei rapidamente. Tive que me segurar para não me descontrolar e explodir no telefone mesmo. Mas fui firme,Nicole não sabe o que lhe espera quando chegarmos em Neverland
.


Capítulo 57 


Nicole


   Percebi um tom estranho na voz de Michael. Tenho certeza que foi por causa de Evan,imagino como deve ter sido humilhante para Michael ter que fazer um acordo com um monstro ,mas se Deus quiser esse assunto será esquecido e Michael poderá dar a volta por cima.
   Eu não vou adiar mais,assim que chegarmos em Neverland vou contar à ele que estou grávida,quem sabe Michael se anima depois de descobrir que será pai?
   A recepcionista do hotel me telefonou para informar que meu carro havia chegado. Peguei minha bolsa e desci direto para a garagem. Entrei no carro e me sentei ao lado de Michael,que olhava fixamente pra janela.
-Oi amor! - Michael se virou e lhe dei um beijo. Ele se demonstrou bem frio por sinal
-Oi Nicole.
-O que você tem?
-Não é nada,só essa reunião que me tirou do sério. - disse sem olhar para mim
-Ele fez alguma coisa? Te provocou?
-Ele disse várias coisas,mas vamos falar disso em Neverland.
-Certo.. - Michael suspirou e logo o carro estava em movimento. Durante todo o caminho eu enjoei constantemente. Tomei alguns remédios para enjoo e apaguei. Só acordei quando estávamos próximos à Neverland
   Assim que entramos no Rancho, fui direto tomar um banho para me despertar. Michael disse que teria que fazer uns telefonemas e me encontraria na sala.
Quando desci as escadas vi algumas malas próximo ao corrimão. Michael estava de frente à janela observando o crepúsculo,sem notar minha presença.
-Vai viajar Michael?
-Eu não. - respondeu sem ao menos se virar para mim
-Não estou entendendo..
-É você que vai embora daqui! - Michael veio para a minha direção. Seus olhos estavam vermelhos,transbordando de ódio
-Por que está falando assim comigo? - me desesperei
-Porque eu já sei de tudo! Você é um monstro Nicole,uma psicopata!
-Você enlouqueceu? Pelo amor de Deus,me explique agora o que está acontecendo! - gritei
-Seu cúmplice me contou toda a verdade! Já sei que foi você quem planejou tudo isso! - suas veias retesaram,Michael parecia estar fora de si
-Que plano?
-Da acusação de pedofilia,porra! Evan me contou a verdade,já sei que foi você que armou isso tudo para se vingar de mim! Qual o seu problema ein? Tudo isso porquê eu estava com a Lisa não é? Quis se vingar de mim e de quebra, me conquistar. Você é baixa Nicole!
-Cala a boca! Você enlouqueceu? Mas que porra você pensa que é pra falar tanta merda? Michael como pode acreditar que eu faria isso com você?
-Não perca seu tempo com essa ladainha! Eu vi provas Nicole,provas!
-Que provas? Me fala!
-Cheques com as suas assinaturas, cheques para o seu cúmplice! Ele me mostrou e tudo o que ele disse tem sentido,meus olhos foram abertos Nicole,nada do que me disser vai me fazer acreditar em você!
-Certo.. - respirei fundo - Você acredita mesmo nisso?
-Tenho certeza absoluta! Agora você vai sumir da minha vida e agradeça a Deus por eu não te denunciar!
-Co..como é? Teria coragem de fazer isso?
-Isso e muito mais! Mas não quero perder tempo com uma mulher desprezível como você,agora desapareça da minha frente! - berrou. Michael puxou meu braço, pronto pra me expulsar da sua casa
-Me solta! - gritei, estapeando sua bochecha - Não ouse me expulsar daqui! Não sou seu cachorro,Michael Jackson! E não se preocupe, sairei de Neverland com a cabeça erguida,pois tenho a total certeza de que não fiz nada contra você,pelo contrário! Desde que te conheci só tenho vivido por você, te protegendo, cuidando de você com unhas e dentes, mas é assim mesmo.. A rasteira vem de onde menos esperamos. Espero que seja feliz convivendo com o remorso! Ah, pode jogar essas malas no lixo! - peguei minha bolsa e saí correndo.
  A chuva forte me fez escorregar pela grama molhada. Tirei meu salto e voltei a correr,mesmo descalça.
   Eu precisava sumir dali de qualquer jeito. Um terrível sentimento de ódio aflorou no meu peito. Eu queria estapear Michael até deformá-lo. Mas não,eu não sou assim. Michael terá seu pior castigo,pois eu sei que quando a verdade aparecer, ele estará sozinho,sem eu e sem o filho que carrego em meu ventre.
  Me sentei na calçada do lado de fora do rancho,estava cansada demais para continuar andando. Grudei meu rosto nos meus joelhos e chorei,chorei até cansar,até perder as forças..


Capítulo 58 

Nicole



Decidi me levantar e continuar andando. A chuva só fazia aumentar e por mais que estivesse difícil caminhar naquelas condições,eu não tinha estômago para continuar ali.
 Os faróis de um carro me chamaram atenção,ele parou próximo a mim e a janela se abriu. Por um segundo pensei que poderia ser Michael,mas não. Não era ele.
-Nicole? O que tá fazendo sozinha debaixo dessa chuva? - era Matt, pelo menos era alguém que eu conhecia. Ele saiu do carro imediatamente e veio até mim
-Me tira daqui,por favor.. - Matt me abraçou e eu voltei a chorar
-Entra no carro! - ele abriu a porta pra mim e me cedeu seu sobretudo
-Por que está aqui sozinha? Ainda mais perto de Neverland!
-Uma longa história. Só dirija por favor...
-Claro! - Matt dirigia rapidamente, logo estávamos no  luxuoso hotel em que  estava hospedado.
  Entramos no quarto e ele pediu para que eu tomasse um banho quente. Vesti um roupão e voltei para o quarto,Matt me esperava preocupado com uma xícara de chá nas mãos.
-Obrigada Matt.. O que fazia próximo à Neverland?
-Queria visitá-la,mas então te encontrei no meio da estrada. Tem ideia de como foi perigoso isso?
-Nada pra mim importa mais..
-O que aconteceu? Conta pra mim..
-Michael e eu brigamos,quer dizer,foi muito mais que uma briga!
-Vocês estão juntos não é?
-Estávamos! Michael acabou com tudo..
-Mas por que?
-Acredita que ele acha que eu que planejei a acusação contra ele?
-Como assim?
-O pai do Jordan disse pro Michael que paguei ele para inventar essa história! Matt,as únicas vezes que vi esse homem foi em Neverland,nunca nem falei com ele!
-Calma Nick.. Mas por que ele inventou isso?
-Eu não sei! Deve ser pra se safar dessa.. O pior não é isso e sim o fato de Michael ter acreditado nesse pilantra! Nunca fui tão humilhada  toda minha vida Matt.. Ele praticamente me expulsou do Rancho!
-Calma meu anjo.. - Matt afagou meus cabelos - Michael é um trouxa influenciável. O único a sair perdendo será ele! Você sabe que não fez nada contra ele, erga a cabeça e siga em frente!
-Como se fosse fácil.. - ri sem humor
-Eu sei que não é,mas tente!
-Matt eu estou grávida! - voltei a chorar copiosamente. Matt arregalou os olhos
-Isso é sério?
-Sim.. Eu iria contar hoje mesmo,mas ai.. Meu Deus,o que eu vou fazer agora? Estou perdida!
-Calma.. Olha pra mim. Eu vou estar ao seu lado,vou ajudar você..
-Você? Logo você que me traiu?
-Me arrependo todos os dias por isso.. Nicole eu posso ter traído você com outra mulher,mas jamais lhe faria mal! Você precisa de ajuda,me deixe cuidar de você!
-Obrigada Matt, se você não tivesse me tirado daquele lugar eu..
-Shii,não pense mais nisso! Amanhã vamos conversar sobre o que faremos, mas agora você precisa descansar.Pense no seu bebê..
-Você tem razão..
-Eu vou dormir em outro quarto,amanhã mesmo comprarei roupas pra você,ok?
-Obrigada Matt..
-Boa noite princesa! - Matt me deu um beijo na testa e saiu do quarto
-Boa noite.. - eu não iria chorar,não podia chorar.. Michael não merece que eu derrame uma lágrima por ele.. Eu vou superar de alguma forma.

Michael




Passei a semana todo arrasado. Eu não dormia,não comia e não atendia as ligações. Cada vez que eu pensava em Nicole,mais eu chorava. Me lembrei de todos os nossos momentos e das diversas vezes que ela disse que cuidaria de mim.
-Por que tudo teve que acabar assim Nicole,por que? Você não precisava ter feito isso,sempre te amei e você estragou tudo,tudo!
-Sr Jackson? Não vai tomar café? - perguntou Remy
-Não estou com fome..
-Sua mãe está na sala.
-Mamãe? Diga a ela que já estou indo! - lavei meu rosto e percebi no reflexo do espelho como eu estava acabado,destruído.. Eu poderia me definhar e eu não me importaria.
-Michael? - mamãe veio me abraçar
-Oi mãe..
-Meu Deus,Michael o que aconteceu com você?
-Acabou tudo mãe..
-Eu já sei de tudo.
-Sabe?
-Sim. Branca me contou tudo. Michael,acha mesmo que Nicole faria isso? Ela te ama meu filho..
-Isso não é amor mãe,é obsessão! Por mais que seja difícil de acreditar,essa é a mais pura verdade,tudo se encaixa!
-Você a escutou? Ouviu o que ela tinha para dizer?
-Não tem o que ouvir mãe! Aceite os fatos, Nicole fez isso por vingança,achou que fosse o melhor meio para me conquistar..
-Olha Michael,eu te conheço. Sei que está sofrendo muito,que a ama e sei também que é orgulhoso,então não adianta viver assim. Vai acabar morrendo de tristeza!
-Eu sei mãe.. Prometo que vou me levantar,mas ainda não me sinto preparado,preciso da senhora.. - ela me apertou em seus braços
-Oh meu querido.. Não vou sair daqui,vou cuidar de você,meu anjo.

Capítulo 59 

Nicole


    Dois meses se passaram desde que tudo aconteceu e eu já estou com quatro meses de gestação. Logo será impossível disfarçar a barriga,mas por enquanto uso roupas bem largas.
De onde tiro forças? Da Nani,claro e também do Matt. Ele tem sido perfeito comigo,não sai de perto de mim e toda vez que me vê triste,ele muda meu astral. Ele também me fez uma proposta, Matt quer que recomecemos do zero.
   Pra ser mais direta,ele quer se casar comigo e assumir a paternidade do meu filho,sim estou esperando um menino! 
    Digo isso porquê não tenho pretensão nenhuma de contar para Michael,pois tenho certeza que ele vai pedir DNA e assim que o resultado sair,ele vai querer tomar meu filho de mim. Conheço Michael há anos e sei como ele pode ser sórdido quando está com ódio.
    E é por isso que decidi dar uma nova chance ao Matt. Eu sei que ele me traiu uma vez,mas o que Michael me fez é mil vezes pior e tudo que Matt tem feito por mim me deixa maravilhada.
-Nick, está pronta? - Matt me chamou
-Cheguei! Como estou? 
-Perfeita.. como sempre ne? 
-Obrigada! E pra onde vamos hoje?
-Primeiro vamos naquele musical que você tanto quer ir e depois jantaremos no seu restaurante preferido,que tal?
-Adorei! 
-Sabe que terá paparazzis por lá né?
-Eu sei .. E se perguntarem se estamos juntos eu vou confirmar!
-Sério?
-Sim.. Matt eu pensei muito e decidi que aceito o seu pedido de casamento. Eu tenho que pensar no meu filho..
-Nossa Nick eu tô tão feliz! Nem sei o que dizer.. Olha pra mim, eu vou saber esperar seu momento e vou fazer tudo que eu puder pra te fazer feliz. Vou amar seu filho como se fosse do meu sangue.. Amo você Nicole! - eu fiquei tão emocionada que puxei Matt e lhe dei um suave beijo nos lábios. Eu tinha que recomeçar a minha vida e acredito que Matt vai cuidar de nós dois.
Michael

  Dois meses sem notícias de Nicole. É até melhor assim.. Graças a Deus, a acusação foi retirada por Evan,menos um problema na minha vida. Decidi retomar a turnê logo depois do que aconteceu, eu precisava sair da penumbra do meu quarto e voltar a viver.
   Acordei um pouco mais cedo do que o normal. Eu havia encerrado a Dangerous Tour e voltei imediatamente para Neverland. Confesso que tem sido difícil voltar para essa casa e não ver Nicole, sentir seu perfume,ouvir sua voz.. Mas terei que me acostumar,Nicole saiu da minha vida para sempre.
-Bom dia Mike! - disse Brett, grande amigo meu
-Fala meu chapa! Como está?
-Eu to joia, já você..
-O que está insinuando?
-Eu? Nada.. Quer dizer, você já ligou a TV  hoje ou leu a revista?
-Não senhor. Por que?
-Bem a sua.. ex namorada, a Nicole, tá na boca do povo..
-Dane-se! - disse fingindo indiferença
-Hmm certo.. Se tiver curiosidade.. - Brett jogou a revista em cima da mesinha e assim que bati o olho,vi uma foto de Nicole com o ex e a manchete foi bem clara:





" Nicole Almanza e Matt Ruttler juntos de novo. Será?
O "casal" foi flagrado em clima romance na saída de um restaurante na noite anterior,ao que parece o casal reatou o namoro,pois ao ser perguntada por um dos repórteres se teriam reatado, a modelo disparou : "Quem sabe?"
Nós ficaremos de olho em Nicole e em mais um capítulo dessa história de amor.. "


-Pera ai..Eu li isso? Quer dizer que a Nicole voltou com esse filho da puta? - gritei. Meu sangue estava fervendo,eu poderia infartar ali mesmo
-Qual o problema? Não foi você mesmo que mandou a garota passear?
-Brett não tem nem dois meses e ela já está com outro!
-E daí? Você mesmo disse que não queria saber mais dela,relaxa ai..
-Esses dois se merecem! São dois canalhas!
-Está com ciúme?
-Óbvio que não! Tenho que agradecer a Deus por ela ter me deixado em paz! Me dê licença!
-Toda.. - deixei Brett falando sozinho e subi para o meu quarto. Me repudiei por ser tão fraco e começar a chorar novamente por essa mulher.



Capítulo 60 

Nicole


 Minha gravidez foi oficialmente anunciada hoje,pois eu já estou de cinco meses e foi impossível continuar escondendo. Essa notícia está sendo um alvoroço e o  pior não para. Se Michael ligar os pontos vai vir correndo aqui tirar satisfações e eu tenho que me preparar muito para essa conversa.
-O que você tem querida?
-Nani, todos já sabem da gravidez e logo Michael também saberá!
-E o que você vai fazer?
-Negar até a morte! Já disse que o pai do Max é o Matt e é assim que tem que ser. Logo vamos nos casar e este assunto estará por encerrado!
-E se você se arrepender?
-Não irei! Já disse Nani, Michael nos expulsou da sua vida,acabou!
-Ok.. não vou mais aborrecê-la com isso. E é pra quando o casamento?
-Quero que seja o mais rápido possível! Logo minha barriga vai crescer mais e o médico deixou bem claro que minha gravidez se complicará.
-Oh menina.. Espero que consiga ser feliz com esse rapaz.. - Nani lamentou
-Eu vou ser!
-Vou deixá-la sozinha,depois lhe chamo para o jantar.
-Obrigada Nani!
 Voltei a ajeitar minhas roupas quando escutei um estrondo na porta. Quase fui ao chão quando me deparei com Michael. Caramba não esperava vê-lo tão cedo!




-O que faz aqui na minha casa?
-Meu Deus.. - Michael olhava abismado para a minha barriga saliente - Não é possível..!




-Ainda não me respondeu! - disparei
-Nicole não me diz que eu sou..
-O pai? - ri sem humor - Não sabe ler revista? Matt é o pai do meu filho! - gritei
-Não acredito! Está com a gravidez avançada,não sou idiota! Estava grávida antes mesmo de terminarmos!
-Não fala besteiras!
-Olha pra mim! - Michael se aproximou - Exijo que me diga a verdade agora!
-Você não é o pai do meu bebê!
-Então você estava com o Matt há mais tempo? - Michael cruzou os braços
-Quer saber? É isso mesmo! Enquanto você estava fazendo turnê,eu e Matt voltamos a nos relacionar! - senti minha garganta apertar por tamanha mentira
-Não.. Não é possível que seja tão vadia à esse ponto!
-Pense o que quiser! Acontece que eu fiz as contas e está fora de cogitação você ser o pai!
-Tenho nojo de você,nojo! - Michael  saiu furioso do meu quarto.
 Respirei fundo e me sentei na cama. Eu sabia que essa hora chegaria,mas de qualquer forma foi terrível esse novo confronto com Michael.

Michael

 Voltei para Neverland com meu ódio triplicado. Durante toda a viagem de volta pra casa,eu só conseguia chorar e me xingar por ainda amar essa mulher.
   Assim que li aquela revista anunciando sua gravidez foi como se  acendesse uma chama no meu coração,mas que foi apagada da pior maneira possível. Entrei na sala da minha casa e Brett estava me esperando.
-E então,o que ela disse?
-Acredita que ela confessou que me traía com o Matt?
-O que?
-Ela disse que tem certeza que o Matt é o pai do bebê, porque eles estavam juntos há muito tempo!
-E você acreditou? Michael tá na cara que ela inventou!
-Por que ela faria isso?
-Por medo! Se ela dissesse que você é o pai,qual seria sua atitude?
-Entraria na justiça,óbvio!
-Pois então..
-Nicole mentiu, agora está bem claro!
-E o que você vai fazer?
-Não sei.. Mas vou tirar essa história a limpo, ah se vou!


Capítulo 61

Michael


-Sr. Michael,a Senhorita Presley está lhe esperando lá fora. Posso permitir a entrada? - perguntou Remy
-Claro que sim.. Já vou recebê-la. - terminei de pentear  meus longos cabelos e.. droga! Toda vez que faço isso,me lembro de Nicole - Eu vou é cortar esses cachos,isso sim! - falei em voz alta
 A presença de Lisa tem me ajudado muito a superar o que aconteceu. Ela sim é uma mulher íntegra. Mesmo eu a trocando para ficar com Nicole,ela tem me apoiado e cuidado de mim.
-Bom dia Michael! - Lisa veio sorridente me abraçar
-Bom dia Lisa, como está? 
-Melhor agora. E você?
-Digo o mesmo! - ela riu
-Não parece.. Que carinha é essa?
-Lisa, você acha que eu posso ser o pai do filho que a Nick..Nicole está esperando?
-Ué,se ela disse que o pai é o noivo dela, não tem porquê ter dúvidas!
-É tão difícil acreditar que ela tenha feito isso comigo..
-Mulher rejeitada é capaz de tudo Mike.. Ainda bem que você se livrou dela, ela tinha uma aura tão pesada..
-Não vamos mais falar dela. Lisa eu tomei uma decisão.
-Pode falar!
-O que você diria se eu te pedisse em casamento?
-O o que? Michael isso é sério?
-Sim. E então? O que me diria?
-Que eu aceito, claro! 
-Então isso é sim?
-Se for um pedido.. - ri
-É um pedido sim. Case comigo Lisa!
-É claro que caso meu amor! - Lisa pulou nos meus braços e me beijou


                   
* * * *

        Nicole

  Os preparativos do meu casamento já estão acontecendo. Preciso me casar logo,colocar minha vida no lugar.. Eu juro que se Michael viesse aqui hoje me pedir perdão por tudo,eu voltaria de braços abertos para ele. Mas isso não vai acontecer,sei que não vai..
 Decidi ligar a TV para me distrair,mas infelizmente  fiz isso na hora errada,pois a notícia a seguir me destruiu totalmente.
 
       '' O casamento do ano"

    Michael Jackson e Lisa Marie Presley anunciaram casamento relâmpago.
 A notícia pegou todos de surpresa,pois a notícia veio da própria assessoria do casal,inclusive eles já são clicados em vários lugares juntos e não fazem questão de esconder o romance
.




-Quer dizer então que você se casou,cabeça de maçã.. Espero que consiga ser feliz,do fundo do meu coração..

    
Dois meses depois


-Uau! Nick você está linda! - Lola, minha amiga de longa data, me ajudava nos últimos retoques da minha maquiagem
-Obrigada.. 
-Matt já está no altar. Por que não quis se casar na igreja?
-Quero uma coisa mais íntima e também com esse barrigão de quase oito meses seria impossível..
-Você tem razão..Vamos?
-Vamos!
-Deixe eu te ajudar..

 A cerimônia seria feita em casa mesmo. Eu não queria meter Deus no meio disso,pra mim casamento religioso tem que ser com a pessoa que você ama e como eu nunca me casarei com Michael, decidi que me casaria apenas no civil.
  O juiz de paz disse algumas palavras,mas minha cabeça estava longe.. Tentei o máximo que pude evitar que as lágrimas descessem,mas agora essa é  minha realidade.
 Dissemos o tão esperado " sim", assinamos o livro e trocamos a aliança. Matt me deu um suave beijo e fomos aplaudidos. Se eu pudesse sairia dali de fininho,mas os convidados estavam de olho em nós dois.



Recebi os parabéns dos meus amigos,tiramos fotos e até que eu consegui sorrir um pouco. Quando Matt se abaixou para beijar minha barriga,percebi um vulto por entre as árvores. Quando a "pessoa" saiu apressada,vi nitidamente que usava chapéu,óculos e camisa preta. Sim,tenho total convicção de que era o Michael..


Capítulo 62

Michael


 Hoje completo dois meses de casado. Pra falar a verdade,achei que poderia ser feliz ao lado de Lisa,mas me enganei. A saudade de Nicole aperta cada dia mais. E toda vez que vejo uma foto sua com aquela barriga enorme,meu coração se enche de alegria.
 Parece que o bebê está para nascer esse mês e ai sim poderei tirar essa dúvida da cabeça de uma vez por todas. Por mais que eu tente evitar,sinto que sou pai desse bebê sim,não importa quantas vezes ela diga o contrário.
-Oi amor.. Por que está tão distante? - Lisa me tirou dos meus devaneios
-Não é nada.. Hoje tenho que ir naquele programa de TV e você sabe que eu não gosto..
-Entendo,se eu pudesse iria com você,mas prometi jantar com mamãe hoje..
-Tudo bem,linda. Vai ser rápido também! Já vou..
-Boa sorte!
-Obrigado..
 Segui para a emissora de TV acompanhado do meu amigo e assessor Brett e meu segurança. Entramos disfarçadamente e eu fui direto para o camarim me arrumar.
-Michael Jackson! Prazer em tê-lo aqui conosco!
-Oprah! Como está?
-Bem, agradeço por ter aceito o nosso convite. Sei que não gosta de entrevistas..
-Ah tudo bem. Para pessoas como você eu aceito dar entrevistas! - sorri
-Fico lisonjeada! Bem,você entra em cinco minutos.
-Ok!
-Agora vou dar um oi para a outra convidada..
-E quem é? - perguntei despreocupadamente
-A Nicole Almanza.
-O que?
-Não sabia? Ela estará conosco hoje..  Até mais Michael!
-Ouviu isso Brett? A Nicole está aqui também!
-É Mike.. parece que o destino quer unir vocês dois..
-Não fala besteira! Deus e agora? - perguntei aflito
-Sr. Jackson,já pode ir para a sala. - um rapaz da produção veio me avisar
-Certo.. Obrigado.
-Olha Mike,se não suporta a presença da Nicole,tente agir naturalmente..
-Como se fosse fácil! - ri sem humor
-Você ainda a ama?
-Claro que não! Estou muito bem casado com a Lisa e Nicole é passado!
-Se você diz..
-Deixe eu ir. Espero vê-la só naquele maldito palco mesmo..


Segui para a sala de espera. Em poucos minutos o programa vai começar e eu terei que enfrentar essa mulher.
 Quando me sentei no sofá,fechei meus olhos e respirei fundo. Senti um aroma floral adentrar minhas narinas. Abri meus olhos e vi Nicole entrando na sala sendo ajudada por duas mulheres da produção. 


-Está melhor assim Sra Nicole? - uma das moças perguntou ao ajudar ela a se sentar
-Oh sim.. Obrigada! - ela sorriu - É a barriga que pesa uma tonelada! - Nicole percebeu que eu estava ali e arregalou os olhos
 As duas moças saíram deixando- nos a sós. Eu mandei minha consciência se calar e me levantei do sofá,me sentando no mesmo em que ela estava.
-Vo..você está de nove meses?
-Estou.. - Nicole olhava para a parede
-É um menino?
-Sim.. Max o nome dele.
-É bonito o nome..
-Se soubesse que viria hoje,não teria aceito o convite! - disse firme,seu olhar tinha mágoa e muita decepção
-Digo o mesmo,mas teremos que nos aturar pelo menos por duas horas!
-Me dê licença! - Nicole tentou se levantar,mas gemeu e eu rapidamente a segurei - Ai!
-O que foi Nick? Você está bem?
-Estou.. É normal as contrações no final da gestação.. 
-Sente aqui. - ajudei Nicole a se sentar novamente. Ela fechou os olhos e levou sua mão à barriga
 Juro que não sei o que deu em mim,mas também levei minha mão até seu ventre e acariciei lentamente. Nicole olhou pra mim assustada,mas não fez menção para que eu parasse.
 Naquele momento tendo um contato tão íntimo com sua barriga,me arrepiei por inteiro. Senti meu coração bater mais forte e uma onda de felicidade se apossou de mim. À essa altura eu já não pensava em mais nada, me aproximei mais dela com os olhos fixos na sua boca.
 Encostei lentamente meus lábios nos seus. Os mesmos lábios doces e quentes que me tiravam o sossego.. Envolvi uma das minhas mãos em torno da sua nuca e a outra permaneceu em sua barriga. 
 Minha língua pediu passagem e fui recebido calorosamente, aprofundei aquele beijo tão desejado por mim.. Senti que ela também me correspondia,pois suas mãos envolveram meu pescoço. Eu não me importava com mais nada ou ninguém, era só eu e minha eterna loirinha ali naquela sala..





Continua.. 






132 comentários: